- Evolução -

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

- Evolução -

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Abr 04, 2011 11:01 am

Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Ninguém colhe em seara alheia, o que não haja semeado, no que diz respeito aos valores morais.

Cada um é herdeiro de si mesmo. Espírito imortal que é, evolui de etapa em etapa, como aluno em educandário de amor, repetindo a lição quando erra e sendo promovido quando acerta.

Assim, numa existência dá prosseguimento ao que deixou interrompido na outra, corrige o que fez errado ou inicia uma experiência nova.

O que, porém, não realiza por amor, a dor o convocará a executar.


Confia e Caminha
Livro: Luz e Vida
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

A existência na Terra é comparável a uma viagem de aperfeiçoamento, na qual necessitas seguir adiante, ao lado de nossos companheiros da jornada evolutiva.

Muitos te desconhecem, no entanto, Deus sabe quem és.

Muitos te menosprezam, contudo, Deus não te abandona.

Muitos te hostilizam, mas Deus te apoia.

Muitos te reprovam, em circunstâncias difíceis, no entanto, Deus te abençoa.

Muitos se te afastam da presença, todavia, Deus permanece contigo.

À vista de semelhante realidade, sempre que tropeços e provações te apareçam, não te acomodes, à beira da estrada, em algum recanto da inércia.

Confia em Deus e caminha.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Hábitos Infelizes

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Abr 04, 2011 11:02 am

Livro: Sinal Verde
André Luiz & Francisco Cândido Xavier

* Usar pornografia ou palavrões, ainda que estejam supostamente na moda.
* Pespegar tapinhas ou cotucões a quem se dirija a palavra.
* Comentar desfavoravelmente a situação de qualquer pessoa.

* Estender boatos e entretecer conversações negativas.
* Falar aos gritos.
* Rir descontroladamente.
* Aplicar franquezas impiedosas a pretexto de honorificar a verdade.

* Escavar o passado alheio, prejudicando ou ferindo os outros.
* Fugir da limpeza.
* Queixar-se, por sistema, a propósito de tudo e de todos.
* Ignorar conveniências e direitos alheios.

* Fixar intencionalmente defeitos e cicatrizes do próximo.
* Irritar-se por bagatelas.
* Indagar de situações e ligações, cujo sentido não possamos penetrar.
* Desrespeitar as pessoas com perguntas desnecessárias.

* Contar piadas susceptíveis de machucar os sentimentos de quem ouve.
* Zombar dos circunstantes ou chicotear os ausentes.
* Analisar os problemas sexuais seja de quem seja.
* Deitar conhecimentos fora de lugar e condição, pelo prazer de exibir cultura e competência.

* Desprestigiar compromissos e horários.
* Viver sem método.
* Agitar-se a todo instante, comprometendo o serviço alheio e dificultando a execução dos deveres próprios.
* Contar vantagens, sob a desculpa de ser melhor que os demais.

* Gastar mais do que dispõe.
* Aguardar honrarias e privilégios.
* Não querer sofrer.
* Exigir o bem sem trabalho.

* Não saber agüentar injúrias ou críticas.
* Não procurar dominar-se, explodindo nos menores contratempos.
* Desacreditar serviços e instituições.
* Fugir de estudar.

* Deixar sempre para amanhã a obrigação que se pode cumprir hoje.
* Dramatizar doenças e dissabores.
* Discutir sem raciocinar.
* Desprezar adversários e endeusar amigos.

* Reclamar dos outros aquilo que nós próprios ainda não conseguimos fazer.
* Pedir apoio sem dar cooperação.
* Condenar os que não possam pensar por nossa cabeça.
* Aceitar deveres e largá-los sem consideração nos ombros alheios.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

ASCENSÃO

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Abr 04, 2011 11:03 am

O irmão tempo favorece as grandes reparações.
É ele quem possibilita o aprimoramento consciencial necessário.
Ontem, fomos inimigos.
Hoje, somos amigos ligados em tarefas redentoras.

Matamos e morremos em vários contextos.
Fomos carrascos e vítimas, guerreiros das ilusões.
Tombamos e nos erguemos, vida a vida, levados pelas ondas do tempo...
Éramos tolos e não sabíamos.

Gritávamos alto, mas nossas atitudes eram opacas.
Brigávamos muito, mas éramos fracos de consciência.
Não percebíamos, mas éramos covardes dentro de nós mesmos.

Nosso sangue derramado e o dos nossos companheiros e inimigos não ampliou nossas consciências, apenas imantou-nos as ondas cármicas corretivas.
Éramos violentos e sem luz, mas, mesmo assim, uma força invisível superior deu-nos novas chances de crescimento.
Fomos arrebatados pelas ondas da luz, que nos levou a novos rumos e nos propiciou a chance de trabalharmos nas lidas espiritualistas.

Amparadores bondosos nos patrocinaram cursos intensivos nas escolas invisíveis e foram fiadores de nossos novos esforços na carne.
Assumiram compromissos por nós e apostaram em nosso serviço.

Não olharam nosso passado, não nos julgaram, somente disseram:
"Vão e trabalhem em nome do Bem. Sigam os passos da paz.
Operem em nome do amor.

Estaremos com vocês invisivelmente e inspiraremos as luzes subtis em seus pensamentos.
Vocês passarão por repercussões cármicas inexoráveis, mas estarão abençoados pelos eflúvios dos serviços espirituais prestados sem desejo de recompensas ou de reconhecimento público.
Vocês vencerão as provas redentoras e dissiparão as trevas das antigas guerras com o serviço digno nas lidas espirituais.

Assediadores encarnados e desencarnados serão melhorados por suas actividades e eles serão seus amigos no futuro.
O tempo abrirá suas asas e os transportará na nave da experiência multidimensional.
Vocês trilharão caminhos sem sangue e seus passos serão etéreos, mesmo na Terra.

Nos momentos difíceis, lembrem-se dos mestres do mundo e das provações que eles passaram.
Jesus, Krishna e Buda não tiveram vida fácil na carne, mas permaneceram firmes em seus objectivos.
Com humildade, deixem que os exemplos deles sirvam de guias para sua jornada actual.

Vocês não são mais guerreiros cheios de ego, são embaixadores da paz!
Suas mãos não estão mais ensangüentadas. Elas estão envolvidas em suave luz.
Seus pés não pisoteiam mais ninguém. Há gotas de luz pingando em seus passos.

As ervas daninhas do ódio não proliferam mais em seus corações.
Em seu lugar há um jardim repleto das flores do Bem.
Trabalhem com simplicidade e respeitem os valores espirituais que esposaram.

Estaremos na caminhada com vocês, mas as provas são suas.
Em lugar das espadas, levem flores.
Trabalhem bem e fiquem certos de que o mesmo poder invisível que lhes arrebatou das trevas conscienciais e lhes deu a chance de regeneração, também lhes dará a força necessária para a ascensão devida.

Muitos zombarão de vocês e aportarão obstáculos no caminho, mas, CONFIEM!
Elevem o coração e abram o coração com modéstia e simpatia.
Vão e lembrem-se: nas esferas subtis há muitos amigos velando por vocês.

Eles não poderão remover as provas de seus caminhos na carne, mas lhes proverão de carinho e alegria invisíveis na caminhada.
Eles estarão abraçados com vocês do renascimento até o momento final de sua tarefa no mundo.
Então, de mãos dadas além da carne, vocês e eles ascenderão às paragens luminosas das consciências dignas.

O tempo das espadas acabou e há milhões de flores espirituais desabrochando em suas consciências.
Sigam contentes e agradeçam ao poder invisível que lhes outorgou as benesses do trabalho redentor."

Ontem, fomos inimigos.

Mas, felizmente o amor derreteu nossas espadas e nos levou a novos rumos.
Hoje, somos companheiros de jornada espiritualista.
Meus amigos, vamos projectar nossas flores no mundo, seja em pensamentos, sentimentos ou pelas irradiações de energias a favor de todos.

Estamos cheios de deficiências, mas as espadas já eram!
Há muitas flores desabrochando em nossos chacras.
Vamos oferecer seu perfume aos sofredores de todos os lugares e confiemos de que aquele poder invisível nos inspirará em todos os procedimentos.

Não sei os motivos que me levaram a escrever isso tudo para vocês, mas sei que as flores em seus corações lhes explicará melhor.

PS: Este *texto* foi direccionado para os 100 participantes do grupo de estudos de Projeciologia e Espiritualismo do IPPB.

Paz e luz para vocês!
Wagner D. Borges

De: Instituto de Pesquisas Projeciologicas e Bioenergéticas

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Linhas de Evolução

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Abr 04, 2011 11:04 am

Livro: Glossário Espírita-Cristão
Marco Prisco & Divaldo P. Franco

"Caridade e humildade, tal a senda única da salvação."
(Alan Kardec. E.S.E. Cap.XV. Item 5.)

Observando os companheiros a quem você deseja ajudar, seja breve na exposição e demorado no socorro.
Sem o suor do exemplo, os mais belos comentários perdem a legitimidade.

Utilize-se do poço do caminho, sem lhe tisnar a limpidez das águas.
Mais tarde você poderá necessitar dele novamente.

Seu vestuário desvela para os outros suas íntimas inclinações.
Use a roupa, sem a ela escravizar-se.

Mantenha a higiene de seu corpo para preservar a saúde.
No entanto, viver excessivamente preocupado com a limpeza é sintoma de desequilíbrio.

Cobiçando o melhor de cada dia, viva cada minuto nobremente, como se fosse o último a que você tivesse direito.
O depois começa agora.

Pare para reflectir, não obstante sabendo refletir para não parar.
Quem avança, sem estacionar, pára sem forças para avançar.

Planifique, antes de agir, e demonstrará respeito pelo serviço.
Evite, porém, planificar assoberbado de preocupações, pois que assim você jamais realizará algo.

Se você acredita em felicidade vivendo a sós, disponha-se para inquietantes aflições.
A gota de orvalho no deserto reflecte a glória de longínqua estrela, mas não dá vitalidade à terra onde se aquieta e consome, sem ajudar.

Em todas as conjunturas de sua vida, recorde-se da caridade, primeiro, e da humildade, logo depois.

"Caridade e humildade, tal a senda única da salvação."

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Brilhe a tua luz

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Abr 04, 2011 11:05 am

Livro: Alerta
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

A movimentação contínua da massa humana causa-te preocupação, se consideras a problemática espiritual, que a todos diz respeito.

Grande parte se te apresenta carrancuda, sob o extenuar das dores para as quais não se preparou, convenientemente, derrapando em violências contra os outros e contra si mesma.

Outra expressiva quantidade de criaturas transita distraída, sem dar-se conta das responsabilidades que lhe dizem respeito.

A desinformação em torno dos valores do Espírito - aqueles que são de duração imperecível -, é alarmante, somando aos conceitos erróneos que muitos esposam, em chocante desconsideração quanto às realidades da Vida.

Tendo em vista tais situações, reflecte em torno dos movimentos religiosos que conduzem as massas, esvaziadas de sentimento legítimo de fé, sem claridades interiores, ficando aturdido.

Sem dúvida, toda emulação edificante, intentando incorporar Jesus ao dia-a-dia dos homens, é de alta significação.
No entanto, a claridade da fé deve estar sustentada pelo combustível dos feitos, sob pena de apagar-se de um para outro momento.

Para lograr-se tal desiderato é imprescindível que haja um suporte da razão que se apoia nos factos, de que se não pode evadir a mente, quando ocorrências desagradáveis ameaçam o equilíbrio.

Desacostumados ao raciocínio em matéria de fé, os homens submetem-se aos códigos do amor agora, para abandoná-los mais tarde, crendo, por conveniências passageiras, antes por acomodação de interesses, do que pela necessidade de crescimento e renovação.

São respeitáveis as movimentações exteriores do clima religioso da Terra.
Todavia, é de vital importância a transformação moral do homem ante a presença da fé, na mente e no coração.

Quem diz crer e não produz para o bem do seu próximo, é insensato.

Se se utiliza da vida e não reparte bênçãos, torna-se dilapidador da oportunidade.

Se se enclausura na vaidade da salvação individual, faz-se parasita inconseqüente.

Se impõe a sua forma de ser, estribado em presunçosas convicções, transforma-se em prepotente.

Somente quando nele brilha a luz do Cristo, exteriorizando em actos o odor da caridade e do amor, é que se encontra em condições de provar que o caminho da felicidade leva ao próximo, numa viagem para fora, após haver-se penetrado pela busca interior, mediante a introspecção e a prece que ora o sustentam nos cometimentos libertadores.

Não te detenhas, ante os impedimentos massivos na tarefa de auxílio espiritual.

Junta a tua a outras candeias que estejam ardendo na noite das aflições, derramando para luminosidade.

Vai ao teu próximo e clarifica-o com a mensagem do Cristo, chamando-o à ação e à responsabilidade.

Não obstante o Evangelho houvesse sido pregado para a aturdida multidão, o Mestre não se poupou esforços no ministério de atender e iluminar uma a uma as criaturas que dEle se acercavam.

Tem confiança irrestrita na Sua governança e faz a tua parte sem precipitação nem pessimismo, não temendo a mole humana, nem tombando na marginalização por indiferença ou timidez.

Espiritualiza-te, e deixa que a tua luz brilhe confortadora, apontando os rumos da paz para os que seguem contigo.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Controle Emocional

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Abr 04, 2011 11:06 am

Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Mantém o teu controle emocional em todas as situações.

Sistema nervoso alterado, vida em desalinho.

Se dificuldades ameaçarem o teu equilíbrio, utiliza-te da oração.

A prece é medicamento eficaz para todas as doenças da alma.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

RECOMECE SEMPRE...

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Abr 05, 2011 2:42 pm

Observe a natureza.
Tudo nela é recomeço.
No lugar da poda surgem os brotos novos.

Com a água, a planta viceja novamente (renasce).
Nada para.
A própria Terra se veste diferentemente todas as manhãs.

Isso acontece também connosco......

A ferida cicatriza.
A dores desaparecem.
A doença é vencida pela saúde.

A calma vem após o nervosismo.
O descanso restitui as forças.

Recomece.
Anime-se.

Se preciso, faça tudo novamente.

Assim é a VIDA!
Recomece sempre...

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

A Escola Terra

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Abr 05, 2011 2:43 pm

Irmão José & Carlos Baccelli

A Terra é abençoada escola para o espírito em evolução.

Cada existência no corpo é um estágio imprescindível ao seu aprendizado.

As dificuldades são lições valiosas.

As provações são testes necessários.

A dor é a educadora por excelência.

Os obstáculos são convites à superação.

O aproveitamento curricular depende do esforço individual.

Não há privilégios e favorecimentos ilícitos.

Toda promoção se baseia nos méritos pessoais.

O próximo é a cartilha viva.

Jesus é o Mestre.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Decisão de Crescer

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Abr 05, 2011 2:43 pm

Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Há uma permanente luta íntima, quando o homem se resolve por abraçar a vida nobre.

Quais dois exércitos em fúria, no campo mental, surgem constantes confrontos.

Os guerreiros habituais - o egoísmo, o orgulho, a violência, a ambição tentam superar os novos combatentes - o amor ao próximo, a humildade, a pacificação, a renúncia.

O indivíduo sente-se dividido e angustiado.

Nesse terreno áspero brilha, porém, a luz da inspiração superior que lhe aclara a alma e a estimula a insistir nos propósitos elevados.

Investe na batalha da vida os teus esforços nobres e não desistas.

Cada dia de resistência representa uma vitória até o momento da glória total.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Passando pela Terra

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Abr 05, 2011 2:44 pm

Livro: Calma
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Sempre útil não te esqueceres de que te encontras em estágio educativo na Terra.

Jornadeando nas trilhas da evolução, não é o tempo que passa por ti, mas, inversamente, és a criatura que passa pelo tempo.

Conserva a esperança em teus apetrechos de viagem.

Caminha trabalhando e fazendo o bem que puderes.

Aceita os companheiros do caminho, qual se mostram, sem exigir-lhes a perfeição da qual todos nos vemos ainda muito distantes.

Suporta as falhas do próximo com paciência, reconhecendo que nós, os espírito ainda vinculados à Terra, não nos achamos isentos de imperfeições.

Levanta os caídos e ampara os que tropecem.

Não te lamentes.

Habitua-te a facear dificuldades e problemas, de ânimo firme, assimilando-lhes o ensino de que se façam portadores.

Não te detenhas no passado, embora o passado deva ser uma lição inesquecível no arquivo da experiência.

Desculpa, sem condições, quaisquer ofensas, sejam quais sejam, para que consigas avançar, estrada afora, livre do mal.

Auxilia aos outros, quanto estiver ao teu alcance, e repete semelhante benefício, tantas vezes quantas isso te for solicitado.

Não te sirvam de estorvo ao trabalho evolutivo as calamidades e provas em que te vejas, já que te reconheces passando pela Terra, a caminho da Vida Maior.

Louva, agradece, abençoa e serve sempre.

E não nos esqueçamos de que as nossas realizações constituem a nossa própria bagagem, onde estivermos, e nem olvidemos que das parcelas de tudo aquilo que doamos ou fazemos na Terra, teremos a justa equação na Vida Espiritual.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

A Diferença que faz a Diferença

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Abr 05, 2011 2:45 pm

Os desejos primários de todas pessoas são:
ser felizes, progredir e ganhar mais dinheiro.
Uma forma efectiva de alcançar estes anseios é sendo ricos e prósperos.

Assim como há pessoas pobres e pessoas ricas há países pobres e países ricos.
A diferença entre os países pobres e os ricos não é a antiguidade do país.
Fica demonstrado pelos casos de países como Índia e Egipto, que tem mil de anos de antiguidade e são pobres.

Ao contrário, Austrália e Nova Zelândia, que há pouco mais de 150 anos eram quase desconhecidos, hoje são, todavia, países desenvolvidos e ricos.
A diferença entre países pobres e ricos também não está nos recursos naturais de que dispõem, pois o Japão tem um território muito pequeno e 80% dele é montanhoso, ruim para a agricultura e criação de gado, porém é a segunda potência económica mundial:
seu território é como uma imensa fabrica flutuante que recebe matérias-primas de todo o mundo e os exporta transformados, também a todo o mundo, acumulando sua riqueza.

Por outro lado, temos uma Suíça sem oceano, que tem uma das maiores frotas náuticas do mundo;
não tem cacau mas tem o melhor chocolate do mundo;
em seus poucos quilómetros quadrados, cria ovelhas e cultiva o solo quatro meses por ano já que o resto é inverno, mas tem os produtos lácteos de melhor qualidade de toda a Europa.

Igualmente ao Japão não tem recursos naturais, mas dá e exporta serviços, com qualidade muito dificilmente superável;
é um país pequeno que passa uma imagem de segurança, ordem e trabalho, que o converteu na caixa forte do Mundo.

Também não é a inteligência das pessoas a tal diferença, como o demonstram estudantes de países pobres que emigram aos países ricos e conseguem resultados excelentes em sua educação;
outro exemplo são os executivos de países ricos que visitam nossas fábricas e ao falar com eles nos damos conta de que não há diferença intelectual.

Finalmente não podemos dizer que a raça faz a diferença, pois nos países centro-europeus ou nórdicos vemos como os chamados ociosos da América Latina (nós!!) ou da África, demonstram ser a força produtiva desses países.

O que é então que faz a diferença?

A ATITUDE DAS PESSOAS FAZ A DIFERENÇA.

Ao estudar a conduta das pessoas nos países ricos se descobre que a maior parte da população cumpre as seguintes regras, cuja ordem pode ser discutida:

1. A moral como principio básico
2. A ordem e a limpeza
3. A integridade
4. A pontualidade
5. A responsabilidade
6. O desejo de superação
7. O respeito às leis e aos regulamentos
8. O respeito pelo direito dos demais
9. Seu amor ao trabalho
10. Seu esforço pela economia e investimento

Necessitamos de mais leis?
Não seria suficiente cumprir e fazer cumprir estas 10 simples regras?

Nos países pobres, só uma mínima (quase nenhuma) parte da população segue estas regras em sua vida diária.

Não somos pobres porque ao nosso país falte riquezas naturais, ou porque a natureza tenha sido cruel connosco, simplesmente por Nossa Atitude.
Nos falta caráter para cumprir estas premissas básicas de funcionamento das sociedades.

Se amar seu país, faça circular esta carta para que a maior quantidade possível de gente, e medite sobre isto.
Se esperamos que o governo solucione nossos problemas, ficaremos toda a vida esperando.

Quanto mais empenho coloquemos em nossos actos e mudemos nossa atitude, pode significar a entrada do nosso país na senda do progresso e bem-estar...

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Aceitar as Pessoas

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Abr 05, 2011 2:46 pm

Livro: A Minha Paz vos dou...
Amilcar Del Chiaro Filho

Ouvi dois amigos conversando e um deles se queixava da incompreensão das pessoas, das agressões verbais, dos desentendimentos.

Isto o revoltava e ele dizia invejar a serenidade e o equilíbrio do interlocutor.
- Qual é o segredo? perguntou.
- Não existe segredo, mas somente paixão pela vida e esforços contínuos para aprender, respondeu o outro.

- Aprender o quê?
- A aceitar as pessoas, mesmo que ela nos desapontem, quando não aceitam os ideais que escolhemos.
Quando nos agridem e nos ferem com palavras e atitudes impensadas.

- Mas é muito difícil aceitar pessoas assim.
- É verdade.
É difícil aceitá-las como elas são e não como gostaríamos que elas fossem.
Mas qual é o nosso direito de mudá-las?

- E como você consegue?
- Estou aprendendo a amar.
Estou aprendendo a escutar, mas não apenas com os ouvidos, também com os olhos, com o coração, com a alma, com todos os sentidos.
Muitas vezes as pessoas não falam com palavras, mas com a postura.
Fique atento para os que falam com os ombros caídos, os olhos e as mãos irrequietas.

Assim como você pode ler as entrelinhas de um texto, pode ouvir coisas entre as frases de uma conversa corriqueira, banal, que somente o coração pode ouvir.
Não raro, há angústia e desespero disfarçados, insegurança escondida em palavras ásperas, solidão fantasiada na tagarelice.

Aos poucos estou aprendendo a amar, e amando estou aprendendo a perdoar.
Perdoando, apago as mágoas e curo as feridas, sem deixar cicatrizes nos corações magoados e tristes.

Aprendo com a vida o valor de cada vida e procuro entender os rejeitados, os incompreendidos.
Nem sempre consigo, mas estou tentando.

Quanto a nós, vamos tentar construir a paz, sem desânimo, com muito amor, muito amor no coração.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Teus Encargos

Mensagem  Ave sem Ninho em Qua Abr 06, 2011 9:43 am

Livro: Segue-me
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

"...Sede vós perfeito como perfeito é o vosso Pai Celestial".
Jesus (Mateus, 5:48).

Cada qual de nós, conforme as leis que nos regem, se encontra hoje no lugar certo, com as criaturas adequadas e nas circunstâncias justas, necessárias ao trabalho que nos compete efectuar, na pauta de nosso próprio merecimento.

Observa os encargos que te honorificam a existência como sendo, desse modo, atividades de alta significação em teu benefício, porquanto se erigem todos eles em tope de realização a que, por enquanto, te podes consagrar.

Seja em casa ou na oficina, no grupos de serviço ou na tela social, és uma peça consciente na estrutura da vida, desfrutando a possibilidade de criar, agir, colaborar e fazer, na elevação da própria vida.

"sede perfeitos como é perfeito nosso Pai Celestial" - exortou-nos Jesus.

Pensemos nisso, melhorando-nos sempre.

Sem dúvida que outros conseguem substituir-te no trabalho a que te entrosas;
no entanto, em se tratando de ti, é justo recorde que Deus nos fez, a todos, espíritos imortais com o dever de aprimorar-nos até que venhamos a identificar-nos inteiramente com o seu Infinito Amor, conservando embora, em todo tempo e em qualquer parte, a prerrogativa de seres inconfundíveis da Criação.

Teus encargos - tuas possibilidades de acesso a planos superiores.

Realmente nós - os espíritos em evolução nas vias terrestres - estamos ainda muito distantes da angelitude;
entretanto cada um de nós, onde estiver, poderá, desde agora, começar a ser bom.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Cuidado com as Fantasias

Mensagem  Ave sem Ninho em Qua Abr 06, 2011 9:43 am

Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Cuidado com as fantasias morais negativas que afetam as áreas do sexo, e da emoção que se perverte!

Elas se enraízam nas telas mentais, e criam dependências aflitivas que se convertem em tormentos e desequilíbrios.

O que cultives pela imaginação pode tornar-se anjo de auxílio, se nobre, ou fantasma, quando vulgar.

Há condutas morais graves no campo físico, sob o açodar de paixões mentais alucinantes.

Pensa e age com harmonia.

Cultiva as ideias edificantes e te sentirás ditoso.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

.§.

Fazer o Possível
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Faz quanto te seja possível, sem aguardar aplauso, nem temer pedradas.

Como não podes viver sem a presença das ideias, coloca aquelas que te promovam à saúde e ao bem estar.

A viagem evolutiva de sublimação pessoal é muito solitária.

Ama e dulcifica-te, porquanto, somente o amor propicia a luz do entendimento e o repouso da paz.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

O Poder das Palavras

Mensagem  Ave sem Ninho em Qua Abr 06, 2011 9:44 am

Livro: Busca e Acharás
André Luiz & Francisco Cândido Xavier

Em nos reportando à indulgência, recorde-se que o verbo pode ser definido em variadas comparações.

A palavra de bondade é uma semente de simpatia.

A frase de acusação é um golpe agravando a ferida que nos propomos curar.

O conceito optimista é luz no caminho.

O grito de cólera é curto-circuito na sistemática das forças em que venha a surgir.

O diálogo construtivo é terapêutica restauradora.

O comentário deprimente é pasto da obsessão.

A nota de esperança é porta de paz.

O conceito pessimista é nuvem enregelante.

A frase calmante é ingrediente de paz.

O verbo agressivo é indução à doença.

Conversando podemos criar saúde ou enfermidade, levantar ou abater, recuperar ou ferir.

A nossa palavra enfim pode ser uma pancada ou uma bênção.

E o uso dessa força que equilibra ou desequilibra, obscurece ou ilumina, ergue ou abate está em nós.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

O Brilho da Verdade

Mensagem  Ave sem Ninho em Qua Abr 06, 2011 9:44 am

Carlos Torres Pastorino

A verdade brilha.

Uma simples centelha da Verdade constitui um ponto luminoso na escuridão.
Alguns, por essa centelha, embora pequenina, conseguem achar o caminho que haviam perdido.

A Fé também acende uma luz: embora não seja grande, pode ser o início de uma fogueira enorme.

Nunca desprezes, pois, em teu irmão, a pequenina centelha.

Se te parece pequena e fraca, hoje, poderá, amanhã, crescer e iluminar cidades e países.

Ampara a fagulha que está começando: ela poderá iluminar, amanhã, o teu caminho.

Olha bem aquele pontinho de luz no morro: é uma fagulha.

Se a brisa delicada a reanimar, alastrar-se-á pelo arvoredo.

Se o vento for borrascoso e áspero, extinguir-se-á.

Se o pequenino candelabro, com sua lâmpada minúscula, não é notado no salão fortemente iluminado, todavia, num porão em trevas é suficiente para indicar o caminho.

Se na presença do Sol a Lua é pálida, em sua ausência devolve aos homens a luz radiosa que recebe.
No entanto, se o pirilampo tem uma luz muitíssimo mais fraca que a da própria luz, lembra-te de que é luz dele... e não reflectida dos outros...

E, além disso, se a verdade e a luz ainda não têm origem em nós mesmos, de qualquer forma poderemos reflectí-las, se nossa superfície estiver limpa e polida.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Serenidade Sempre

Mensagem  Ave sem Ninho em Qua Abr 06, 2011 9:45 am

Livro: Dimensões da Verdade
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Todo homem sábio é sereno.

A serenidade é conquista que se consegue a esforço pessoal e passo a passo.

Pequenos desafios que são superados;
irritação que se faz controlada;
desafios emocionais corrigidos;
vontade bem direccionada;
ambição freada, são experiências para a aquisição da serenidade.

Um Espírito sereno, já se encontrou consigo próprio, sabendo o que, exatamente, deseja da vida.

A serenidade harmoniza, exteriorizando-se de forma agradável para os circunstantes.
Inspira confiança, acalma e propõe afeição.

O homem sereno já venceu grande parte da luta.
Que nenhuma agressão exterior te perturbe, levando-te à irritação, ao desequilíbrio.

Mantém-te sereno em todas as realizações.
A tua paz é moeda arduamente conquistada, que não deves atirar fora por motivos irrelevantes.

Os tesouros reais, de alto valor, são aqueles de ordem íntima, que ninguém toma, jamais se perdem e sempre seguem com a pessoa.
Tua serenidade, tua gema preciosa.

Diante de quem te enganou, traindo a tua confiança, o teu ideal, ou envolvendo-te em malquerença, mantém-te sereno.
O enganador é quem deve estar inquieto, e não a sua vítima.

Nunca te permitas demonstrar que foste atingido pelo petardo da maldade alheia.
No teu círculo familiar ou social sempre defrontarás com pessoas perturbadoras, confusas e agressivas.

Não te desgastes com elas, competindo nas faixas de desequilíbrio em que se fixam.
Constituem teste à tua paciência e serenidade.

Assim exercita-te com essas situações para, mais seguro, enfrentares os grandes testemunhos e provações do`processo evolutivo, Sempre porém com serenidade.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Êxitos e Fracassos

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Abr 07, 2011 10:34 am

Livro: Conviver e Melhorar - 27
Batuíra & Francisco do Espírito Santo Neto

“Outrora ele te foi inútil mas doravante será muito útil a ti, como se tornou para mim.”
(Filemon 11)

O apóstolo Paulo sabia que, no futuro, se poderiam extrair coisas úteis de coisas aparentemente inúteis.

O fracasso ajuda a gerar o êxito.
Aceitemos nossas perdas e jamais desanimemos ante o serviço do bem.

É imperioso valorizarmos tanto a escassez como a abundân­cia, tanto o erro como o acerto, pois sempre é possível aprender alguma coisa em qualquer situação.

Quando doamos nossa boa von­tade e nossa melhor intenção e fracassamos, imediatamente deve­mos nos perguntar:
o que a Divina Providência está me ensinando?

O verdadeiro insucesso reside em não tirarmos o devido proveito dos factos para nosso desenvolvimento espiritual.
Êxito e derrota são duas bandejas que retêm matérias-primas diferentes, mas que nos conduzem ao mesmo legado sublime - o aprendizado.
A humanidade precipitada, entretanto, identifica na primeira o manjar mavioso da vitória e na segunda experimenta o alimento insalubre da derrota.

Erros têm muito a nos ensinar.
Eles nos propiciam ocasiões marcantes para o crescimento interior.

Todos aqueles que se encontram ajustados ao entendimento das leis divinas passarão a dar igual importância aos acertos e desacertos e usá-los em prol dos empreendimentos idealizados.
O sábio aprendeu que o êxito do hoje muitas vezes foi a ruína do ontem, e onde vacilamos agora, amanhã deslancharemos.

Em nossos compromissos com a administração do grupo espírita, não devemos sublinhar os fracassos dos outros e os nos­sos, mas avaliá-los como proveitosas experiências adquiridas.
Certos projetos poderão não ter alcançado o resultado que gostaríamos que tivessem, contudo o revés indubitavelmente nos colocará um pouco mais perto do sucesso.

Se criticarmos impiedosamente os colaboradores responsáveis por um fracasso em alguma empreitada de assistência ou de organização interna, esperemos duas prováveis consequências:
a intensificação do sentimento de vergonha, frustração e embaraço;
ou a hesitação, inibição e resistência em tentar algo novo, ou a continuidade da mesma tarefa.

Ante as crises e desajustes da equipe, encorajemos os companheiros do labor espírita, exaltemos os aspectos positivos do esforço mal sucedido e incentivemos todos a avançar sem esmorecimento.
Adiccionemos mais trabalho às nossas já existentes incumbências, e Deus nos abrirá nova caminhada de acesso ao refazimento.

Como dirigentes, podemos vir a ser classificados mais como críticos do que orientadores, mais como condenadores do que socorristas.
Podemos vir a adoptar uma postura que afastará as pes­soas, evitando que nos procurem para relatar seus desenganos e pedir-nos aconselhamento.
Na tentativa de se protegerem contra nossas críticas, se fecharão completamente.

Devemos dar todo o apoio e crédito aos que tentaram e não alcançaram êxito, pois a grande maioria nem ao menos lança as mãos no empreendimento, e tem medo só de tentar.

Diante de quaisquer desafios ou reveses esbocemos um sorriso esperançoso e promissor, e sigamos avante contando com as bênçãos do mais Alto.

Entendemos que o orientador não pode conduzir-se como um cego perante as coisas negativas, desviando constantemente os olhos dos fracassos e das atitudes erróneas.
Quando tiver que lidar com o insucesso ou opinar sobre ele, deverá enfatizar ao grupo o lado positivo, ou seja, o ensinamento que se esconde por trás daquela ocorrência infeliz.

Portanto, a mensagem é:
na presença de tempestades e aflições, de ventanias e fracassos, trabalhemos servindo sempre, porque em todo tempo ou em qualquer situação a atitude certa é a positividade.

A destreza de extrair o bem do aparente mal vai gerar uma excelsa substância, à feição de tesouro valioso, que energizará os trabalhadores do Evangelho, conduzindo-os ao dever bem cumprido e às excelências da edificação do reino dos céus na Terra.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

O Mundo - Nossa Escola

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Abr 07, 2011 10:35 am

Livro: Comandos do Amor
Francisco Cândido Xavier

O mundo, em todos os seus ângulos, é a Escola de Jesus Cristo, em que fomos situados para aprender.

O educandário, porém, subdivide-se em classes numerosas e a prova é, invariavelmente, o processo de aferição dos aprendizes.

Há quem, na escassez de todos os recursos, é convidado a demonstrar paciência e resignação.

Há quem, de luz acesa no templo da alma, é convocado a clarear o caminho de quem vagueia nas trevas.

Há quem, detendo a graça da consciência tranquila, é visitado pela calúnia ou pela incompreensão a fim de revelar humildade e amor.

Dentro do enorme estabelecimento de ensino existem disciplinas variadas nos mais diversos cursos de erguimento e sublimação da alma imperecível.

Aceitemos a posição em que a Divina Vontade nos localizou na Escola da Vida.

Jesus é o nosso Mestre Infatigável.

E quem hoje aprende a lição do dia, amanhã receberá d´Ele e com Ele nova oportunidade na estrada luminosa da Sublime Ascensão...

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Convite ao Comedimento

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Abr 07, 2011 10:35 am

Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

"Nem tanto ao mar, nem tanto à terra," ensina a filosofia popular.

Isso é um convite ao comedimento, a uma posição sem extremismos.

Toda vez que te apaixonas e tomas uma postura exagerada, cometes os mesmos erros que censuras nas outras pessoas.

O meio-termo em matéria de discussão é uma solução ideal.

Não por comodidade ou medo, mas, porque desconhece a questão na profundidade que exige.

Um comportamento equilibrado se revela nos momentos em que são tomadas decisões assumidas as posturas.


Organizar as Actividades
Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Sê ordeiro nas tuas atividades. Não te apontes ante o muito a fazer, nem te descuides em relação às tuas tarefas.

À medida que o tempo te permita, vai realizando cada uma delas até que as conclua todas.

Um homem disciplinado é um tesouro.

Quem sabe desincumbir-se dos serviços monótonos e constantes, pode empreender grandes realizações com certeza do êxito.

Agir com ordem e ter consciência de que a vida é uma acção que não cessa, significa um avançado passo no caminho da evolução.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Transformação Íntima

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Abr 07, 2011 10:36 am

Livro: Vigilância
Joanna de Ângelis & Divaldo Pereira Franco

Tendências viciosas como impulsos para a virtude procedem, sim, do Espírito, agente determinante do comportamento humano.

Não podendo a organização celular definir estados psicológicos e emocionais, estes obedecem às impressões espirituais de que se encharcam, exteriorizando-se como fatores propelentes para uma ou outra atitude.

Destituída de espontaneidade, exceto dos fenómenos que lhe são inerentes, graças aos automatismos atávicos, a matéria orgânica é resultado das aquisições eternas do Espírito que dela se veste para as experiências da evolução.

A hereditariedade vigente nos mapas dos genes e dos cromossomos encarrega-se de transmitir inúmeros carácteres morfológicos, fisiológicos, sem exercer preponderância fundamental nos arcabouços psicológicos e morais, que pertencem ao ser espiritual, modelador das necessidades inerentes ao progresso e fomentador dos recursos que se lhe fazem indispensáveis a esse processo de crescimento a que se destina.

Descartar-se o valor dos implementos espirituais nos fenómenos comportamentais do homem, é uma tentativa de reduzi-lo a um amontoado de tecidos frágeis que o acaso organiza e desmantela ao próprio talante.

A vida pessoal escreve nas experiências de cada ser as diretrizes para as suas conquistas futuras.

Vícios e delitos ignóbeis, virtudes sacrificiais e abnegação, pertencem à alma que os externa nos momentos hábeis conforme o seu estágio evolutivo.

Vicente de Paulo e Francisco de Sales, fascinados pelo amor aos infelizes, liberaram as altas forças que lhes jaziam inatas, a serviço da caridade e da dedicação sem limite.

Ana Nery e Eunice Weaver, sensibilizadas pelo sofrimento humano, esqueceram-se de si mesmas e dedicaram-se, a primeira, aos combatentes feridos, e a segunda, à salvação dos filhos sadios dos hansenianos.

Eichmann e inúmeros carrascos nazistas acariciavam, comovidos, os filhinhos, após enviarem, cada dia, milhares de outras crianças e adultos aos fornos crematórios em inúmeros lugares dos países subjugados.

Tamerlão incendiava as cidades conquistadas, após degolar os sobreviventes, para depois dormir tranquilo ao lado daqueles a quem amava.

Homens e mulheres virtuosos, sempre revelaram o alto grau de amor que lhes jazia em latência, da mesma forma que sicários e criminosos sanguissedentos deixaram transparecer a crueldade assassina desde os primeiros anos de infância...

As excepções demonstram o poder da vontade, que é manifestação do Espírito, quando acionada, propelindo para uma ou para outra atitude.

O hábito vicioso arraigado remanesce, impondo de uma para outra reencarnação suas características, assim impelindo o homem para manter a sua continuidade.

Da mesma forma, os salutares esforços no bem e na virtude ressumam dos refolhos da alma, e conduzem vitoriosos aos labores de edificação.

Toda acção actual, portanto, tem as suas matrizes em outras que as precedem, impressas nos arquivos profundos do ser.

Estás, na Terra, com a finalidade de abrir sepulturas para os vícios e dar asas às virtudes.

Substituindo o mau pelo bom hábito, o equivocado pelo correto labor, corrigirás a inclinação moral negativa, criando condicionamentos sadios que se apresentarão como virtudes a felicitar-te a vida.

Teus vícios de hoje, transforma-os, no teu mundo íntimo, em virtudes para amanhã ao teu alcance desde agora.

Libera-te pois, com esforço e valor moral, do mau génio que permanece dominador, das paixões perturbadoras que te inquietam, e renova-te para o bem, pelo bem que flui do Eterno Bem.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Na Arena da Evolução

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Abr 08, 2011 11:54 am

Livro: Alma e Luz
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Sob a infecção mental do pessimismo, afirmas-te, por vezes, irremediavelmente, cansado, à frente da luta e proclamas, tanta vez, em desânimo e desespero, que a Terra se converteu em charco de podridão;

que a sociedade é um jogo de máscaras;

que a honestidade foi banida do mundo; que os maus tripudiam, impunes, sobre o amor dos bons;

que a crueldade é a norma da vida;

que cataclismos diversos tombarão no horizonte, incendiando a atmosfera de que os homens se nutrem e dizes desalentado que te apartaste da confiança, que perdeste a fé;

que não tornarás ao prazer de servir;

que não estenderás o coração ao culto do amor e que te retirarás da arena qual soldado rebelde, fugindo à própria luta.

Entretanto, ao contrário de tua assertiva, a Eterna Providência não descrê de nossa alma e renova-nos, cada dia, a oportunidade de crescimento e sublimação.

Cada manhã, volves ao corpo que te suporta a intemperança e recebes a bênção do sol que te convida ao trabalho, a palavra do amigo que te induz à esperança, o apoio constante da Natureza, o reencontro com os desafectos para que aprendas a convertê-los em laços de beleza e harmonia, e, sobretudo, a graça de lutar, por teu próprio aprimoramento, a fim de que o tempo te erga à vitória do Bem.

Não te rendas, portanto, ao derrotismo e à dúvida que te lançam na sombra, porque, além do tormento a que o homem se atira, teimoso e imprevidente, Deus permanece em paz, acendendo as estrelas e unindo as gotas d´água para que todos nós possamos elevar-nos dos abismos da treva para os Cimos da Luz.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Nossa Vida mental

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Abr 08, 2011 11:55 am

Livro: Ideal Espírita
André Luiz & Francisco Cândido Xavier

As almas ingressam nas responsabilidades que procuram para si mesmas.

Segundo talhamos o nosso perfil moral, angariamos os favores das oportunidades de serviço diante das Leis Universais.

Ninguém foge aos estigmas da viciação com que sulca a estrutura da própria vida.

Paz significa vitória da mente sobre os seus próprios atributos.

Resguardemos, assim, a vida mental, na certeza de que o teor da nossa meditação condiciona a altura da nossa tranquilidade.

Nada ocorre connosco sem resultado específico..

Teimosia no erro - conta agravada.
Ausência de disciplina
- débito permanente.
Remorso -
aviso da consciência.
Reajustamento -
estágio na enfermidade.

Multiformes ocorrências no mundo interior anunciam constantemente o clima de nossa escolha.

A tempestade é precedida dos indícios inequívocos que lhe configuram a extensão.

De igual modo, através da análise real de nós mesmos, encontramos o exacto esboço das futuras experiências.

À vista disso, ante a luz do Evangelho, ninguém desconhece a essência do destino que se lhe desdobra ao porvir.

A Justiça da Lei tem base na matemática.
E quem possui parcelas determinadas pode ajuizar perfeitamente quanto à soma daquilo ou disso.

Entrega-te, pois, a novos haustos de esperança e supera as próprias limitações, atendendo aos apelos do amor que ecoam da Altura.

Reúne humildade e serviço, simplicidade e perdão, estudo e caridade, bondade e tolerância, no esforço de cada dia, e com semelhantes fragmentos de amor e luz levantarás o templo divino de tuas mais belas aspirações, diante da Eternidade.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Viagem da Reencarnação

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Abr 08, 2011 11:56 am

Livro: Oferenda
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Na abençoada jornada que encetas sob as bênçãos da reencarnação, utiliza-te de todas as ensanchas para o ministério do progresso espiritual, tua meta maior.
Considera a vilegiatura carnal como sendo uma estrada quilometrada com objectivos definidos e meta bem caracterizada.

À semelhança de qualquer rota, o seu curso se desdobra por paisagens límpidas e encantadoras, a claro céu ensolarado, sob intempéries vigorosas e sobre solos assinalados por problemas que impossibilitam o acesso...

Cada quilómetro vencido representa uma etapa anual de conquista laboriosa.
Da mesma forma que o viajante comum se preocupa para a excursão, precatando-se contra as prováveis dificuldades, armando-se de previdência para enfrentar os trâmites difíceis e as possíveis ocorrências, no movimento reencarnacionista, igualmente, faz-se indispensável que medidas acautelatórias, de natureza preventiva ou reparadora, sejam colocadas em pauta e examinadas.

Nem sempre o avanço se fará com rapidez ou facilidade.

Aqui, é um caminho impérvio, onde os problemas se multiplicam impeditivos, podendo, sem embargo, a penates, ser contornado.
Ali, estão penhascos ameaçadores, cujos declives exigem embraiagem e freios regulados, mediante os quais se poderá vencer o perigo.
Além, se encontram pontes caídas sobre cursos d'água que, todavia, se farão transpostos, através de outros recursos.

Há sempre desafios;
entretanto sempre se dispõem de soluções para equacionamento dos óbices.

Pelo caminho humano, em que o Espírito avança no rumo da Vida Maior, repontam, também, surpresas desagradáveis, incidentes e testes que medirão a capacidade de resistência quanto de discernimento de cada viajante...
Os problemas servem para avaliar as aquisições morais, enquanto facultam que as conquistas amealhadas sejam colocadas a prova.

No curso da evolução, por onde o Espírito transita para o grande norte, aparecem, providenciais, túneis que facilitam o acesso às metas buscadas.
Ao invés da montanha desafiadora ou do abismo aparvalhante, a técnica, no mundo, consegue abreviar as distâncias abrindo passagens subterrâneas.
Nelas, todavia, se defronta a questão das trevas, que são contornadas mediante os recursos das luzes artificiais ou das aberturas estratégicas, na direcção da claridade...

O túnel moral, que intimida, mas facilita o processo da evolução, deve ser configurado como as provações, os graves momentos de dor, os testemunhos...
O cristão decidido utiliza-se da prece - verdadeiro canal que traz do Alto as claridades indispensáveis para que se esbatam as sombras - perseverando no avanço.

Outras vezes pode acender também as luminescências da resignação e da coragem, que se assemelham à força elétrica, para vencer a escuridão aterradora...
Não te olvides, jamais, que, por mais sombria se te apresenta a rota ou túnel, por onde rumas, há claridade aguardando à frente, convidativa.
Não te avassalem os injustificáveis receios, nem te assomem os stresses alucinantes, não te facultes inquietações indesculpáveis...

Enquanto se está na Terra nada há em definitivo, ninguém está em segurança total.
A relatividade do corpo, os impositivos da evolução, os dados fornecidos pelo passado para a elaboração do programa do presente e do futuro são responsáveis pelas conjunturas de cada momento, e as surpresas são mapeamentos que reprogramam actividades e realizações para o futuro.

Ninguém se considere, em razão disso, vitorioso, enquanto no corpo...
Quase sempre uma viagem exitosa, até certo ponto, pode interromper-se por tempo indeterminado, no último quilómetro.

Vigia e trabalha.
Ora e serve.
Confia e sê fiel ao bem.

Sofre e liberta-te da constrição do erro.
Insiste e não desanimes.

Jesus, nosso Modelo Perfeito, somente ao concluir a Sua tarefa entre nós, do alto do madeiro em que jazia crucificado, se considerou vitorioso ao bradar:
- "Pai, em tuas mãos entrego o meu Espírito."

Quando tudo estiver consumado, poderás considerar-te vitorioso na tua viagem da reencarnação, por haveres logrado alcançar a meta perseguida que é a libertação total e plena.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Renovação pelo Amor

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Abr 08, 2011 11:57 am

Livro: Vigilância
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Na condição de aprendiz da Vida, não descures o compromisso de renovação a que te vinculas.

Faz uma análise honesta a respeito das tuas aquisições interiores e penetra-te com calma e lucidez.

Anota as dificuldades que te assinalam hoje e confronta-as com as do passado, de modo a poderes realizar uma honesta avaliação do teu comportamento.

Regista os teus estados de alma e luta contra os impulsos que te propelem à permanência na retaguarda espiritual.

Velhas tendências, atavismos de violência, rescaldos de agressividades e resíduos de tormentos devem ceder lugar à renovação a que te candidatas.

Deixa o júbilo aninhar-se na alma, irradiando-se qual luz em ânfora transparente.

Insinuando-se-te a suspeita e a insegurança a que te habituaste, ameaçando-te as conquistas da felicidade, expulsa-as da tua casa mental e concede à tua emoção o clima de festa que te prenuncia felicidade demorada.

É certo que nem tudo são ou serão sempre alegrias. Por isto mesmo deves acostumar-te a uma psicosfera de paz, numa emoção descontraída, mediante as quais adquirirás resistências para os instantes mais severos, que saberás superar ou os farás passar com rapidez sem deixar-te mossa no sentimento nem mágoa no coração.

Frui, das bênçãos que te chegam, a melhor parte, e amplias-as, repartindo com os carentes de migalhas as tuas fortunas, avaramente guardadas nos cofres dos conflitos injustificáveis e dos dramas íntimos aos quais te habituaste.

Deus vive em ti e espera por tuas decisões.

Rompe a aparente impermeabilidade e renova-te no amor, vivendo para o amor e irrigando as vidas com a energia que o teu amor pode oferecer.

Somente quem doa e se doa, renovando-se sempre para melhor, consegue a plenitude do Amor, que é Deus no teu mundo íntimo.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70295
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: - Evolução -

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum