A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Abr 23, 2016 9:06 am

Como se vê, bem-aventurados somos todos nós que seguimos a Jesus.
Porém, tal felicidade não nos confere o direito de sermos adorados, quer em vida, quer na morte.
A bem-aventurança que nós asseguramos em vida, pela aceitação do senhorio de Jesus, se estende por toda a eternidade.
O facto de a Santa Maria ter sido chamada de Bem-aventurada, não significa uma doutrina, mandamento ou ensino no sentido de a ela prestarmos culto.
Note-se que Isabel, sua prima, declarou ser a santa Maria "Bendita entre as mulheres" (Lucas 1.48), e não "Bendita acima das mulheres".
Numa festa de casamento, em Caná da Galileia, a Santa Maria disse aos empregados:
"Fazei tudo o que ele vos disser". (Jo 2.5)

Contestação:
Essa passagem bíblica é muitíssimo citada pelos que prestam culto a Maria.
Sinceramente, não vejo aí nenhum motivo para justificar tal culto.
Se a declaração fosse de Jesus, ordenando que os serviçais teriam que obedecer em tudo à sua mãe, ainda poderíamos parar para meditar.
Mas não foi assim.
Maria, vendo que Jesus estava disposto a operar o milagre da transformação da água em vinho, recomendou aos empregados que seguissem à risca as instruções do Mestre.
Só isso. Nada mais do que isso. A história morre aí.
Aliás, se admitida a hipótese de que Maria estava falando às gerações futuras, devemos nos lembrar o que Jesus falou:
"Ao Senhor teu Deus adorarás, e só a ele prestarás culto" (Mateus 4.10).
Logo, por este mandamento, Maria está excluída de qualquer espécie de adoração.
Portanto, atendendo a Maria, façamos o que Jesus nos ordena.
O que aconteceu nas bodas de Caná deve servir, também para a seguinte reflexão:
A Santa Maria, ao transferir o problema para Jesus, mostrou-se incapacitada de resolvê-lo.
A "Mãe de Deus" não teria poderes para transformar água em vinho?
Naquela época ela ainda não era mãe de Deus?
Só passou a sê-lo após sua morte?
É evidente que Maria não operava milagres em vida, nem os opera depois de sua morte.

Maria é a nossa mãe espiritual, porque Jesus a entregou aos cuidados de um discípulo, e nós somos discípulos de Jesus.

Contestação:
Jesus, já prestes a falecer, disse à sua mãe:
"Mulher, eis aí o teu filho".
E disse ao discípulo a quem ele amava:
"Eis aí tua mãe".
"E desde aquela hora o discípulo a recebeu em sua casa".
Em resumo, Jesus entregou sua mãe aos cuidados do querido discípulo João.
Jesus deu um exemplo de amor filial, lembrando-se de sua mãe num momento de grande agonia.
A intenção de Jesus não foi constituir a Santa Maria mãe espiritual da humanidade.
Desejou apenas que ela não ficasse desamparada na sua velhice (João 19.26-27), morando com seus irmãos incrédulos (João 7:5).
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 75742
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Abr 23, 2016 9:06 am

Maria é mãe de Deus porque Jesus é Deus e ela é mãe de Jesus.

Contestação:
Se válido o raciocínio acima, poderíamos afirmar que Deus é filho de criação ou filho adoptivo de José.
Ou José seria padrasto de Deus?
Como já dissemos, a Santa Maria foi um instrumento usado por Deus, no Seu plano de salvação da humanidade, para que o Verbo se fizesse carne.

Maria, na qualidade de mãe de Jesus, é co-redentora.

Contestação:
A palavra de Deus não ascende Maria à posição de igualdade com o Filho.
Seria afirmar que Maria é Deus.
Aliás é esta a intenção dos romanos, ou seja, colocar a humilde serva do Senhor como uma quarta pessoa da Trindade.
Daí os seus títulos de Mãe de Deus, Advogada, Medianeira, Adjutora, Senhora, co-Redentora, Protectora, Rainha dos Céus, Mãe de todos, Intercessora, Sempre Virgem, Imaculada, Concebida sem pecado, e outros.
Só que não há respaldo bíblico para tais títulos.
Ora, o Redentor é Jesus, e como Redentor e Messias Ele foi esperado:
"E virá um redentor a Sião e aos que se desviarem da transgressão em Jacó, diz o Senhor" (Isaías 59.20).
Não se lê que, paralelamente, viria uma redentora, ou um ajudante do Redentor, ou uma co-Redentora.
Em Lucas 4.18, Jesus declara que "O Espírito do Senhor está sobre mim, pois que me ungiu para evangelizar os pobres, enviou-me a curar os quebrantados do coração; a apregoar liberdade aos cativos, a dar vista aos cegos, a pôr em liberdade os oprimidos, a anunciar o ano aceitável do Senhor".
Cumpriu-se aqui a profecia de Isaías 61.1-2.
A Bíblia não afirma que Maria fora ungida para idêntica missão.
Veja-se 2 Reis 13.5:
"O Senhor deu um salvador a Israel..."
A Santa Maria não poderia ela própria ser uma salvadora (ou redentora), e ao mesmo tempo precisar ser salva.
Mais uma vez, leiam:
"Disse, então, Maria:
A minha alma engrandece ao Senhor, e o meu espírito se alegra em Deus, meu salvador, porque atentou na humildade de sua serva..." (Lucas 1.46-48).
Logo, Maria não pode ser redentora ou salvadora porque ela própria precisou do Salvador ou do Redentor.
Já o nosso Salvador Jesus Cristo nunca se dirigiu ao Pai declarando-se necessitado de salvação.
Quando a Santa Maria fez esta oração, com convicção e plena segurança no que estava dizendo, ela igualou-se a todos, homens e mulheres, herdeiros da natureza pecaminosa do primeiro casal.
Ela nivelou-se a todos os mortais.
E não poderia ser de outra forma.
Eu considero um grave pecado elegermos Maria à qualidade de redentora, ou de redentora junto a Jesus, ou ajudante de Jesus no trabalho de salvação, ou coisa parecida.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 75742
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Abr 23, 2016 9:06 am

A Trindade é soberana, auto-suficiente, omnipresente, omnisciente, omnipotente, imutável, eterna.
Não precisa, portanto, do auxílio dos santos falecidos para execução do seu plano de salvação da humanidade.
A Igreja de Cristo, que recebeu de Jesus poder e autoridade para, em Seu nome, expulsar demónios e curar enfermos, e recomendação para pregar o Evangelho em todo o mundo, esta sim, pode e deve dar continuidade, na terra, ao trabalho do Salvador.
Estamos falando de Igreja viva, actuante, visível.
Jesus outorgou poderes a essa Igreja visível.
Não deu poderes aos mortos, ainda que em vida tenham sido santos (Marcos 16.15-18).
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 75742
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Abr 23, 2016 9:07 am

QUEM SÃO OS SANTOS

Muitas pessoas não têm a exacta compreensão do que seja um santo.
Primeiramente, a palavra "santo", no conceito bíblico, quer dizer "separado para Deus", "consagrado a Deus".
Dicionário Aurélio:
"Que vive segundo os preceitos religiosos; puro, imaculado, inocente; bondoso em extremo".
Dicionário Teológico:
santo é "aquele que se separa do mal, e dedica-se ao serviço divino.
O processo de santificação do crente tem como base a Palavra de Deus".
Pode se referir também a um local determinado, indicando que não pode ser violado ou profanado.
Exemplo de lugar santo foi o monte Horeb, onde Deus falou a Moisés:
"Continuou Deus:
não te chegues para cá.
Tira as sandálias dos pés, pois o lugar em que estás é terra santa" (Êxodo 3.5).
Com Josué, nas cercanias de Jericó, aconteceu idêntica recomendação:
"Respondeu o príncipe do exército do Senhor a Josué:
descalça as sandálias de teus pés, pois o lugar em que estás é santo.
E Josué fez assim" (Josué 5.15).
Tudo que é separado para o serviço do Senhor é santo, inclusive objectos:
dízimo (Levítico 27.32); congregação (Números 16.3); povo (Deuteronómio 14.2, 21); objectos (Esdras 8.28; Ezequiel 22.26); jejum (Joel 1.14); cidade (Mateus 4.5; Apocalipse 21.2, 10); leis e mandamentos (Romanos 7.12); Igreja (Efésios 5.27); nação (Êxodo 19.6).
Agora, vejamos o que a Bíblia diz sobre pessoas santas.
Em várias cartas paulinas, os crentes em Jesus são chamados de santos:
"A igreja de Deus que está em Corinto, aos santificados em Cristo Jesus, chamados para ser santos, com todos os que em todo o lugar invocam o nome de nosso Senhor Jesus Cristo, Senhor deles e nosso" (1 Coríntios 1.2).
"Aos santos que estão em Éfeso, e fiéis em Cristo Jesus" (Efésios 1.1).
"A todos os santos em Cristo Jesus, que estão em Filipos..." (Filipenses 1.1).
"Aos santos e irmãos fiéis em Cristo que estão em Colossos" (Colossenses 1.2).
Deus falando ao seu povo:
"Eu sou o Senhor vosso Deus.
Consagrai-vos e sede santos, porque eu sou santo" (Levítico 11.44; 19.2; 20.7).
Em Levítico 20.26:
"Sereis para mim santos, porque eu, o Senhor, sou santo, e vos separei dos povos para serdes meus".
O desejo de Deus é que todos sejam santos e irrepreensíveis.
O homem criado por Deus era santo.
Na queda, perdeu a santidade e ficou afastado do Criador.
O plano de salvação da humanidade contempla o retorno do homem à santidade perdida.
A santidade em vida se estende à morte.
Em outras palavras, quem é santo aqui na terra será, eternamente, santo no céu.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 75742
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Abr 23, 2016 9:07 am

Vejam:
"Abriram-se os sepulcros, e muitos corpos de santos, que dormiam, ressurgiram" (Mateus 27.52).
Os santos participarão do julgamento das nações.
Observem: "Não sabeis vós que os santos hão-de julgar o mundo?" (1 Coríntios 6.2-a).
Jesus confirma:
"Em verdade vos digo que vós, que me seguistes, quando, na regeneração, o Filho do Homem se assentar no trono da sua glória, também vos assentareis sobre doze tronos, para julgar as doze tribos de Israel" (Mateus 19.28).
"E ao que vencer e guardar até o fim as minhas obras, eu lhe darei poder sobre as nações" (Apocalipse 2.26).
Nós, os santos, juntamente com Maria, participaremos do julgamento do mundo.
Quando da volta de Jesus, todos os santos falecidos ressuscitarão num corpo celestial.
Nessa ocasião, os santos vivos serão arrebatados e, juntamente com aqueles, se encontrarão com Jesus nos ares (1 Tessalonicenses 4.16-17).
Vimos, portanto, que a santidade se adquire em vida.
A igreja de Cristo, visível e invisível, é formada de santos.
Logo, há milhões de santos ainda vivos, e um número incalculável (biliões?) de santos que já passaram para a glória.
Diante do que se depreende da palavra de Deus, acima, outro não pode ser o entendimento.
Certa vez, alguém escreveu para o povo leitor (caderno dominical do Jornal o povo, desta cidade de Fortaleza, Ceará) em que, opondo-se a uma questão por mim colocada, disse que "não conhecia um só santo evangélico".
Santa ignorância.
Para muitas pessoas, não existem santos vivos, pessoas santas.
Acreditam que somente alguns, depois da morte - e se houver milagre a eles atribuído - têm o privilégio de serem santos, receberem adoração, serem mediadores junto a Deus de nossas súplicas, e terem uma imagem em cada templo.
Ora, os santos somos nós; se cultuarmos os santos, ainda que mortos, estaremos cultuando a nós mesmos.
Noutras palavras, estaria o homem adorando a si próprio, ao seu semelhante.
Homens vivos buscando as bênçãos de homens mortos.
Maria foi em vida uma mulher santa, e sua santidade se eternizou após a sua morte.
Ela foi juntar-se a biliões de santos no Paraíso.
O costume de se buscar alívio nos que morreram cheira a espiritismo, a consulta aos mortos, a necromancia.
Deus não se agrada dessas coisas.
Não devemos apelar para as criaturas de Deus, adorá-las e cultuá-las.
O Primeiro Mandamento é incisivo:
"Não terás outros deuses diante de mim" (Êxodo 20.3).
"Adorarás ao Senhor teu Deus, e só a ele prestarás culto" (Lucas 4.8).

§.§.§- Ave sem Ninho
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 75742
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A verdade bíblica sobre Maria / Airton Evangelista da Costa

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 2 de 2 Anterior  1, 2

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum