A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ir em baixo

A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:06 pm

A Hora é Agora!
Zibia Gasparetto

Desperte para os bons pensamentos e viva em Paz
Viver é uma dádiva maravilhosa.
Se você não está feliz e as coisas não têm dado certo, é hora de mudar e usar seu poder de escolha para construir uma vida melhor.
É simples. Basta você se apoiar e aceitar a vida da forma que é, sabendo que precisa aprender como as coisas são, para poder escolher o que funciona melhor.
Nunca se ponha para baixo.
Os erros são lições naturais do desenvolvimento do Ser e ensinam mais do que tudo.
Respeite seus sentimentos e trate-se com amor. Você merece.
Comece já! Chega de sofrer. A HORA É AGORA!
Acredite que seu espírito é eterno e está aqui para aprender a valorizar a vida e ser feliz.
Zibia Gasparetto

Zibia Gasparetto é uma das escritoras espiritualistas mais aclamadas do Brasil.
Ao longo de seus sessenta anos de carreira, a autora produziu mais de quarenta livros e alcançou a marca de dezassete milhões de títulos vendidos.
Sempre inspirada por amigos espirituais, Zibia Gasparetto produz obras que transitam entre romances, crónicas, contos e relatos sobre a espiritualidade, muitas delas já publicadas em países como Japão, Colômbia, Espanha e Portugal, onde têm feito grande sucesso.
Além de escrever diariamente e comandar a Editora Vida & Consciência, a autora apresenta, às quintas-feiras, os programas Zibia Gasparetto conversando com você, na Rádio Mundial FM (SP), e Conversando com você, na Alma & Consciência Web TV.

Sumário
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:06 pm

Apresentação

Quando minha sensibilidade se abriu de forma inesperada e eu tive a prova de que a vida continua depois da morte, comecei a estudar a espiritualidade.
Essa certeza foi ficando cada vez mais forte e mudou completamente minha vida.
O espírito de Lucius compareceu e, além de ditar meu primeiro romance, ainda me acompanhou durante certo tempo, ensinando-me a perceber como as coisas realmente são.
Sempre que ele se aproximava, além da sensação agradável que eu sentia, minha lucidez aumentava enquanto Lucius me assessorava.
Nos últimos sessenta e seis anos, ele continua ditando as histórias dos nossos romances, afirmando que todas foram verdadeiras.
Durante esse processo, eu também sentia muitas vezes o reflexo emocional dos personagens, me comovia, e ao escrever algo mais trágico, sentia vontade de impedir que alguém sofresse, mas as coisas aconteciam e eu percebia que era apenas uma espectadora daquele drama.
Quando olho para trás, percebo o quanto aprendi com essa experiência.
Minha forma de olhar o mundo, as pessoas e a vida mudou completamente.
Hoje reconheço que reencarnar na Terra é um privilégio e, como me foi dado o poder da escolha, sou responsável por tudo que me acontece.
Como a vida é funcional e só trabalha por mérito, sou livre para escolher como quero viver, mas a vida responde às minhas escolhas.
Hoje sei que o sofrimento é opcional e que cada um está onde se põe.
Tudo muda o tempo todo e assim vamos experimentando coisas novas, modificando nossa forma de ver e aprendendo mais.
Aceitar as mudanças abre novos caminhos e favorece o progresso.
Há uma felicidade real e possível nesta vida para quem enfrenta as verdades dos fatos, se apoia, fica no bem e colabora com a melhoria social de alguma forma.
Por esse motivo continuo aqui, estudando a espiritualidade a cada dia.
E quanto mais estudo, mais a vida se abre mostrando que nossa alma é divina, porque Deus mora dentro de nosso peito, respondendo nossos questionamentos e inspirando bons pensamentos.
Mas, para essa conquista, é preciso ter a coragem de se ver e começar a mudar para melhor.
A hora da mudança é agora!

Zibia Gasparetto
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:06 pm

Você está onde se põe
A vida é uma dádiva divina, mas viver bem é da responsabilidade de cada um.
Você está onde se põe, é livre para escolher como quer viver.
Você quer prosperar, ser feliz.
Não deseja sofrer, errar e tudo que faz é com a intenção de alcançar esse objectivo.
Se você conseguiu, parabéns.
É sinal de que apertou o botão certo.
Mas se sua vida está travada, nada deslancha, e se, o que é pior, está cheia de problemas, é hora de rever suas crenças, porque são elas que determinam suas atitudes e atraem os factos que a infelicitam.
Os outros não são responsáveis pela sua infelicidade, como você pensa.
Quando você se aproxima das pessoas, suas energias as envolvem provocando suas reacções.
Quando conversa com alguém, já sentiu vontade de ir embora ou de ficar mais?
É o reflexo da troca energética.
A situação, o governo, as leis estão funcionando para todos.
Então, por que alguns progridem, vão bem e outros vão mal?
Acredite, suas atitudes estão atraindo todos os factos de sua vida.
As coisas boas que deseja conquistar estão a seu alcance, mas precisa encontrar o caminho.
Para abrir essa porta, é preciso ouvir o coração.
É o sentir que reflecte os anseios do seu espírito, revela seu lado verdadeiro e quais atitudes lhe trariam felicidade.
Viaje pelo seu mundo interior, sem julgamento, livre.
Descubra suas qualidades, as legítimas aspirações de sua alma, e faça dessa verdade seu objectivo maior.
Firme o propósito de nunca mais ir contra seus sentimentos.
Que o sim e o não expressem só o que sente.
Não tenha medo de desagradar os outros.
Quando você se respeitar, será respeitada.
Nessa análise, verá também seus pontos fracos.
Não se julgue menos por isso.
Todos nós temos qualidades e defeitos, e os desafios que a vida coloca em nosso caminho aparecem para nos ajudar a vencê-los.
Seja paciente.
Nossos pontos fracos reflectem a nossa ignorância.
À medida que nos ligamos mais ao nosso espírito, que é essência divina, vamos desenvolvendo nossa consciência e aprendendo os verdadeiros valores espirituais que regem a vida.
A fé é a claridade da certeza.
É livre dos preconceitos da religião e une a criatura ao criador, independe de intermediários.
Os dogmas religiosos alimentam as dúvidas.
Se você deseja conquistar essa certeza, questione suas dúvidas, investigue as revelações divinas, busque provas de que a vida continua depois da morte, de que seu espírito é eterno, de que há uma fonte divina que nos criou e governa, com amor e sabedoria.
Jogue fora o sagrado e busque a verdade.
Ela transformará sua vida para melhor!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:07 pm

O mundo precisa de paz

O mundo está precisando de paz.
Apesar disso, as guerras se repetem, o ódio continua existindo entre os povos, que brigam alegando estar em busca da paz.
A semente da violência tem sido plantada, usando a paz como referência.
Se a paz tivesse sido alcançada, a justificativa seria válida, mas até hoje essa conquista continua distante.
Uma guerra cria situações dramáticas, de risco, de tensão, e esse estado acciona a criatividade na busca de coisas novas que possam enfrentar esses desafios, restabelecer a ordem e a paz.
Depois de uma guerra, há um surto de progresso, a ciência evolui, os conceitos sociais mudam. Isso é um facto.
Contudo, a paz conquistada é só aparente.
Os que venceram brigam entre si pelo poder, os que perderam começam a tramar em busca da revanche.
Violência atrai violência.
Quem é guerreiro atrai a guerra.
A crença de que a violência pode resolver os problemas tem iludido e infelicitado muitas pessoas.
Você é uma delas?
Não aguenta uma crítica, se ofende com tudo, fica procurando um jeito de revidar?
Olha sempre o lado negativo das pessoas, teme ser enganado, vive prevenido, pronto para se defender?
É radical em suas atitudes?
Fica, durante anos, remoendo coisas que o ofenderam, sentindo a mesma revolta, não quer nem ouvir falar em perdão, prefere resolver seus desafios na briga?
Cuidado! Com essa atitude você está vulnerável, é candidato à invasão de sua casa, de sua vida e de seus bens por pessoas violentas.
Você tem escolhido a guerra e, embora se diga amante da paz, suas atitudes estão dizendo à vida que você é violento.
Os factos do dia a dia que lhe acontecem são resultado das suas escolhas.
Se continuar a plantar violência, ela se manifestará em sua vida.
A violência é fruto do orgulho, uma ilusão que a vida vai destruir.
Não se deixe envolver por ela.
Você não precisa que os outros o valorizem para se sentir importante.
VOCÊ É A PESSOA MAIS IMPORTANTE PARA VOCÊ!
Não dê importância ao que os outros pensam.
Cuide de você, melhore seus conhecimentos, aceite as diferenças.
Você não é o dono da verdade, pode errar, tentar se corrigir e seguir adiante.
Dê aos outros essa mesma oportunidade.
Cada um é como consegue ser.
Diga não à violência, construa para si uma paz duradoura, que lhe ofereça momentos de alegria e prazer, usufrua da vida.
Você merece!
Seja um eficiente distribuidor de energias de paz.
Quando a maioria das pessoas entender isso, as guerras acabarão, a paz será uma conquista definitiva, reinará nos corações dos homens, trazendo muito mais progresso e luz.
Vamos trabalhar pela paz!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:07 pm

Tudo tem prazo de validade

A sua segurança está na mudança.
Você não acredita?
Sente-se seguro na sua rotina, procura mantê-la aconteça o que acontecer?
Só que a vida trabalha em função do progresso, comanda a transformação, nada fica parado.
Para alcançar o progresso, muda situações, traz novos desafios.
Tudo tem prazo de validade.
Quando esse prazo termina, as mudanças ocorrem independentemente da vontade de cada um.
Aceitar o novo, usar a inteligência para aprender, facilita o processo.
Resistir atrai problemas cuja gravidade é relativa à força dessa resistência.
Muitas pessoas vivem em um mundo de fantasias, sem o mínimo senso da realidade.
Passam pela vida entre a frustração e a revolta, sem foco de direcção, alheias ao que acontece ao seu redor.
Ignoram a verdade, ficam inseguras.
Conseguir um lugar para morar, uma família, um trabalho que cubra suas despesas é só o que ambicionam.
Uma vez alcançado esse objectivo, mesmo que a casa seja pobre, a família complicada, o emprego insatisfatório, é preciso dar-se por satisfeito:
"Há pessoas que nem isso tem!".
Ficam paradas no tempo, com medo de ousar e procurar algo melhor.
Ignoram a verdade do seu espírito.
Não se conhecem intimamente, se vêem através da cultura de uma sociedade que valoriza as aparências, faz concessões a líderes que são hábeis para dominar e manipular as massas, aceitam que tudo pode ser feito desde que ninguém saiba e não as afecte.
Não é para viver dessa forma que você está aqui.
Ao nascer, você trouxe um projecto divino para sua vida e é sua responsabilidade executá-lo.
Seu espírito é eterno e vai ficar aqui por um tempo determinado, findo o qual voltará para seu lugar de origem.
É você quem escolhe fazer esta vida pior ou melhor.
Mas a vida não joga para perder e aposta em seu sucesso.
Colocou dentro de você todas as condições, mas você terá de aprender a utilizá-las.
Comece por controlar seu negativismo.
Sempre que surgir um pensamento ruim, não lhe dê importância para que ele desapareça (importar significa colocar para dentro).
Sinta o que vai em seu coração.
Imagine que sua vida é maravilhosa, pense alto, não seja pobre, você merece o melhor.
Sinta sua vocação e qual trabalho lhe daria prazer.
Afirme várias vezes que está aberto para mudar o que for preciso.
Os pensamentos antigos vão insistir, substitua-os pelas afirmações positivas.
Insista no processo e logo as coisas boas começarão a aparecer.
Confie na vida e não tenha medo de ousar.
As primeiras vitórias vão motivá-lo a continuar.
Experimente e verá.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:07 pm

Sintomas da mediunidade

Quais são os sintomas da mediunidade?
Vejamos:
Se você é instável e emocionalmente vai da euforia à depressão sem causa aparente; sente dores pelo corpo que se manifestam ora em um lugar ora em outro sem motivo aparente; tem sintomas de doenças, queda de pressão, falta de ar, arrepios; sai de casa bem e, ao entrar em algum lugar, sente-se indisposto, com vontade de sair correndo ou de dormir; tem facilidade de ser amável com algumas pessoas e com outras você quer brigar; sente medo, insatisfação, não dorme direito, vai ao médico e ele não encontra nenhuma doença e diz que você está estressado; tem pensamentos estranhos, sente inchaço nas mãos, na cabeça, dormência nos membros; sonha que está voando, caindo ou vê seu corpo na cama...
Se um pouco de tudo isso estiver acontecendo com você, é hora de descobrir que sua sensibilidade está se abrindo.
Que você tem mediunidade.
Abrir a sensibilidade é caminhar para a maturidade espiritual.
Claro que, se você fosse equilibrado emocionalmente, seria uma maravilha.
Só captaria as energias dos iluminados, das coisas boas e se sentiria muito bem, mas, se você der força a seus pontos fracos, se ligará a espíritos perturbados, pela lei universal de sintonia.
Cada pessoa é bombardeada por toda sorte de energias:
as formas-pensamento das pessoas, a mente social, os espíritos dos que já morreram e que ainda perambulam pela Terra.
Somando-se a tudo isso nossas crenças, nossas ilusões e nossas necessidades, teremos o quadro de nossa situação real.
A mediunidade não é responsável pelo que sentimos, apenas revela os pontos que precisamos equilibrar.
Toda dependência é sinal de imaturidade e fraqueza.
Você está aqui para desenvolver seus potenciais, cooperar com a vida, evoluir.
Se você assume a responsabilidade pelos seus actos, a vida o apoia. Se você nega sua força, julga-se incapaz, se paralisa, a vida lhe enviará maiores desafios para fazê-lo reagir e seguir adiante.
Evoluir é fatal!
A mediunidade pode lhe proporcionar momentos de extrema felicidade.
A ligação com as forças sublimes da vida ampliará sua visão e lhe abrirá as portas da eternidade.
Você sobreviverá à morte do corpo, irá viver em outras dimensões e saberá que a separação com nossos entes queridos é temporária.
Eles estarão à nossa espera quando fizermos nossa viagem.
Viver essa extraordinária experiência é sensacional!
Conforta, simplifica e faz perder o medo de viver!
Como a vida trabalha por mérito, você terá de começar desde agora a fazer a parte que lhe cabe.
Você pode viver melhor desde já.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:08 pm

Você é livre para escolher

Você vai a uma festa ou a um jantar muito animado e lá, de repente, começa a sentir-se deprimido, desanimado, sufocado, com vontade de sair correndo daquele lugar?
Estando em casa ou no trabalho, do nada e sem motivo aparente, você sente frio, arrepios, enjoo, falta de ar, dores no corpo, atordoamento, sensação de desmaio?
Minha experiência tem demonstrado que esses sintomas são provocados por conexão com energias pesadas que estão à nossa volta, provenientes de formas-pensamento de pessoas, ou espíritos desencarnados desequilibrados.
Essa conexão tem várias causas e, conforme o teor de seus pensamentos e atitudes, você se torna vulnerável a elas.
Por esse motivo, é fundamental manter a atenção sobre o que vai em seu mundo interior, se quiser evitar essa desagradável situação.
Hoje em dia, os médicos, os cientistas em geral, ensinam que, para ter longevidade e saúde, é necessário manter o optimismo, cultivar a alegria, ficar de bem com a vida.
A agitação do mundo moderno, o ritmo vertiginoso em que nos envolvemos, nos faz correr de um lado a outro para cumprir as obrigações que nos impusemos.
Mergulhados no círculo vicioso entre o trabalho e o consumismo, esquecemos de satisfazer as necessidades básicas do nosso espírito.
Nós estamos aqui para desenvolver a consciência, conquistar a lucidez e saber o que fazer para conquistar a felicidade.
Você já sabe o que o faria feliz?
Já descobriu como ficar alegre?
Está fazendo alguma coisa nesse sentido?
Sempre que faço essas perguntas recebo respostas evasivas.
As pessoas estão perdidas, não têm foco nem rumo.
Mas a verdade é que você é inteiramente responsável por tudo quanto acontece em sua vida.
É livre para fazer suas escolhas e são elas que determinam os resultados que colherá mais à frente.
Como é que você vai conduzir sua vida se não sabe para onde vai?
Sem controlar seu mundo interior, você está à mercê das energias descontroladas ao redor.
É como uma folha levada pelas intempéries ao sabor do vento.
Vivendo na Terra, é importante trabalhar, manter a família, mas sem deixar de atender às necessidades de sua alma, que precisa abrir os olhos a uma verdade que vai além das transitórias necessidades da vida física.
Acreditar no invisível, buscar conhecimento sobre as leis perfeitas que regem a vida e viver a ética espiritual lhe garantem a protecção divina.
Entrar no seu mundo íntimo, sentir sua vocação e focar seus objectivos nela vai dar outro rumo à sua vida, fazendo-o conquistar realização, progresso e paz.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:08 pm

Mensagens esclarecedoras
Muitas vezes, em meus momentos de meditação, recebo inspiração de alguns espíritos amigos que passam mensagens esclarecedoras, com a finalidade de mostrar como a vida responde às nossas escolhas.
Dessa forma tentam abrir nosso entendimento para aquilo que funciona, estimulando-nos a amadurecer com inteligência em vez de precisar ir pela dor.
São mensagens que nos fazem pensar e despertam nossa atenção, fazendo-nos analisar nossa forma de ver a vida.
É ela quem determina nossas escolhas.
Grupos que dominaram a sociedade impuseram pela força regras que serviam a seus interesses e que acabaram sendo vistas como verdadeiras.
Essas falsas crenças provocaram guerras e sofrimentos.
É hora de acordar e conquistar uma vida melhor.
O mundo mudou, evoluiu e a tecnologia trouxe conforto, saúde, bem-estar.
Mas a ilusão obscurece a visão, e a inversão de valores, a crença de que a violência soluciona, a ânsia de poder fazem com que o sofrimento, resultado de escolhas equivocadas, permaneça infelicitando as pessoas, como nos primeiros tempos.
A vida trabalha sempre em favor da nossa evolução e faz o melhor.
Dentro de nós há tudo de que precisamos para amadurecer, mas temos de fazer a parte que nos cabe.
A elevação do nosso espírito é nossa responsabilidade.
À medida que aprendemos vamos conquistando nosso progresso.
Ninguém pode fazer isso por nós.
Os espíritos de luz tentam abrir nossos olhos, enviando-nos mensagens que nos fazem reflectir e acabar com as falsas crenças que nos infelicitam. Eis algumas delas:
— valorizar as coisas boas que você já tem faz com que elas se solidifiquem;
— agir a favor da vida é tornar-se mais forte;
— se você cuidar bem de si mesmo, estará cumprindo a sua missão e o mundo ficará melhor;
— escolher o bem é estar no seu melhor;
— na vida, há momentos de reflectir, de ir em frente, de ousar, de parar, não fazer nada e deixar a vida fazer porque ela sempre faz o melhor.
Outra:
TRABALHANDO A FAVOR DA VIDA
1. valorize a verdade;
2. por mais bela que pareça a ilusão, sempre acaba na desilusão;
3. nunca force as coisas quando a vida não quer;
4. valorize seu tempo, porque na Terra ele é limitado;
5. respeite sua individualidade não permitindo nenhuma invasão;
6. tudo funciona melhor com inteligência;
7. não espere nada dos outros;
8. tudo deslancha fácil quando a vida quer;
9. aprenda a ler os sinais da vida se deseja ter segurança;
10. na dúvida, pergunte a ela o que fazer e espere.
A vida sempre responde.
Cumprir esses quesitos pode parecer difícil, mas se os fizer e perseverar, descobrirá como tudo ficou mais fácil.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:09 pm

Porque nada da certo?

Há muitas pessoas que me escrevem reclamando, dizendo que nada para elas dá certo.
Perdem-se na queixa sem perceber que estão se vendo como vítimas, incompetentes para comandar a própria vida.
Por que não experimentam fazer o oposto?
É uma resposta óbvia.
Se as coisas dão errado é porque não apertaram o botão certo para conseguir sucesso.
Que tal aprenderem a ser mais positivas?
— Como posso ser positiva se tudo está ruim? — estão pensando isso, não é mesmo?
Quem age assim tem a mente cheia de falsas crenças aprendidas.
Essas crenças colocam as pessoas dentro de um círculo vicioso em que se vêem sem condições de sair.
Dessa forma estão sem controlo, vivem ao sabor do que os outros determinam, atraem sempre o pior.
Suas energias são depressivas.
Além de infelicitá-las, fazem com que não sejam valorizadas pelos outros.
Esse é um estado de auto hipnose que aprisiona, provoca e alimenta uma grande ilusão.
A vida trabalha e se movimenta em favor da evolução espiritual.
Quando alguém entra na fantasia, ela atua de forma a mostrar-lhe a realidade.
E o faz respondendo às atitudes de cada um.
São os resultados de suas escolhas que lhe mostram o seu desempenho.
É simples e claro.
Se as coisas não vão bem como você gostaria, é preciso mudar o procedimento, assumir que a causa do que lhe acontece está em você, na maneira como se vê.
Reconheça que você é a pessoa mais importante em sua vida.
Confie que tem discernimento para tomar decisões.
Você merece o melhor.
E o melhor é ter tudo de bom que a vida oferece.
Imagine como gostaria que sua vida fosse as coisas que gostaria de fazer.
Pense grande.
Não acredite em limites.
Você pode obter tudo.
Só precisa se esforçar para achar o caminho.
Não tenha pressa, você tem toda a eternidade pela frente.
O importante é começar.
O primeiro passo é sentir sua vocação.
Ela garante o sucesso profissional.
Sem motivação não há realização.
Se não está satisfeito com seu trabalho, não hesite em mudar e fazer o que seu coração quer, mesmo que tenha de recomeçar a estudar.
Persevere e vai conseguir.
Valorize-se.
Não faça nada que não tenha vontade.
Aprenda o valor do sim e do não.
Respeite seus sentimentos.
Quando você se coloca com sinceridade, as pessoas entendem.
Logo descobrirá que, ao contrário do que imaginava, essa atitude fará com que seja mais valorizado e respeitado pelos outros.
Conhecer-se melhor o fará perceber suas qualidades e, à medida que as coisas começarem a dar certo, se sentirá mais forte para continuar.
Não espere mais.
Comece agora a ficar do seu lado e a trabalhar a seu favor.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Dez 07, 2017 12:09 pm

É possível ser feliz?

Muito se tem falado sobre a conquista da felicidade e, em meio aos muitos desafios do dia a dia, você se pergunta:
"Posso ser feliz?".
Se for optimista, pode chegar a descobrir que tem sido mais feliz do que supunha.
A felicidade é feita de momentos alegres quando a consciência está presente.
Viver no presente é condição indispensável para aproveitar todos os momentos felizes.
Como na canção de Ataulfo Alves, quando você diz:
"Eu era feliz e não sabia", está reconhecendo que tem vivido fora da realidade.
Mas a vida continua e você não pode voltar no tempo e recuperar o que perdeu.
Em vez de se lamentar, você pode abrir sua mente para aprender a valorizar o presente e, daqui para a frente, aproveitar os bons momentos que tiver.
Nem sempre é fácil deixar o passado passar.
Sempre que temos de tomar decisões, o fazemos impulsionados pelas experiências do passado.
A pretexto de nos proteger, damos mais importância ao que deu errado, imaginando o pior.
O medo alimenta a ansiedade, nos leva para o futuro, dificultando o entendimento da solução.
Nesse círculo vicioso de ilusão, podemos permanecer largo tempo, nos pressionando, paralisados pelo medo, cultivando a infelicidade.
Se você se sente assim, é hora de acordar, reagir e aprender a viver no presente.
É preciso deixar de dar importância ao mal, tornando-se optimista.
Ao ter que tomar uma decisão, se surgir um pensamento negativo, mande-o embora.
Pense que agora você está mais preparado para examinar melhor a situação e encontrar uma boa solução.
Procure olhar a questão por vários lados, esperando o melhor.
Os pensamentos negativos estão automatizados em seu subconsciente e poderão reaparecer, mas se você não se intimidar e insistir no positivo, perderão a força e, de repente, ficará claro o melhor a ser feito.
Será muito gratificante colher o bom resultado dessa atitude, e, à medida que for colhendo novas vitórias, irá fortalecendo a confiança em si mesmo.
Deixar o passado ir embora, jogar fora a ansiedade e acreditar que o futuro será melhor torna o presente mais consciente.
Você toma posse de si, confia, sente que pode escolher melhor a cada dia.
Ao errar, não se condene, mas procure aprender o que o erro quer lhe ensinar.
Viver no presente faz com que não crie demasiada expectativa com relação a coisas e pessoas, traz bom senso.
Sinta que a felicidade está nas pequenas coisas do dia a dia, na troca de afecto, no respeito, na valorização dos seus sentimentos.
Acredite que seu espírito é eterno e está aqui para aprender a valorizar a vida e ser feliz.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:58 am

Dificuldade em tomar decisões

Este texto é para você que é tímido, tem dificuldade de tomar decisões, vive pedindo opiniões para os outros nas mínimas coisas.
Muitas pessoas adoram dar "conselhos", o que fazem mesmo sem serem solicitadas, e com prazer vão colocando suas opiniões.
Se consultar várias pessoas, poderá ficar ainda mais indeciso, porque cada uma tem seu modo de ver, sua experiência de vida.
O nível de conhecimento varia, sendo que não há duas pessoas iguais.
Olhe em volta e perceba quantas pessoas vivem completamente fora da realidade.
Cultivando fantasias, vão da depressão à euforia, ora julgando-se incapazes ora sonhando com coisas fora de suas possibilidades.
São ansiosas.
Não querem ver o presente porque temem assumir a responsabilidade de conduzir a própria vida, mas vivem esperando tudo do futuro sem que façam o que é preciso para conseguir o que desejam.
Você está sentado em cima de um tesouro e continua na miséria.
É triste porque, enquanto não enxergar que o poder de conquistar uma vida melhor está em suas mãos, continuará nessa situação.
Quando você não decide e espera que os outros digam o que deve fazer, está se anulando e transferindo todo o seu poder aos outros.
Atrás dessa atitude há a ideia de que você é incapaz e eles sabem muito mais.
Há o medo de errar e a vontade de dividir a responsabilidade.
A vaidade é tão forte que, ao menor deslize, você se critica, se agride e a dor é muito grande, faz sofrer tanto, que você prefere omitir-se e deixar que os outros decidam sua vida.
Você se abandonou, transferiu seu poder a outros.
Deve estar sentindo um vazio no peito e uma tristeza muito grande.
Reaja. Assuma sua vida.
Retome seu poder.
Aprenda a lidar com você e não tenha medo de errar.
Ninguém consegue amadurecer sem errar.
Os erros ensinam mais que os acertos.
Não se critique.
Fique do seu lado.
Cuide de você com amor.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:58 am

Carnaval

Certa vez, no meu programa semanal na rádio, uma ouvinte me perguntou se o carnaval é mesmo coisa do diabo...
É incrível que, nos dias de hoje, ainda há quem acredite que o mundo se divide entre o bem e o mal.
A velha figura do diabo com seu aspecto assustador, nos empurrando para a maldade, continua no imaginário popular a assombrar pessoas e a justificar as atitudes humanas.
Culpar o diabo divide a responsabilidade, alivia nossa sensação de culpa sempre que escorregamos em alguma maldade.
Imaginar que estamos sendo vitimados por um ser cujo poder é irresistível, nos coloca na cómoda posição de vítima e atrai a simpatia dos outros.
Quem acredita no poder do mal está dando ao diabo um poder igual ao de Deus.
Essa crença foi implantada em nossa cultura pelas religiões, para manipular o povo.
É hora de sair dessa ilusão e olhar as coisas como elas são.
Ao nos criar ignorando as leis da vida, mas tendo livre-arbítrio, Deus nos deu a dignidade de conquistar a sabedoria através do merecimento.
É o que estamos fazendo na Terra.
A manifestação do mal é fruto da nossa ignorância.
Todos queremos fazer o melhor, sobressair, brilhar, mas, em nossa visão precária, temos escolhas equivocadas, colhemos maus resultados, sofremos.
Mas com eles ganhamos experiência.
Entre erros e acertos, vamos conquistando sabedoria e aprendendo a viver.
Apesar de tudo, é bom ficar atento ao que acontece em seu mundo interior com o diabinho insistente que mora dentro de você e faz tudo para empurrá-lo para baixo.
Ele se alimenta de todas as mágoas, frustrações, decepções do passado a que você deu importância e da sua falta de confiança em si.
A pretexto de prevenir, olha tudo pelo lado pior, faz drama, exagera situações, o paralisa pelo medo.
Defenda-se desse diabinho insistente, reaja aos seus pensamentos negativos.
Recuse-se a alimentá-lo.
Liberte-se dele definitivamente.
Lembre-se de que o mal é fruto do que você ainda ignora, não se culpe.
Quando cometer um erro, procure entender a lição que ele contém.
Esqueça o mal, só o bem é real.
Ligue-se com seu espírito e sinta o que é importante em sua vida agora.
Fale com Deus sobre seus projectos de sucesso, peça inspiração divina.
Seja optimista.
O carnaval é uma festa do povo.
Você pode participar sem medo, divertir-se, expressar sua alegria.
Afinal, você já se libertou do seu diabinho interior e está pronto para agir com bom senso e aproveitar a festa com tudo que tem direito.
Se prefere relaxar em um lugar sossegado, deixar-se ficar sem fazer nada, ler um bom livro, também é bom.
Aproveite o momento e bom carnaval!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:58 am

Solidão

Algumas pessoas, mesmo vivendo com a família, estando rodeadas de amigos, queixam-se de solidão.
Sentem um buraco dentro do peito, uma sensação de vazio que procuram preencher de várias formas, sem conseguir.
Tentando esquecer a tristeza, há quem mergulhe no excesso de trabalho, em uma vida desregrada e até nos vícios.
Vale tudo para fugir dessa dor.
Há ainda os que fantasiam um relacionamento afectivo que venha a preencher todas as suas carências e seja a solução.
Nada disso vai funcionar.
A causa do sentimento de abandono e a sensação de solidão que você sente está localizada dentro de você e não nas coisas exteriores.
Os outros, mesmo que desejem, não têm como resolver esse problema que é causado pela sua maneira de se ver e perceber a vida.
Você deve estar vivendo valorizando mais os condicionamentos do mundo exterior e ignorando os anseios do seu espírito.
Ele é a força viva que alimenta seu corpo físico e emocional, sabe como preencher todas as suas necessidades para lhe proporcionar uma vida boa e produtiva.
Não permitindo que seu espírito se expresse, exerça seu poder e realize suas funções, você está cada dia mais enfraquecida, sem vitalidade, sem alegria, criando um campo energético que pode atrair doenças.
Note que, quando o espírito vai embora, o corpo se desfaz.
A força da vida é do seu espírito.
Você sente solidão porque se abandonou.
Para reverter a situação, precisa mudar sua atitude para descobrir quais são as prioridades do seu espírito.
O primeiro passo será aprender a controlar a sua mente.
Ela reflecte os condicionamentos aprendidos na sociedade que, em grande parte, não são verdadeiros.
Vou repetir o que já tenho mencionado: as falsas crenças aprendidas distorcem a realidade e nos fazem agir de maneira equivocada, provocando resultados ruins.
Esses condicionamentos são fortes e, mesmo que você queira libertar-se deles, vão aparecer de novo.
Sempre que isso ocorrer, não lhes dê importância.
Mude o foco para algo melhor e com o tempo acabarão desaparecendo.
A viagem do autoconhecimento liberta e abre os caminhos do progresso.
Para começar, vá a um lugar sossegado, feche os olhos e imagine que está entrando no seu coração.
Sinta as emoções que estão lá.
Não tenha medo de assumir o que sente.
Quando você se coloca assumindo seus verdadeiros sentimentos, permite que seu espírito se expresse.
Então todo seu carisma vai se manifestar.
Seu espírito é luz, vida, inteligência, beleza.
Fique consciente dessa realidade e aproveite a oportunidade que você tem de estar aqui, fazer a sua luz brilhar!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:59 am

Fenómenos mediúnicos

Conhecimento nunca é demais e, a cada dia, aprendo um pouco mais sobre as leis divinas que controlam a vida.
Há muitos anos venho pesquisando os fenómenos mediúnicos e a nossa relação com os seres que vivem em outras dimensões do Universo.
Dessa forma obtive a certeza de que se trata de um facto natural, que tem acontecido desde o início da nossa civilização.
Embora as religiões tenham se interessado por esse assunto e cada uma manifeste sua opinião a respeito, esses factos são próprios dos seres humanos e independem de qualquer religião.
Há vários factores que concorrem para abrir a sensibilidade: uma doença grave, a perda de um ente querido, do emprego, do dinheiro, entre outros.
Esse estado pode ser temporário e, dependendo da reacção, benéfico.
A mediunidade não é património de pessoas mais evoluídas, muito embora o resultado bom ou ruim que cada um vai obter quando a exerce será relativo a seu nível espiritual.
É errado acreditar que quando sua mediunidade se manifesta é preciso utilizá-la em benefício dos outros.
A revelação espiritual acontece em sua vida para chamar sua atenção sobre a eternidade do espírito, trazer-lhe conforto, mostrar a grandeza da vida que trabalha em favor do bem de todos.
É um processo que lhe mostrará a necessidade de equilibrar seu emocional porque você, tendo se tornado mais sensível, ficará vulnerável às energias à sua volta, seja das pessoas ou dos espíritos desencarnados.
Se você for impressionável, dramático, maldoso, crítico, depressivo, vai absorver energias afins que, além de distúrbios mentais, vão reflectir-se no seu corpo físico e provocar sintomas de doenças.
Nesse caso, o médico, apesar do que parece, não encontrará nenhuma doença.
Quando esses sintomas são muito intensos, o médico pode querer pesquisar mais e, diante da complexidade do caso, até fazer um diagnóstico errado.
Se você sente esses sintomas, pode ser mediunidade, e é melhor estudar o assunto.
Há livros de pesquisadores sérios que lhe darão boas informações.
Há também grupos mediúnicos bem orientados, onde você poderá encontrar esclarecimento e ajuda para restabelecer o equilíbrio energético.
Mas manter esse equilíbrio vai depender de como você disciplina seus pensamentos e suas atitudes.
Estando bem, se desejar trabalhar em favor dos outros, nunca o faça por medo ou por obrigação, mas por uma escolha do seu coração.
É o amor verdadeiro quem move os factos e materializa o milagre.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:59 am

Crime e castigo

Há duas perguntas que me fazem com frequência:
"Quando as pessoas são ruins nesta vida, sofrem algum castigo depois da morte?" e "As pessoas que convivem connosco hoje são nossas conhecidas de outras vidas?".
Eis o meu ponto de vista:
Qualquer pessoa que proceder de maneira inadequada obterá resultados negativos, antes ou depois da morte.
Não se trata de castigo, mas da resposta que cada um colhe pelo que faz.
A vida ensina responsabilidade, tem seus próprios critérios, age dentro das leis cósmicas, que são eternas, e não dos padrões da sociedade, que são humanos e relativos.
Quais são seus critérios quando diz que alguém é ruim?
Seja prudente ao rotular os outros.
Um erro de avaliação pode custar caro e atrair uma situação igual à que criticou, para que possa avaliá-la melhor.
Quem olha as atitudes das pessoas com animosidade fica vulnerável à maldade alheia.
Tenha bom senso.
Quando alguém faz alguma coisa que o magoa, e você se sente injustiçado, não se deixe levar pelo primeiro impulso.
Analise suas atitudes, procure perceber os vários lados do facto.
Será que houve mesmo a intenção de ofendê-lo?
Alguma atitude sua não teria provocado essa reacção?
Se chegar à conclusão de que nada fez para provocar essa reacção, sentirá a satisfação de ter a consciência tranquila e conseguirá ignorar a maldade dos outros.
Você não responde pelas atitudes de ninguém, mas é responsável pela interpretação que faz delas.
Você pode escolher olhar tudo com bons olhos e ignorar a maldade.
Não tem obrigação de tolerar os que ainda desconhecem o bem e derramam sobre você energias ruins.
Não hesite em deixá-los em favor de sua tranquilidade.
Mas faça isso sem ódios nem rancores.
Você tem o dever de preservar sua paz.
A vida tem como ensinar a eles o que precisam aprender.
As pessoas se unem pela afinidade dos seus sentimentos, que determinam se a ligação será prazerosa ou desagradável.
O amor traz prazer, e o ódio, sofrimento.
A ligação persiste enquanto os dois alimentarem o mesmo sentimento.
Basta um perdoar com sinceridade para romper a ligação e o outro não poderá mais atingi-lo.
Mas o outro, como ainda cultiva o mal, atrairá pessoas maldosas e sofrerá por isso, até que, por sua vez, se decida a perdoar.
Se você não está satisfeito com as pessoas que o rodeiam, sejam ligações de outras vidas ou não, é preciso deixar de se queixar, de criticá-las.
Se deseja libertar-se, precisa sair do mal.
Deus as colocou em seu caminho para que você as auxilie e abençoe.
Liberte-as.
Ignore o mal, valorize o bem e, uma a uma, as pessoas maldosas espontaneamente se afastarão e outras melhores se aproximarão de você.
Experimente e verá!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:59 am

Saúde e bem-estar

Você sabia que seu corpo reflecte a maneira como você se vê e enxerga a vida?
Se você for uma pessoa calma, bem-humorada, optimista, seu corpo será saudável, jovial, e chegará assim a uma idade bem avançada.
Mas se você for pelo lado oposto, não valorizar o corpo, nem se conscientizar do que ele precisa para manter um bom desempenho, pagará caro por essa omissão.
Quem afirma isso é o doutor Deepak Chopra, em seu livro Corpo sem idade, mente sem fronteiras.
Ele relata várias pesquisas que comprovaram essa realidade e vai além, analisando o envelhecimento através da física quântica.
Espiritualista, Deepak Chopra afirma que nesse processo de transformação da matéria só o espírito é real e tem o poder de criar, manipular e controlar as formas.
O espírito, apesar de estar ligado a um corpo materialmente cansado, pode sentir-se jovial, participar da vida, acreditar no futuro, o que prova que ele não envelhece.
Ao contrário, aprende, amadurece, evolui.
Apesar de o envelhecimento ser uma condição natural, o andamento e a qualidade desse processo vão ocorrer conforme você se posicionar.
Se deseja amadurecer bem, precisa reconhecer que o envelhecer do seu corpo físico é natural, mas também que você pode auxiliá-lo a viver bem essa fase da vida.
O corpo possui uma inteligência própria e, se você se ligar a ele com o propósito de apoiá-lo, acontecerá uma troca energética capaz de manter o seu equilíbrio e o seu bem-estar.
Todas as noites, ao se deitar, habitue-se a sentir seu corpo e a lhe perguntar do que ele precisa.
Se sentir uma sensação desconfortável, tome consciência do local do desconforto.
Apenas isso.
Esse hábito facilitará seu diálogo com seu corpo e fará você tomar decisões que lhe trarão mais saúde e equilíbrio.
Sendo seu espírito o comandante do corpo, as energias dos pensamentos aos quais você dá importância (importar-se é absorver) envolvem seu físico e provocam sensações, conforme o teor.
A depressão tira suas energias vitais; a raiva queima os nervos periféricos e provoca dores musculares; o medo corta a ousadia e paralisa; a descrença impede o entusiasmo; a crítica envenena os rins; a maldade atrofia a consciência; a violência obscurece o raciocínio.
Há pessoas que agem assim e estão saudáveis.
É que elas são ainda muito primitivas e a vida só vai ensiná-las a se tornar mais responsáveis quando puderem aproveitar os ensinamentos.
Mas é bom afastar-se delas.
Pense nisso, você que deseja recuperar sua saúde, seu equilíbrio mental, físico e espiritual.
Reaja, questione, estude, procure mais conhecimento e a vida responderá proporcionando-lhe mais saúde, equilíbrio e paz.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:59 am

Ilusões e vitimismo

Hoje você acordou de mau humor.
Durante a noite, ficou remoendo os problemas, na esperança de encontrar meios de resolvê-los e não conseguiu.
Está se sentindo impotente, como se não lhe restasse mais nada a não ser culpar a vida, que privilegiou pessoas dando-lhes tudo enquanto a você tudo foi negado.
Você se comove diante de tanta injustiça, chora, se deprime, se entrega ao desânimo e acredita que só lhe resta deixar-se ficar, qual folha levada pelo vento, ao sabor da vida.
Houve uma época em que você tentou reagir.
Fez tratamento médico, tomou remédios, procurou psicólogos, frequentou algumas igrejas, mas, além de nada ter dado resultado, sua vida foi ficando cada vez pior.
Sente-se rodeado por pessoas maldosas, seus relacionamentos só lhe trazem aborrecimentos e, apesar de se esforçar, sua vida profissional não deslancha, a falta de dinheiro é constante.
Está na hora de você dar uma guinada e mudar definitivamente a sua vida.
Você está onde se põe.
Essa é uma lei da vida que funciona igualmente para todos.
Você se julga vítima, incapaz de cuidar de si mesmo, não acredita na grandeza da vida e tem a pretensão de julgar que Deus errou quando fez você.
Saia dessa ilusão.
Você é um espírito eterno que veio estagiar na Terra para progredir.
Dentro de você há um imenso potencial, que é de sua responsabilidade desenvolver.
Você é livre para escolher e está colhendo o resultado de suas escolhas.
Foi você quem criou sua situação actual e, assim sendo, poderá mudá-la quando quiser.
Não acredita?
Experimente e verá.
Comece invertendo seus pensamentos.
Faça uma lista de todas as suas qualidades, perceba o que tem de bom.
Observe seu corpo físico, note como ele é perfeito e desenvolve suas funções com inteligência.
Olhe em volta e veja a beleza da natureza, onde depois das tormentas o equilíbrio é retomado.
Faça exercícios respiratórios, ligue--se com ela para recuperar energias.
Coloque flores e plantas dentro de casa e cuide delas com amor.
Elas vão retribuir renovando o ambiente.
Cuide do seu mundo mental.
Sempre que surgir um pensamento negativo, não lhe dê importância, troque-o por algo positivo e ele desaparecerá.
Entre no seu coração para ligar-se ao seu mundo interior e sentir o que seu espírito deseja.
A sensação de conforto e prazer indicará que conseguiu.
Ao fazê-lo, estará se tornando Uno com Deus.
É hora de sonhar com todo o bem que gostaria que sua vida fosse.
Pense alto, você merece ser feliz!
A vida é farta, rica, tem muito a lhe oferecer.
E, quando os desafios do amadurecimento vierem, você estará forte e capaz de vencê-los.
Comece já!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 9:59 am

O poder de cada um

Quando há muita chuva e enchentes em vários lugares ao mesmo tempo, parece até que o planeta está chorando pela maldade humana que vem agredindo não só a Terra como toda a humanidade, preferindo a guerra em vez do diálogo, acreditando que a violência seja boa solução, que a corrupção seja vantajosa, que o descaso com a coisa pública seja normal, sem enxergar sua própria responsabilidade diante da vida, afundada no hábito de culpar os outros por tudo.
Na verdade, a ambição do poder é que tem fomentado as guerras, em que nunca há um vencedor, embora os que possuem mais força apareçam como tendo levado a melhor.
Mas, olhando os participantes, verifica-se que as perdas foram igualmente distribuídas entre todos e a vitória foi aparente, só alimentando a vaidade de alguns.
No relacionamento entre as pessoas acontece o mesmo, tanto no âmbito familiar quanto no profissional.
A ambição desmedida do poder cria uma guerra em que vale tudo.
Começa na manipulação, passa pela maldade e pode chegar até o crime.
O resultado é o mesmo: angústia, frustração, dor, sofrimento.
É muito prazeroso para o ser humano exercer o próprio poder.
Sentir que pode tudo.
Liderar, fazer as coisas do seu jeito.
Ser inteligente, criativo, tornar-se especial, destacar-se como um ser superior.
Essas necessidades estão dentro de cada um, lutando para expressar-se, fazem parte dos potenciais do nosso espírito, têm muita força e é quase impossível impedir que se manifestem.
Desde o início da civilização as pessoas estão tentando aprender a expressar esses sentimentos, de várias formas, sempre monitoradas pela vida que, com suas leis universais e perfeitas, responde a cada um de acordo com suas escolhas, transformando o erro em aprendizagem.
Na trajectória da evolução, percebemos que tem havido progresso em várias áreas, e hoje os países se unem na busca de soluções pacíficas.
Mas o verdadeiro poder dessa conquista está dentro de cada um.
Enquanto você não fizer a sua parte, tudo continuará como sempre foi.
Sinta que não é errado liderar, aparecer, tornar-se importante.
Entre no seu coração, sinta que essas qualidades fazem parte do seu espírito.
Note seus pontos fracos.
Entenda que seu poder deve ser usado para gerenciar suas atitudes.
Não tenha medo de expressar a sua verdade.
Respeite as diferenças.
Lembre-se de que você não tem poder para manipular os outros.
Cada um é dono de si.
Sendo verdadeiro, você poderá vir a liderar pessoas e o fará respeitando opiniões, sabendo ouvir, dialogando sem manipular, agindo em benefício de todos.
Assim, estará fazendo a sua parte, tornando o mundo melhor.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 10:00 am

Facilidades e dificuldades na vida

Há pessoas para quem tudo dá certo.
Parece até que são favorecidas pela vida, que lhes abre as portas do progresso, enquanto outras, por mais que se esforcem e lutem, não conseguem obter nada de bom, os problemas se multiplicam, suas realizações são bloqueadas.
Será que a vida é tão injusta como parece?
Será que age aos caprichos da sorte, sem avaliar os méritos e as possibilidades de cada um?
Não creio. Basta prestar atenção em como tudo funciona para notar que a vida tem um propósito definido em tudo que faz.
Quer ter essa certeza?
Comece a observar as pessoas à sua volta, analisar suas atitudes sem julgar (o julgamento distorce a verdade), acompanhe durante certo tempo os factos que acontecem com elas.
Depois de algum tempo, enxergará claramente que eles estão sendo dispostos não só de forma a mostrar a essas pessoas seus pontos fracos, como também a levar-lhes elementos para que melhorem o próprio desempenho.
As leis universais que regem a vida trabalham activamente no equilíbrio do Universo e a favor do progresso da humanidade.
Estagiar na Terra significa possibilidade de desenvolver os potenciais do espírito, conquistar sabedoria.
Na Terra estão encarnados espíritos de vários níveis, estabelecidos por uma faixa mínima e máxima de evolução, o que favorece a aprendizagem de todos.
Será que tudo é mais fácil e vai dar mais certo para os que são mais evoluídos?
Nem sempre.
A evolução não ocorre de forma linear e depende das escolhas de cada um, que é livre.
Pode ocorrer que, mesmo tendo mais conhecimento em uma área, o espírito seja ignorante em outras, por não gostar de enfrentá-las.
Entretanto, não poderá agir assim indefinidamente.
Diante do projecto divino que o espírito traz em sua trajectória, em que há a necessidade de conquistar completa sabedoria, lhe é concedido um tempo justo para que enfrente os pontos nos quais sente dificuldade, findo o qual o arbítrio acaba nessa área.
Se tudo dá errado para você, é hora de mudar suas atitudes.
O Universo trabalha em seu favor e colocou dentro de seu espírito tudo que você precisa para ser vencedor em todas as áreas de sua vida:
1) use seu querer e o poder que tem para trabalhar em seu favor;
2) enriqueça seu espírito adquirindo conhecimento;
3) acredite na sua capacidade;
4) seja generoso, próspero, aceite as diferenças, respeite o direito dos outros;
5) cultive o optimismo, a alegria, a jovialidade, a beleza, as artes;
6) seja verdadeiro em seus sentimentos;
7) valorize-se.
Agindo dessa forma, estou certa de que descobrirá o próprio poder, mudará sua vida, se tornará uma pessoa melhor.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Dez 09, 2017 10:00 am

Inimigos astrais

Embora haja quem ainda esteja discutindo se a vida continua após a morte, saber que nossos inimigos não são eliminados ao morrer e podem voltar para vingar-se é assustador para aqueles que durante a vida alimentaram inimizades.
Os espíritos são invisíveis, e saber que podem atravessar paredes, invadir nossa privacidade, nos atacar, mesmo para quem não tem certeza, é assustador.
Muitas pessoas neste mundo agem de forma errada, mentem, interferem na vida alheia, prejudicam os outros em favor dos próprios interesses, certas de que estão em segurança quando ninguém fica sabendo de nada.
Ocultam-se na ilusão de escapar à responsabilidade de seus actos.
Mas isso não existe.
Nada do que acontece fica oculto.
Mesmo quando não se vê, ninguém fica impune.
A vida responde a tudo que fazemos.
Um inimigo desencarnado que deseje vingar-se fica atento ao seu comportamento e pode tornar-se um cobrador inveterado de suas fraquezas.
Só através delas ele poderá atingi-lo.
Mas, se você resistir às sugestões do mal e reagir positivamente, ele não terá como fazê-lo.
Cada pessoa tem um guia espiritual que o ajuda, aconselha, acompanha seu desempenho no dia a dia.
Ele precisa ter permissão superior para exercer essa actividade e ser mais evoluído que a pessoa que ele protege.
Aquele pensamento bom que você teve, aquela vontade de perdoar, compreender as dificuldades dos outros, lhe foram inspirados por ele.
Ele aconselha, mas não interfere em suas decisões.
Respeita seu livre-arbítrio.
A escolha é sua.
Por outro lado, a irritação, a vontade de brigar, de não levar desaforo pra casa, pode bem ter sido sugerida por um espírito perturbador, inimigo do passado ou não, mas que gosta de ver você em confusão.
A forma como você pensa e se trata é que atrai as suas companhias espirituais.
Saiba por que, respondendo às perguntas:
Quando recebe uma crítica, de que lado você fica?
Deprime-se, pensando que os outros sempre têm razão?
Julga-se errado, cobra-se o tempo todo?
Não acredita na própria capacidade e só faz o que os outros querem?
Tem medo de dizer não?
Toda vez que se cobra, se pune e fica contra você, está dando abertura a que todos, encarnados ou não, se aproveitem de suas fraquezas.
Ninguém é vítima, a não ser de si mesmo.
Se você teve algum desafecto que morreu e teme que volte para perturbá-lo, defenda-se.
Coloque essa pessoa na sua frente e perdoe de coração as ofensas que julga ter recebido.
Firme o propósito de ficar no bem, entregue tudo nas mãos de Deus e fique em paz.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Dom Dez 10, 2017 11:35 am

Os médiuns

As pessoas fazem muita confusão a respeito dos médiuns e das comunicações com os espíritos.
Algumas acreditam que os médiuns existem para fazer o que elas querem, resolver seus problemas, curar suas doenças.
Acreditam que os médiuns podem intervir nos acontecimentos cotidianos, de acordo com seus caprichos e suas ilusões.
E revoltam-se quando eles não fazem o que desejam.
A assistência espiritual existe e tem prestado incontáveis serviços às pessoas, numa demonstração de que a vida é amor, bondade, mas jamais se prestará a fazer por elas a parte que lhes cabe.
Jamais um amigo espiritual se prestaria a esse papel.
Eles são muito independentes e só se comunicam quando podem, quando têm permissão dos superiores para fazê-lo.
Esse "telefone" só toca de lá para cá, conforme nos ensinava o querido Chico Xavier.
As pessoas que usam a mediunidade sem conhecimento são presas fáceis de espíritos perturbados e acabam pagando um preço muito alto por essa "ajuda".
Há alguns anos fui a um cabeleireiro e, enquanto aguardava minha vez de ser atendida, tive minha atenção voltada para uma moça que estava cortando os cabelos.
Uma voz me dizia que eu precisava lhe falar e que era importante.
Como eu não sabia o que dizer-lhe, não disse nada.
Mas quando eu estava no secador, ela veio sentar-se ao meu lado.
Então comecei a sentir um peso na barriga, na altura dos ovários, e quando percebi já estava falando com ela.
— Você tem algum problema nos ovários?
— Por quê?
— Por que você teve uma gravidez tubária que não evoluiu.
Fique tranquila, não é nada grave.
Vai ficar tudo bem.
Minha boca falava e eu observava sem poder parar.
Ela começou a chorar e respondeu:
— Eu vim fazer o cabelo e as unhas porque vou me internar no hospital hoje à tarde.
Tenho um cisto no ovário e serei operada amanhã cedo.
Eu estava muito nervosa.
Tenho filhos pequenos e temia que me acontecesse alguma coisa.
Agora sei que tudo vai sair bem.
A emoção tomou conta de nós.
E, de facto, quando voltei lá na semana seguinte, soube que ela tinha sido operada com sucesso e eles tinham retirado um feto extra-uterino mumificado.
A ajuda dos espíritos em nossas vidas tem se manifestado de inúmeras formas, nem sempre tão directa como essa.
Por isso, valorizo as comunicações espontâneas que, na maioria das vezes, trazem detalhes que provam sua veracidade.
Um atraso, a perda de um avião ou uma mudança de última hora em nossos planos podem ser uma forma de evitar acidentes ou problemas.
Quem não pode contar uma experiência a esse respeito?
É hora de confiar na vida, que sempre nos protege.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Dom Dez 10, 2017 11:35 am

O poder da fé

Eu e você somos pessoas de fé.
Acreditamos que há um poder maior que nos criou, nos alimenta e mantém a vida.
Não temos como avaliar esse poder, mas, observando os detalhes da natureza, da qual também fazemos parte, notamos o quanto é inteligente.
A cada dia a ciência descobre algum detalhe novo, que enriquece o conhecimento humano, mas que ao mesmo tempo abre portas a que se intensifiquem as pesquisas, porque sabe que sempre poderá encontrar algo mais.
Alguém já disse que "a fé é a divina claridade da certeza".
E, seja pela observação da vida, pelas experiências no trato com o espiritual, que, mesmo no anonimato, de vez em quando dá provas de que não estamos sós, acreditamos na força desse poder superior.
A vida nos apoia e protege.
Sempre age em nosso favor, mesmo quando, em razão das nossas escolhas erradas, colhemos um resultado ruim.
É assim que vamos aprendendo as leis espirituais que regem a vida.
A certeza da fé independe da religião.
É um sentimento vivo da alma que nos une com o poder divino e aviva nossa intuição.
E, quando estamos nesse estado, nossas ideais se abrem, sentimos paz e grande bem-estar.
Nosso mundo está passando por um momento difícil.
Grandes tragédias, mortes, destruições, sofrimentos.
Muitos perderam tudo — família, casa, segurança — e estão desorientados.
Quando o sofrimento é desse nível, torna-se difícil manter a calma.
A solidariedade tenta aliviar um pouco a situação, mas ainda assim a atmosfera terrestre está muito pesada.
As energias de sofrimento dos que morreram, dos que ficaram e da população que assiste a tudo isso espalham-se no mundo astral atingindo a todos.
De repente, sem nenhum motivo, você começa a sentir medo, tem a impressão de morte, como se sua hora estivesse próxima.
Sente um aperto no peito, angústia, depressão.
Conversei com várias pessoas que estão sentindo isso.
Pense que a vida não erra.
Se essas tragédias estão ocorrendo com essas pessoas é para fazê-las evoluir.
Tudo passa, a vida continua e o espírito é eterno.
Meus amigos espirituais pediram a você que os ajude a renovar as energias que nos cercam.
Com a certeza da fé no coração, entregue a situação nas mãos de Deus, que pode tudo, e acredite que todos estão amparados pela bondade divina. Jogue fora a tristeza, cultive a alegria, mentalize a luz do sol brilhando no céu, imagine que a paz está reinando sobre o planeta.
Participe, faça a sua parte.
Contribua para que dias melhores possam vir para todos nós.
Os espíritos amigos agradecem e o abençoam.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Dom Dez 10, 2017 11:36 am

Você é sempre um sucesso

Você é e sempre foi um sucesso!
Não acredita? Posso provar.
Sua vida é obra sua.
Você é responsável por suas experiências.
Mesmo aquelas que parecem não depender de você foram atraídas por sua forma de pensar.
O fracasso não existe.
Seu subconsciente trabalha na materialização de suas crenças.
Ele não tem senso de humor.
Faz sempre o que você crê.
As coisas não vão bem?
Você só colhe infelicidades?
É hora de perceber como você faz isso.
Certamente, não escolheu a atitude adequada para obter bons resultados.
Mudando essa atitude, tudo se modificará.
Você está na Terra para aprender a lidar com as leis que regem a vida, evoluir e ser feliz.
A vida programa nossas experiências conforme nossas necessidades, a fim de conquistarmos a sabedoria.
Na queixa há uma justificativa para continuar a ser como é, mas há também uma auto-imagem negativa.
Você pensa que não pode fazer nada, que é incapaz e não merece.
Conforma-se em ser pobre, ficar em segundo plano.
Pensa primeiro nos outros (é feio pensar em você primeiro...).
Acha que, para ter, outros vão perder.
Esses pensamentos são depressivos e atraem a infelicidade.
Seu subconsciente recebe as mensagem que você lhe envia.
Você tem o poder de criar o próprio destino.
Se deseja viver melhor, reconheça isso e trate de cultivar o oposto.
Comece fazendo uma lista de suas crenças e até das frases que costuma dizer.
Se for sincera e ficar atenta, vai perceber quais as crenças que são responsáveis por sua infelicidade.
Não pense mais nelas. Esqueça-as.
Quanto mais se preocupar em eliminá-las, mais as alimentará.
Em seus relacionamentos, em vez de perguntar:
"Como vai?", que dará chance a que as pessoas se queixem, prefira exclamar:
"Como você está bem!
Que maravilha!".
Quando alguém se queixa e você acha que precisa ser solidária para parecer que é boa e que sofre com a dor alheia, com certeza vai carregar uma boa parte das energias negativas da pessoa.
E, se você for muito sensível, é possível que a queixosa acabe por se sentir melhor e você saia dali derreada.
Nunca lhe aconteceu isso?
Faça afirmações positivas, sempre usando o presente.
Exemplos: "Eu sou feliz", "Tenho muita sorte", "Minha saúde está cada dia melhor" etc.
Escreva-as e espalhe-as em sua casa, nos lugares onde possa vê-las constantemente.
Repita-as várias vezes ao dia.
Não esqueça de pôr emoção nelas e ignore aquela voz que lhe diz:
"Não vai funcionar". Insista.
Lembre-se:
você colhe o resultado de suas escolhas e tem o poder de mudar o que não deu certo.
Para o bem ou para o mal, você sempre foi um sucesso.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Dom Dez 10, 2017 11:36 am

O jovem e a vocação

O jovem que deseja ir para a universidade desde muito cedo é pressionado pelos pais, pela sociedade e até pelos amigos, para escolher uma carreira, definir seu futuro.
Nessa idade, raros são os que têm uma vocação definida e, quando têm, geralmente é diferente da que os pais desejam.
Diante dos mais velhos, que "sabem mais", esses jovens aceitam os conselhos e lutam para conquistar um diploma que, segundo "eles", lhes garantirá boa renda e sucesso.
Com o diploma nas mãos, eles vão para o mercado de trabalho, esperando o prémio de seus esforços.
É hora de sair do sonho e encarar a realidade.
Na universidade, aprenderam uma profissão, mas ninguém lhes ensinou que o sucesso profissional depende de outros factores que vão além do conhecimento teórico.
Escolher uma carreira de acordo com a vocação é condição indispensável para ter sucesso.
Fazer o que gosta traz motivação, melhora a qualidade do serviço executado, traz o prazer da realização.
Trabalhar por obrigação é sacrifício, cansa, frustra, deprime.
Se você acha que trabalhar é penoso, que progredir é difícil, que não vai conseguir sucesso, é hora de analisar a forma como você se vê, como vê a vida e substituir essas crenças que o estão limitando por outras mais positivas.
Pense: por que você precisa continuar preso a uma rotina da qual não gosta?
O que o faz acreditar que não tem como sair dessa situação e ir em busca do que realmente gosta e quer?
Quem está insatisfeito precisa ter a ousadia de abandonar tudo, pagar o preço da mudança e ir em busca da sua satisfação pessoal.
Você é livre para escolher ser o que quiser.
O limite é você quem põe.
Você é o dono de sua vida.
Sinta o que gostaria de realizar e vá em busca de seus sonhos.
Se estiver inseguro, estude a vida de pessoas que conseguiram sucesso em todas as áreas.
Elas escolheram suas prioridades, criaram estratégias, tiveram atitudes que favoreceram um bom desempenho.
Pesquisando, seleccionei algumas variáveis que levam a essa conquista.
São elas:
1) acreditar que pode;
2) conhecer suas qualidades e pontos fracos;
3) respeitar as diferenças;
4) cuidar de si mesmo em primeiro lugar;
5) aprender sempre mais;
6) no trabalho, fazer mais do que lhe é exigido;
7) não dramatizar nem criar excessivas expectativas sobre nada;
8) não cair nas armadilhas da maldade.
Se não puder elogiar, fique calado;
9) cultivar o optimismo e a alegria de viver;
10) ser ético em suas atitudes.
Essas são algumas sugestões que funcionam e podem ajudá-lo tanto na conquista da realização profissional como em seus relacionamentos.
Comece agora. Experimente e verá!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Ave sem Ninho em Dom Dez 10, 2017 11:36 am

O mal é ilusão
A incapacidade de perceber o bem em suas vidas, temer o futuro, acreditando assim evitar o mal, revela por que as pessoas sofrem.
Ao pensar assim, elas estão em sintonia com o mal o tempo todo.
Acreditam que o sofrimento seja inevitável, coleccionam queixas dos acontecimentos desagradáveis que lhes acontecem.
O que podem esperar? O que você planta colhe!
— Eu sou uma pessoa boa — parece-me vê-la responder —, nunca cultivei o mal, só desejo o bem. Mas eu sou realista, não me iludo.
A dor é uma realidade!
Você até pode desejar o bem, mas quando se fixa nas queixas, no lado negativo das coisas, age sob essa ameaça.
Não importa o que você gostaria, mas sim o que você faz!
Suas atitudes determinam sua verdadeira escolha.
Depois de semear, vai ter de colher.
A dor machuca e, quando chega, promove mudanças.
Porém, a dor só aparece quando foram esgotadas todas as outras alternativas.
Há pessoas que estão sempre bem, para as quais tudo é fácil, já notou?
Já se perguntou por quê?
Observe como elas agem: são optimistas, cuidam de si, são independentes, ousadas, fazem seu melhor.
Diante da dor e do sofrimento das pessoas, ajudam quando podem e, quando não têm como, confiam na vida, sabem que ela tem como auxiliar a cada um conforme a necessidade e não se preocupam mais com o assunto.
Muitas pessoas, diante da dor, acreditam que pensar nela é solidariedade.
Que "sofrer junto" significa ter bondade, fraternidade.
Como se adoecer com o doente pudesse curá-lo!
Em vez de sofrer com as tragédias sociais que assolam o mundo, seria bom se perguntar:
— Eu tenho condições de fazer algo para melhorar tudo isso?
Se sentir que tem, faça.
Faça e esqueça. Se não tem, reconheça seus limites e também esqueça.
Não carregue o peso dessa dor nem se impressione com ela.
As coisas não vão melhorar só porque você gostaria que elas fossem diferentes.
Seja modesta, reconheça que não tem condições de modificar as pessoas.
Saia da ilusão de querer "salvar o mundo".
A vida é Deus em acção.
Saia do negativismo e perceba os tesouros que enriquecem sua vida.
O corpo saudável, uma particularidade especial...
Uma casa aconchegante, uma família bonita, um amigo dedicado, um sorriso agradável, a liberdade de escolher, a facilidade para determinadas coisas, uma boa voz para cantar etc.
Viva o seu momento, saia da ilusão, não condicione seu bem-estar:
"Eu só serei feliz quando..." ou "Eu só serei feliz se...".
Com esse comportamento, você desperdiça os melhores momentos de sua vida.
Não faça isso!
Acredite: tudo na vida tem dois lados.
Escolha o melhor e seja feliz!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 80432
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: A Hora é Agora! / Zibia Gasparetto

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum