Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Ir em baixo

Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 8:59 am

Espirito é Gente!
Carlos A. Baccelli

Inácio Ferreira

O Dr. Inácio Ferreira nasceu em Uberaba-MG, em 18 de Julho de 1904, filho do Sr. Jacinto Ferreira de Oliveira e de D. Maria Lucas de Oliveira e casado com D. Aparecida Valicenti Ferreira, vindo ele a desencarnar em 27 de setembro de 1988, na própria cidade natal, aos 84 anos de profícua existência.
Médico formado pela Universidade do Brasil, no Rio de Janeiro, clinicando em Uberaba, tornou-se espírita após observar, com sincera intenção de pesquisa e zelo profissional, os diferentes factos neuro psíquicos relacionados com os enfermos internados no Sanatório Espírita de Uberaba, de que passaria a Director-Clínico por mais de 50 anos, e verificou a eficácia da Terapia Espírita para a cura de distúrbios mentais e/ou obsessivos.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 8:59 am

O MUNDO DOS "SEM"
1 - ENTRE MIM E VOCÊ
2 - VOCÊ ESTÁ COM MEDO?!
3 - QUEDA NO ALÉM
4 - VOLITAÇÂO?!
5 - TELEPATIA
6 - SEXO NOS ESPÍRITOS
7 - EVOLUÇÃO
8 - PROTEÇÃO ESPIRITUAL
9 - MUNDOS PARALELOS
10- O UMBRAL
11 - TEMPO PASSADO, PRESENTE E FUTURO.
12- CARVÃO E DIAMANTE
13- PERCEPÇÕES PSÍQUICAS
14- ESTRUTURA ÍNTIMA
15- MUDANÇA
16- A RESPEITO DISTO
17- ENTRAVES
18- ESPIRITISMO NÁO É RELIGIÃO-RÓTULO.
19- SER ESPÍRITA
20 - VERDADE DURA
21 - SEQUESTRO DO PENSAMENTO
22 - MEIO ADVERSO
23- DEDUÇÕES LÓGICAS - I
24- DEDUÇÕES LÓGICAS - II
25 - DEUS É FIEL A TODOS
26- DEUS É A LEI
27- UMA QUESTÃO DE "O LIVRO DOS ESPÍRITOS"
28- AINDA SOBRE "NOSSO LAR"
29- CREDORES IMPLACÁVEIS
30- ESPÍRITAS PIGMEUS
31 - SE VOCÊ É MÉDIUM
32 - CUIDADO COM UM DOS DOZE
33 - FRONTEIRAS NO ALÉM
34- QUE MUNDO ESPIRITUAL É ESSE?!
35- PROFISSÕES DOS ESPÍRITOS
36- VOLITAÇÁO
37- ABRINDO A CABEÇA
38- NO QUE TANGE A JESUS
39- ACENDER E ASCENDER
40- DISCIPLINA
41 - LISTA DE PERGUNTAS - I
42- LISTA DE PERGUNTAS - II
43- ESTRADA DE DAMASCO
44- SUCATA
45 - FLORA E FAUNA NO ALÉM
46- BICHOS-DE-GOIABA
47- SE VOCÊ, DE REPENTE
48- MODISMOS
49 - CHICO XAVIER - I
50 - CHICO XAVIER - II
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:00 am

51 - CHICO XAVIER - III
52- NA ENCRUZILHADA
53- ESPÍRITAS SEM IDEAL
54- ESPIRITISMO E DINHEIRO
55- NECESSÁRIO E SUPÉRFLUO
56- CONTROLE UNIVERSAL DO ENSINO DOS ESPÍRITOS?!
57- "DOUTOR, MANEIRE AÍ!"
58- RECEITA NA ENXURRADA
59- LISTA DE ACUSAÇÕES DE QUE ME ORGULHO
60- COMPETIÇÃO ENTRE OS MÉDIUNS
61- NO MÍNIMO, É PREOCUPANTE
62- FILHO DESOBEDIENTE
63- MEU DIA A DIA NO ALÉM
64- PERSONALIDADE VERSUS INDIVIDUALIDADE
65- SIMPLES ASSIM
66- NUNCA SE DÊ POR VENCIDO
67- O LAGO E AS ONDAS
68- CONCORDA?!
69- CIRURGIA NO PERISPÍRITO
70- TRANSFUSÃO DE SANGUE
71 - CESARIANA NO ALÉM
72- CIRURGIA CARDÍACA NO PERISPÍRITO...
73- FISIOTERAPIA NO CORPO ESPIRITUAL...
74- PSICOGRAFANDO A SI MESMO
75- OVNIS
76- PLATÃO E KARDEC
77- TEMAS POLÊMICOS
78- SE NÃO TIVER MÉRITO
79- FATALIDADE
80- CARMA NO MUNDO ESPIRITUAL
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:00 am

MUNDO DOS "SEM"
Analisando a concepção que, infelizmente, muitos confrades espíritas continuam tendo sobre a Vida além da morte, não posso deixar de chegar à conclusão de que o Mundo Espiritual é o mundo dos "sem":
Dos sem-corpo e sem-tecto...
Dos sem-fome e sem-sede...
Dos sem-roupa e sem-sexo...
Dos sem-necessidades fisiológicas...
Dos sem-trabalho e sem-escola...
Enfim, dos sem-compromisso algum!...
Sim, porque, segundo a equivocada ideia de certos adeptos da Doutrina, deste Outro Lado, o homem que desencarna não mais precisa de casa, não mais sente fome e sede, não mais carece de vestuário para ocultar-lhe as partes pudendas, que ele, igualmente, não tem mais, não necessitando ainda de trabalhar e estudar...
Realmente, um Mundo vazio de iniciativa e, portanto, inexistente.
Um Mundo completamente avesso ao orbe terrestre e que, assim sendo, não poderia, em nenhum aspecto, servir de matriz para ele - quer do ponto de vista cultural, quer do ponto de vista social!
Enquanto a Terra seria o mundo dos "com", o Mundo Espiritual seria o mundo dos "sem"...
Dos sem-sonhos e sem-aspirações...
Dos sem-tristeza e sem-alegria...
Dos sem-vontade e sem-desejo...
Dos que apenas viveriam na expectativa de, um dia, voltarem ao Mundo dos "com"!...
Que Mundo Espiritual mais sem graça e... sem lógica esse!
Ele, então, de facto, não mais seria humano, mas, sim, super-humano!
Mas como?!
Acaso, a desencarnação, por si só, seria capaz de promover criaturas falíveis a seres angelicais?!
Claro que o Mundo Espiritual Superior deve ser mesmo o mundo dos "sem":
Dos sem-preconceitos...
Dos sem-fanatismo...
Dos sem-ignorância...
Todavia o Mundo Espiritual imediato, em suas muitas esferas, ainda é o mundo dos "com":
Dos comprometimentos cármicos...
Dos comparsas no crime...
Dos compadrios desonestos...
Dos cometimentos injustos...
Dos comércios clandestinos...
Sem que o espírita modifique sua visão do Mundo Espiritual, por mais se esforce, ele não conseguirá, a partir da própria Terra, apreender a abrangência da Vida.
Por este motivo, temos repetido à saciedade:
Espírito é gente!
Mundo Espiritual é planeta!
O corpo carnal também é "perispírito"!
O perispírito, igualmente, é "corpo carnal"!
Ouça quem tenha ouvidos de ouvir...
Mas, sobretudo, quem não tenha medo da Verdade!...

Inácio Ferreira
Uberaba - MG, 25 de agosto de 2014.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:00 am

1 ENTRE MIM E VOCÊ
Meu irmão, ou minha irmã, este livro está sendo escrito para uma conversa honesta entre mim e você.
Entre somente nós dois e mais ninguém.
Coração e coração.
Sem rodeios e firulas.
Uma conversa sobre a Vida, que é eterna.
Diálogo à luz do Espiritismo aplicado ao cotidiano.
Do Espiritismo que, em essência, é Jesus Cristo.
Por instantes, deixemos de falar em Reencarnação e Mediunidade.
Muita gente se preocupa com o Mundo Espiritual e se esquece de sua vida na Terra.
Ignora que a Terra também é Mundo Espiritual e, consequentemente, que o Mundo Espiritual também é Terra.
A rigor, entre mim, que estou desencarnado, e você, que se encontra presentemente encarnado, não há diferença alguma.
Estamos eu e você, dentro da Vida.
Mero detalhe:
o corpo que nos reveste torna-nos invisível um ao outro.
Apenas isto e mais nada.
Contudo, pelo pensamento, estamos juntos, empreendendo, nos Dois Lados da Vida, as mesmas lutas.

Não pense, pois, em morrer, para deixar de lutar - isso não existe.
O espírito é uma semente destinada a germinar, florescer e frutificar.
Você já germinou ou ainda está debaixo da terra, com medo do Sol?!

2 VOCÊ ESTÁ COM MEDO?!
Se algo existe que, tanto em mim quanto em você, não adianta ter é medo.
Medo de quê?! E de quem?! Ora, somos filhos de Deus - a Coragem Infinita.
Creio que o único medo que, em nós, se justifica, é o de falharmos espiritualmente.
Contrariar a Lei Divina é problema muito sério.
Devemos, sim, ter medo de errar gravemente - fazendo o mal a alguém.
Este é um problemão sem tamanho.
Medo de caminhar e cair não vale a pena ter, porque toda pessoa caminha e cai.
Só não cai quem não caminha, mas este também não sai do lugar.
Você vai cair - muitas vezes -, como muitas vezes já caiu.
Eu já caí e caio ainda, mas, em seguida, levanto-me e sigo adiante. Sou teimoso!
Muita gente encarnada acha que espírito não cai - isto não é verdade, porque, afinal, espírito é uma pessoa comum.
Seja no corpo ou fora dele, espírito só deixa de ser pessoa comum quando se ilumina interiormente.
Todos nós, os considerados mortos, que mortos não estamos, continuamos a caminhar.
O Céu não se situa nas adjacências da Terra.
Não espere, pois, vir ao Mais Além para cruzar os braços e... descansar.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:00 am

3 QUEDA NO ALÉM
Mesmo no Plano Espiritual, o espírito está sujeito a quedas, a erros, enganos, frustrações.
A desencarnação não dota o espírito de conhecimentos e virtudes que ele ainda não tenha adquirido.
Depois da morte, para aqueles que não lograram a transcendência, a Vida prossegue com toda a sua humanidade.
Existem, por exemplo, aversões e antipatias que surgem aqui, na convivência comum, e continuam na Terra.
Igualmente, amizades que, entre as pessoas, se mostram sólidas, têm a sua origem no relacionamento que, antes de sua encarnação, os espíritos cultivam entre si.
Na condição de desencarnados, temos, todos os dias, oportunidade de fazer novos amigos.
Diferenças de opiniões a respeito de determinados assuntos são tão comuns no Mundo Espiritual quanto na Terra.
Muitos questionamentos humanos em torno da Vida além da morte do corpo carnal prosseguem, sendo para nós outros grandes pontos de interrogação.
Quase nada ainda sabemos de nós mesmos.
O conhecimento do corpo espiritual, ou perispírito, em sua estrutura e funcionamento, ainda não é de completo domínio de nossa Ciência.
Por aqui, devido às imperfeições morais que nos limitam, continuamos a lidar com a desonestidade e a falta de carácter; então, para coibi-los, não dispensamos a existência de tribunais.
Não nos esqueçamos de que a vida na Terra é efeito e não causa.

4 V0LITAÇÃ0?!
Não espere deixar o corpo e, à semelhança de pássaro que escapa da gaiola, adejar no espaço.
A faculdade de volitar é de poucos - pouquíssimos - espíritos.
A maioria, ao desencarnar, sai do corpo como alguém que se levanta da cama e se põe em movimento com os próprios pés.
Muitos, não poucos, deixam o corpo quase que de rastros.
A volitação é possibilidade que diz respeito à leveza alcançada pelo corpo espiritual e à condição mental do espírito no ato de impulsionar-se.
Espíritos que, por assim dizer, podem volitar na Terra não volitam no Mundo Espiritual.
O homem que flutua no Espaço, onde a situação gravitacional é outra, não consegue, por si mesmo, elevar-se um centímetro do solo que pisa.
Para que, neste Outro Lado, possamos locomover-nos com rapidez, não dispensamos avançados meios de transporte.
Óbvio que, nos momentos de repouso, logramos, em geral, desprender-nos do corpo com maior facilidade que as pessoas encarnadas.
Não obstante, proporcionalmente, alguns espíritos que se encontram no corpo físico possuem maior liberdade de movimentação do que muitos que se acham desencarnados.
O espírito de pouca evolução quase não consegue distanciar-se de seu envoltório externo: esteja ele em repouso ou não, o tempo todo como que lhe permanece justaposto.
Quanto menos evoluído o espírito, mais o corpo se lhe constitui em prisão.
Asas não nascem - asas crescem.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:01 am

5 TELEPATIA
Comunicar-se telepaticamente, sem o concurso da palavra articulada, é apanágio de poucos desencarnados.
Nos Planos Espirituais afeitos a cada nação terrestre, fala-se o idioma que lhes é próprio.
Sim, o corpo perispiritual, como não poderia deixar de ser, igualmente possui órgão fonador!
Os espíritos, nas proximidades do orbe terrestre, falam com a boca e escutam com os ouvidos - como também respiram com as narinas.
O espírito, em sua essência, é "uma flama, um clarão ou uma centelha etérea", mas, "quando ele se reveste de um corpo material, elas (suas percepções) não se manifestam senão pelos meios orgânicos".
E, por falarmos em organismo, o perispírito é um organismo - sim, ele possui órgãos, inclusive os reprodutores.
Ora, não é o corpo espiritual a matriz do corpo carnal?! Órgão que falta no corpo físico é órgão que se encontra suprimido no perispírito.
Disse-nos Jesus: "... o que ligares na Terra terá sido ligado nos Céus; e o que desligares na Terra, terá sido desligado nos Céus".
No que tange à evolução de sua faculdade telepática, o espírito se encontra, na actualidade, no ponto em que se encontrava quando começou a emitir os primeiros sons que lhe deram origem à palavra.
Nesse sentido, a oração e a reflexão se constituem no melhor exercício para que a telepatia se desenvolva.
A rigor, mediunidade é exercício de telepatia, no qual o maior problema não está na emissão, mas na recepção do pensamento.
No Mais Além, as escolas que ensinam línguas ainda são uma necessidade.

6 SEXO NOS ESPÍRITOS
Muitas pessoas perguntam: os espíritos se relacionam sexualmente?
Sim, se relacionam - aliás, são os espíritos que, sexualmente, se relacionam e não os corpos.
O corpo físico é instrumento passivo.
O perispírito, portanto, não é corpo desprovido de genitália.
Contudo, à medida que o espírito evolui, os órgãos através dos quais ele se expressa afectivamente vão suprimindo-se e perdem a sua função.
Do "crescei e multiplicai-vos", a maioria, esquecida do "crescei", se preocupa apenas com o "multiplicai-vos".
"Crescei" em afecto e "multiplicai- vos" em amor - eis o que, igualmente, o texto bíblico nos sugere.
No Mundo Espiritual, existe namoro, casamento, união e... desunião.
Sim, aqui ainda existe mera atracção física.
Infelizmente, continuamos distantes da união ideal entre as almas.
Onde houver fecundação, haverá procriação de corpos.
Espírito, evidentemente, não se reproduz, mas perispírito, sim.
Nos mais diferentes mundos, físicos e extra-físicos, nascem crianças, porém, nem sempre, em alguns desses mundos, o estado de infância se revela tão medíocre quanto na Terra.
Nos corpos espirituais mais aperfeiçoados, os órgãos da sexualidade se revelam quase imperceptíveis.
Acaso, as flores não se fecundam pela polinização?!
Tanto no amor quanto no sexo, os seres humanos não devem tomar a si mesmos como medida para as manifestações de sexo e de amor no Universo.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:01 am

7 EVOLUÇÃO
Em qualquer Plano da Vida no qual esteja situado, o espírito pode fazer sua evolução.
Portanto, não é somente reencarnando na Terra que ele evolui.
O chamado "Plano Espiritual", na verdade, é um planeta - por assim dizer, é uma Terra de mais amplas dimensões, extremamente povoada.
Porém, sem estagiar nas classes primárias do Grande Educandário da Vida, o espírito não se promove a cursos de nível superior.
Conhecer é fundamental, mas amar é indispensável.
Disse-nos o Cristo:
"... buscai, pois, em primeiro lugar, o seu reino (de Deus) e a sua justiça, e todas estas cousas vos serão acrescentadas".
Não acreditemos, no entanto, que alguma cousa nos possa ser acrescentado sem que estejamos preparados para ela.
O Divino Mestre ainda nos esclarece:
"... a todo o que tem se lhe dará, e terá em abundância"...
Neste Outro Lado, nada logramos sem justo esforço, pois, seja para quem for, o que prevalece é a Lei do Mérito.
Talvez você esteja perguntando pela Graça que o Pai pode efectuar em concessão a seus filhos e, de fato, quando isso ocorre, a fim de que sem ela não fiquem, o Pai espera que os filhos venham merecê-la.
Na Parábola dos Talentos, a valiosa moeda que o homem, receando perdê-la, enterrou, simplesmente lhe foi retirada.
Assim, para o espírito, seja no corpo ou fora dele, um minuto de ociosidade pode representar um prejuízo muito grande.
Diante das sábias Leis da Evolução, ninguém trabalha senão com o propósito de trabalhar sempre mais.

8 PROTEÇÃO ESPIRITUAL
Os desencarnados não acompanham o homem na Terra como alguém que não tivesse outra ocupação que não fosse esta.
Os pais que estão sempre prontos a proteger os filhos nem sempre podem estar por perto - nem por isso, no entanto, deixam de estar atentos às suas necessidades.
É justo que todos os que protegem esperem que os seus protegidos se protejam por sua vez.
"Ajuda-te, e o céu te ajudará."
Que você não deixe por conta dos Amigos Espirituais o que lhe compete fazer em seu próprio benefício.
Zele pela sua integridade física e psíquica.
Sobretudo, em relação aos semelhantes, aprenda a exercer sobre a Terra as funções de um Espírito Protector.
E por suas mãos que Deus faz chegar o pão ao faminto e o remédio ao doente.
Raros são os espíritos que têm condições de circular pela Terra em estado de prontidão, para anteciparem-se ao mal que, por invigilância do próprio homem, possa alcançá-lo.
A protecção que os desencarnados podem dispensar aos encarnados não é física, mas, sim, de ordem espiritual, através dos canais intuitivos, para que os encarnados ajam com maior vigilância.
Claro que, de quando em quando, o Céu se mobiliza, desce à Terra e intervém directamente, mas trata-se de excepção à regra.
Faça da prática do Bem o seu ponto de referência para que, quando necessário, os Espíritos Protectores saibam onde, como e quando encontrar você com facilidade.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:01 am

9 MUNDOS PARALELOS
Os diferentes Planos ou Mundos Espirituais são paralelos entre si e se continuam uns aos outros.
Um Plano procede de outro, sendo que, consequentemente, a Humanidade que o habita é sua descendente ou ascendente.
O denominado "Umbral" começa sobre a própria Terra, a partir do aparente vazio que rodeia os seres humanos - vazio aparente, porque o vácuo absoluto não existe no Universo.
A Humanidade encarnada e a desencarnada influenciam-se reciprocamente.
Assim, os encarnados, principalmente através do pensamento, podem influenciar os espíritos que, não raro, os observam em suas atitudes; evidentemente, muitos dos que se encontram encarnados são muito mais evoluídos do que aqueles que se encontram desencarnados.
Os espíritos excessivamente apegados à matéria, quando desencarnam, continuam tendo na Terra o seu ponto de fixação mental, com os sentidos obliterados para a Vida Espiritual.
André Luiz, na excelente obra "Nosso Lar", afirma que demorou a reconhecer-se no Mundo Espiritual, porque "não adestrara órgãos para a vida nova".
E que, no fenómeno da desencarnação, muitos deixam o corpo físico, mas, infelizmente, não conseguem desencarnar o pensamento.
Raros, pois, são os espíritos que, em desencarnando, conseguem transcender o Mundo imediato que os rodeia.
A Terra é uma espécie de escrita em papel-carbono do Mundo Espiritual que a circunda - a Terra, por assim dizer, o copia ipsis litteris.
Somente os encarnados, no entanto, pelo seu perispírito, possuem dupla cidadania.

10 O UMBRAL
Muitos confundem a Dimensão do Umbral com a Dimensão das Trevas - o Umbral é Dimensão supracrostal, ao passo que a Dimensão das Trevas é subcrostal.
As Sete Dimensões referentes ao orbe terrestre podem ser consideradas Sete Terras, sendo que, por assim dizer, uma existe dentro de outra.
A Dimensão Umbralina, portanto, é o habitat natural de quase todos os espíritos que deixam o corpo pela desencarnação.
A cidade de "Nosso Lar" situa-se na Dimensão Superior do Umbral, fazendo fronteira com uma 4a Esfera.
A palavra "umbral" significa "portal", "limiar", etc.
Assim, em todas as Dimensões existem "umbrais" de acesso umas às outras.
O Umbral subdivide-se em Umbral inferior, médio e superior - tal divisão, grosso modo, lembra-nos da divisão em que, do ponto de vista sociocultural, a Terra se subdivide: 1º, 2º e 3º Mundos.
Copiando a matéria que existe em diferentes estados, toda Dimensão Espiritual possui Subdimensões mais ou menos delineadas entre si.
O que determina o lugar do espírito depois da morte é o peso específico de seu perispírito, ou corpo espiritual, porque a Lei da Gravidade, que funciona para os encarnados também funciona para os desencarnados.
O peso específico do perispírito está directamente relacionado à leveza alcançada pelo espírito, em sua evolução.
Contudo, realmente, poucos são os espíritos que, ao deixarem o corpo, logram transcender as Dimensões Espirituais mais próximas, destinando-se a domicílios superiores.
No Umbral, em relação à Terra, vive-se no tempo futuro.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jun 21, 2018 9:01 am

11 PRESENTE E FUTURO
Tomando-se a Terra como tempo presente, pode-se considerar a vida na Dimensão das Trevas como tempo passado e a vida na Dimensão do Umbral como tempo futuro.
André Luiz, em suas obras, nos auxiliou nesta viagem além do tempo presente.
No livro "Libertação", ele nos leva a efectuar uma viagem ao passado e,
na obra "Nosso Lar", ele nos conduz ao futuro.
Os espíritos que habitam a Dimensão das Trevas, em relação aos que habitam a Terra, estão no passado; já os que povoam a Dimensão do Umbral estão no futuro.
Desencarnar, pois, é viajar ao futuro - desde, evidentemente, que o espírito liberto do corpo físico não se precipite nas trevas.
Reencarnar, ou seja, descer do Umbral para a Terra é viajar ao passado.
Jesus Cristo, ao vir à Terra, viajou do super futuro ao passado.
Alguns espíritos que se corporificam na Terra procedem de um futuro remoto, e outros de um futuro próximo.
A medida que o espírito, mentalmente, se projecta ao futuro, para ele, o passado e o presente da Humanidade não têm segredos - porque ele antevê o que rá acontecer.
O profeta não é adivinho - é um vidente.
Através do fenómeno denominado déjà-vu, ou do já visto, por vezes, o homem consegue deslocar-se do presente ao futuro e a ele antecipar-se.
Com base nessa possibilidade é que, não raro, os espíritos conseguem fazer-se presentes junto aos encarnados, com o fito de socorrê-los na travessia da provação que esses espíritos parecem ter previsto.

12 CARVÃO E DIAMANTE
Todos os espíritos que ainda não alcançaram a perfeição vivem em estado de erraticidade.
Todos os espíritos que ainda se encontram a caminho da Grande Luz podem, pois, ser considerados na condição de errantes.
O espírito encarnado na Terra é um espírito errante - o espírito desencarnado, que não logrou estado espiritual que lhe seja definitivo, igualmente é errante.
Não há quem possa precisar onde se localiza o tecto do Universo.
O Mundo Espiritual das pessoas encarnadas não é o Mundo Espiritual dos espíritos, ou das pessoas desencarnadas.
Espírito na erraticidade não quer dizer espírito errado mas, sim, com maior propriedade, espírito errante, ou seja: vagante, caminhante, peregrino.
Quando o espírito não tem mais carma a ser resgatado, não significa que ele não mais tenha valores a serem amealhados.
A expansão do espírito, em termos evolutivos, pode ser comparada à expansão do Universo, que, desde o Big Bang, não parou de expandir-se.
0 espírito migra de mundo a mundo e de corpo a corpo, à procura da própria essência, que é completamente despojada de invólucros e localizações geográficas.
Ao atingir o Centro da Luz, o espírito não mais habitará mundos específicos; por assim dizer, entrará ele na posse relativa de um dos atributos absolutos do Criador: a omnipresença!
Tudo que limita e rotula o espírito é sinal de imperfeição.
O espírito encarna como carvão e deve renascer como diamante.
Para tanto, além do concurso do tempo na química da transformação, ele não dispensa a acção do cinzel que o lapida.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:47 am

13 PERCEPÇÕES PSÍQUICAS
Não existem sentidos físicos; existem percepções psíquicas.
Os sentidos considerados físicos, que permitem ao ser humano registar o que ocorre à sua volta, são percepções inerentes ao espírito e não ao corpo.
O corpo é efeito e não causa.
As percepções ditas mediúnicas são as percepções do espírito, que se dilatam, abarcando para além do que seja material.
Esta ou aquela faculdade mediúnica em si é resultado de um processo de maturação psíquica que, necessariamente, nada tem a ver com o desenvolvimento do senso moral.
Contudo, a maturação psíquica acrescida do desenvolvimento do senso moral possibilita ao espírito percepções de ordem sublimada, porque, em mediunidade, a questão da sintonia é fundamental.
O médium clarividente que, por exemplo, enxerga, detalhadamente, o Mundo Espiritual inferior pode não conseguir enxergar, com toda a riqueza de detalhes, o Mundo Espiritual superior.
Há eficiente instrumento para as trevas que é deficiente instrumento para. a luz.
O médium possui todas as faculdades em potencial - no entanto, no actual estágio evolutivo em que as pessoas na Terra se encontram, tais faculdades se apresentam rotuladas de maneira diversificada.
Chico Xavier não era médium psicógrafo somente, nem médium clarividente apenas, e assim por diante - Chico Xavier era médium!
0 médium disto ou daquilo é médium rotulado.
Quem cresce em espírito, promove o desabrochar de suas percepções psíquicas como um todo.

14 ESTRUTURA ÍNTIMA
Espiritualmente, o ser humano vive em sintonia com os pensamentos que se afinam com os seus.
O que pensamos é o que nos revela em nossa estrutura mais íntima.
Somos o que pensamos.
Portanto, se você deseja conhecer-se em profundidade, analise o teor de seus pensamentos, principalmente aqueles que, de hábito, você não exterioriza no diálogo com ninguém.
Saber quem você foi, em suas vidas anteriores, não é mais importante que saber quem você é agora.
Vida passada é apenas personalidade - o que importa é a individualidade.
As companhias que prefere, não raro, são as companhias que você sempre preferiu.
0 espírito, psiquicamente, jaz imantado ao grupo evolutivo a que se vincula -e isto, por simpatias ou antipatias.
0 acaso é o outro nome da palavra carma.
Para quem não muda a maneira de pensar, a reencarnação não é mais que simples mudança de corpo, e quem muda apenas de casa, não muda de cara.
A estrutura do pensamento, sem dúvida, é mais complexa que a estrutura de um átomo ou de uma célula.
O Evangelho de Jesus é novo código genético para o pensamento da Humanidade.
A pessoa faz o que pensa, mas, muitas vezes, o que ela faz a auxilia a modificar seu modo de pensar.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:47 am

15 MUDANÇA
Sem agir positivamente e continuar, incansavelmente, agindo, a pessoa não promove em si as mudanças necessárias.
Toda mudança acontece de dentro para fora, mas o estímulo para mudar vem de fora para dentro.
Por esse motivo, quem compreende que necessita mudar, mais que movimentar pensamentos e emoções, carece de movimentar as mãos.
O espírito vive tão jungido ao corpo carnal, que disciplina para o segundo significa disciplina para o primeiro.
Aliás, o objectivo da encarnação é fazer com que o espírito sobrepuje sua necessidade de continuar encarnando.
Em "O Evangelho Segundo o Espiritismo", no capítulo XI, o espírito Lázaro grafou com profunda sabedoria:
"O sangue resgatou o espírito, e o espírito tem hoje que resgatar da matéria o homem".
Entendeu?!
"O sangue resgatou o espírito" quer dizer que o princípio inteligente se transfigurou em espírito, nas experiências da vida material.
"... e o espírito tem hoje que resgatar da matéria o homem", quer dizer:
o espírito, transfigurado em homem, no sentido lato da expressão, há de resgatar-se da matéria.
Evidentemente, a interpretação do texto acima comporta outras leituras, porém com a mesma tradução espiritual.
A acção que leva o ser humano a sair do estreito círculo de seus interesses imediatos é que faz com que ele rompa com a sua mesmice intelectual e moral de séculos e milénios.
Daí a pergunta do Cristo a soar-nos na acústica da alma:
"Que Jazeis de especial?"

16 A RESPEITO DISSO
Você não deve permanecer na expectativa de que o Mundo Espiritual solucione seus problemas.
A respeito disso, não se engane por mais tempo nem se permita enganar.
No máximo, diante de um impasse, o Mundo Espiritual poderá apontar-lhe um caminho, que, não obstante, você deverá tomar a iniciativa de trilhar com os próprios pés.
O Mundo Espiritual, por exemplo, a fim de que determinado conflito se extinga, sugere-lhe o perdão, mas perdoar é apenas com você.
Na vida daqueles que não descruzam os braços e não saem do lugar nada acontece.
Na gleba de terra que não é cultivada só nasce tiririca.
Lamento informar, mas se você não tem pressa em evoluir, Deus tem menos ainda e, sendo assim, Ele esperará que você, depois de esgotar toda a sua cota de lágrimas, tome a decisão de transpirar o que ainda não transpirou.
Assuma, pois, agora, definitivamente, o controle do próprio destino.
Empenhe-se na luta de seu crescimento espiritual, sabendo que, dentro dela, embora entre pessoas que observam, sempre você estará sozinho.
Transforme o desincentivo ao seu esforço em incentivo para trabalhar mais, não esperando agradar a quem seja.
Na verdade, na subida ao Calvário, a trave da cruz do Cristo era e continua sendo a Humanidade, e a sua, com certeza, é constituída pelo pequeno grupo que, na escalada do monte redentor, você deverá arrastar consigo.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:48 am

17 ENTRAVES
Muitos dos entraves com os quais você se defronta, fazendo com que se atrase na caminhada, surgem por sua própria incúria.
São as provações voluntárias.
Os problemas que você criou sem necessidade alguma.
Espíritos existem que, por séculos, se prendem à Terra por conta de detalhes no relacionamento de uns com os outros.
Uma decisão impensada pode custar-lhe muito esforço para reverter o processo desencadeado em prejuízo dos semelhantes.
Faça de tudo para não ser motivo de sofrimento e amargura para ninguém.
Não escravize corações ao seu.
Não alimente dependências psicológicas que muito haverão de custar-lhe, amanhã.
Alforrie todos aqueles que, porventura, tenham prejudicado ou ofendido você.
No madeiro, o Cristo pediu ao Pai que perdoasse aos homens, porque, não se deixando ofender, Ele mesmo considerava que nada tinha a perdoar, fosse a quem fosse.
Para avançar ao futuro, o espírito não pode viver preso ao passado.
Liberte-se!
Jamais vincule o seu destino ao destino daqueles que lhe possam reclamar a presença e lhe efectuar cobranças à consciência.
Para auxiliar, ninguém carece de envolver-se com quem esteja sendo auxiliado.
O lírio que cresce na lama nem por isto se deixa conspurcar por ela...

18 ESPIRITISMO NÃO É RELIGIÀ0--RÓTULO
O Espiritismo não é doutrina sectária e nem religião-rótulo como as demais existentes no mundo.
Conforme Jesus anunciou à mulher samaritana, dizendo que dia chegaria em que Deus não mais seria adorado nos templos nem nos montes, apenas e tão somente expôs a exacta maneira de amar-se a Deus em espírito e verdade.
Portanto, ao interessar-se exclusivamente pelo estudo das Leis Divinas, o Espiritismo, sob pena de descaracterizar-se, não deve organizar-se à maneira das religiões tradicionais.
Trata-se de um Sistema de Ideias completamente livre de dogmas, símbolos, rituais, preconceitos e hierarquias.
Infelizmente, muitos de seus adeptos, não compreendendo o que ele significa e deve significar, vêm tentando, sob a inspiração das Trevas, desviá-lo de sua tarefa de libertar consciências.
Estão, pela ânsia de poder espiritual, repetindo os mesmos erros que cometeram, outrora, em relação ao Cristianismo.
0 espírita verdadeiro é alguém que, gradativamente, vai tomando consciência de que é responsável pelo seu destino e, por isso, se empenha em seu crescimento íntimo.
O Centro Espírita não é igreja, mas simplesmente um local que, podendo ser em qualquer parte da Terra, possibilita a reunião de pessoas que se interessam pela vivência do Evangelho do Cristo.
Allan Kardec escreveu que o Espiritismo surgia como o mais poderoso auxiliar das religiões, no combate ao Materialismo - o inimigo comum de todas elas.
Assim, os Princípios que o Espiritismo defende e restaura, permanecendo na origem de, praticamente, todas as doutrinas religiosas existentes, dentro em breve, farão aparecer - e eles aí já estão - uma nova classe de seguidores:
católicos-espiritas, judeus-espíritas, protestantes-espiritas, muçulmanos-espiritas, budistas-espiritas, umbandistas-espíritas, etc.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:48 am

19 SER ESPÍRITA
Ser espírita é ser cristão.
A figura exponencial no Espiritismo não é Allan Kardec, o seu Codificador, mas, sim, Jesus Cristo, a Luz do Mundo.
Sem Jesus, não se tem Espiritismo, porque, consequentemente, não se tem Cristianismo.
Se o Espiritismo não lograr reviver o Cristianismo em sua pureza original, ele desaparecerá, porque, então, se confundirá com inúmeras doutrinas esotéricas que defendem os mesmos princípios doutrinários que ele defende.
Portanto, no Espiritismo, o que faz toda a diferença é Jesus.
Ser espírita é cultivar a espiritualidade própria, compreendendo a inadiável necessidade de auto-iluminação.
Ninguém deve dirigir-se a um Centro Espírita apenas para orar e receber o benefício do passe, mas, sobretudo, para pensar, porque Espiritismo é Fé Raciocinada.
No Movimento Espírita não existe liderança encarnada.
Os que se arvoram em líderes da Doutrina ou em "chefes" dos Centros Espíritas ainda não entenderam a sua essência e não atinaram com os seus elevados propósitos.
O Espiritismo é uma doutrina que nasceu livre e, para continuar sendo Espiritismo, necessita de continuar completamente livre.
Isso, porém, não significa que, espiritualmente, ele seja acéfalo, porque a sua Cabeça Pensante é o próprio Senhor.
0 espírita que mais conhece a Doutrina não é aquele que memoriza o conteúdo de "O Livro dos Espíritos", mas, sim, aquele que, na vida cotidiana, aplica as lições de "O Evangelho Segundo o Espiritismo".

20 VERDADE DURA
Não existe verdadeiro espírita sem compromisso com a consciência.
Se você se diz espírita deixe de apassivar-se diante da Vida, como quem somente lhe aufere os benefícios, sempre na expectativa de que eles continuem sendo-lhe concedidos de maneira graciosa.
Não pergunte o que o Mundo Espiritual pode fazer por você, mas, sim, o que você pode fazer para que o Mundo Espiritual se faça sentir cada vez mais presente na Terra.
Deixe essa sua dependência emocional dos espíritos que se comunicam aqui e alhures e assuma a sua condição de espírito, que, estando no corpo, é chamado a ser um agente imediato dos comunicados de além-túmulo.
Entre você e os espíritos que o rodeiam, a única diferença está no envoltório que os reveste.
Sinta o Mundo Espiritual à sua volta, e, como quem sabe que não vai morrer, expresse isso através de suas atitudes.
Médium não é somente quem cai em transe profundo, mas também e com maior espontaneidade, quem, estando em transe superficial, compreende em profundidade qual seja o seu dever na construção do Mundo Melhor.
Verdade dura de ouvir, mas que, infelizmente, deve ser dita:
muitos são os que se dirigem aos templos religiosos como os bovinos que se dirigem ao cocho para receberem alimento e, logo em seguida, apenas com o intuito de reproduzirem-se, voltar ao pasto.
Ao longo de séculos, o homem, em geral, tem sido assim, e muitos dos que, sistematicamente, frequentam os Centros Espíritas não são muito diferentes dos adeptos de tantas crenças religiosas.
Eles não crêem na Vida Futura, porque, se verdadeiramente cressem, haveriam de fazer como o homem da Parábola da Pérola Preciosa, que, tendo-a encontrado, vendeu tudo quanto possuía para comprá-la.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:48 am

21 SEQUESTRO DO PENSAMENTO
Você sabia que o pensamento pode ser sequestrado?
De repente, sem que perceba, o pensamento foge, como se você se ausentasse de sua mente.
Durante minutos, talvez horas, quiçá dias, você se entrega a devaneios de ordem patológica.
Planeia crimes.
Arquitecta agressões.
Pratica actos libidinosos.
Efectua julgamentos implacáveis.
E quando, por fim, retoma a lucidez, você se horroriza com o que foi capaz de pensar, dando graças a Deus por não ter tido oportunidade ou coragem de colocar em prática tudo quanto mentalmente idealizou.
Por vezes, e com razão, tem a impressão de seu pensamento ser uma entidade que, não sendo você, vive em você - algo ou alguém a vampirizar você, sugando suas melhores energias.
Não se permita habituar a tais incursões que, não raro, lhe são sugeridas pelas trevas existentes em você ou pelas que orbitam ao redor de sua cabeça.
Mantenha activa sua lucidez!
O pensamento é feito o curso das águas de caudaloso rio que, quando transborda de seu leito, provoca descalabros e prejuízos incalculáveis.
Você, a esta altura, com certeza, estará perguntando:
Que fazer para sua vigilância, impedindo seu sequestro?
Leia um livro edificante, escute uma boa música, entabule proveitosa conversação, ore sempre e, caso notar que, feito criança peralta a fim de aprontar alguma, o seu pensamento começa a escapar de sua vigilância, puxe-o pelas orelhas e faça-o saber que quem manda em você é você!

22 MEIO ADVERSO
Talvez, ou melhor, com certeza, o meio em que você esteja vivendo espiritualmente lhe seja adverso.
Quase tudo conspira contra o seu desejo de renovar-se interiormente.
Críticas de familiares ao seu devotamente à fé.
Amigos a rotularem você entre fanáticos.
Insistentes convites à curtição dos prazeres da vida.
Crescentes requisições de ordem material.
Exigências profissionais.
Até os ponteiros do relógio parecem fazer parte dessa estranha conspiração para que você nunca encontre tempo para cuidar das coisas do espírito.
Conscientize-se, no entanto, de que, quando Jesus se referiu à porta estreita, Ele estava querendo dizer que a passagem por ela é feita individualmente.
Ela é tão estreita, que ninguém, se não estiver absolutamente sozinho, será capaz de transpô-la - abraçado a quem quer que seja; excepto ao Cristo - você não logrará atravessá-la.
Por esse motivo, em seus anseios de ordem espiritual, você sempre há de sentir extrema solidão e, se não fizer esforço muito grande para sair da mesmice, você continuará, indefinidamente, engrossando a fileira dos comodistas.
Para cada voz que incentivar você a levantar-se e seguir, mil vozes haverão de gritar para que continue em plácido repouso...
Por sobre a Terra, sempre foi assim e, por longo tempo, assim continuará sendo.
Lamente os que, sem disposição para acompanhar você, fiquem para trás, todavia não se esqueça da exortação que o Senhor lhe dirige:
"Quanto a ti, segue-me tu".
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:48 am

23 DEDUÇÕES LÓGICAS - I
Muitos são os que estudam as obras espíritas, notadamente as de autoria de André Luiz, porém ainda não aprenderam a extrair-lhes as deduções lógicas.
Embora vivam repetindo que o Espiritismo seja a doutrina da Fé Raciocinada, por falta de exercitar o pensamento ou por medo da Verdade, não raciocinam.
Recorrendo a algumas informações constantes das páginas da obra "Nosso Lar", permita-me citar alguns exemplos.
Na referida cidade espiritual - "Nosso Lar" -, os espíritos habitam construções semelhantes às existentes na Terra.
Por que será?!
Não lhe parece lógico deduzir que, no mínimo, qual acontece aos encarnados, seja para abrigarem-se das intempéries ou pela necessidade de ainda não se exporem intimamente em seu relacionamento familiar?!
No capítulo 17, "Em Casa de Lísias", o autor espiritual esclarece que, ao chegar por ele acompanhado à casa de sua mãe, Laura, onde, a convite do amigo, se hospedaria, Lísias acciona a campainha da residência.
Por que será?! Simples.
É que espírito não atravessa paredes no Mundo Espiritual, onde, para ele, a matéria se apresenta tão compacta quanto se apresenta para os viventes na Terra.
No capítulo 9, "Problema de Alimentação", em diálogo com Lísias, André Luiz fica sabendo que, "em virtude dos vícios de alimentação", em "Nosso Lar", tempos atrás, havia "certo intercâmbio clandestino" em outras palavras: contrabando!
Os espíritos que mantinham o chamado "intercâmbio clandestino", segundo consta da referida obra, não conseguiam livrar-se da necessidade de alimento com base de proteína e carboidratos.
Seria preciso dizer mais?
Que espécie de alimento proteico estava sendo contrabandeado? Dedução lógica: carne!
E, assim, toda obra andreluizina permeia-se de revelações para as quais é preciso que se tenham "olhos de ver".
Eu diria mais a você:
é preciso que se tenha o espírito despojado da pesada herança de antigos dogmas, que infelizmente, ainda fazem o espírita continuar pensando no Mundo Espiritual com a cabeça do católico.

24 DEDUÇÕES LÓGICAS - II
Prosseguindo com o assunto do capítulo anterior, a fim de que todos nós aprendamos a estudar nas obras espíritas, delas extraindo o conteúdo explícito e implícito, citemos mais alguns exemplos constantes de "Nosso Lar", de autoria do formidável André Luiz.
Logo no segundo parágrafo do capítulo 1, do livro mencionado - "Nas Zonas Inferiores" -, o autor desencarnado informa que, embora ele estivesse convicto "de não mais pertencer ao número dos encarnados no mundo", seus pulmões respiram a longos haustos. O que se deduzir do texto? Que o perispírito, ou corpo espiritual, é dotado de Sistema Respiratório, ou seja, de pulmões, e, consequentemente, de Sistema Circulatório.
Em seguida, no capítulo 2 - "Clarêncio" -, ele continua com as suas surpreendentes constatações, dizendo:
"Persistiam as necessidades fisiológicas, sem modificação."
Que necessidades seriam?!
Você já reflectiu sobre isto?!
O que entende por "necessidades fisiológicas"?!
Vou responder a você.
As básicas são: fome, sede, sono, sexo, excreção e abrigo.
Não se surpreenda.
Você já leu "Nosso Lar", não leu?!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:48 am

Ah! corroborando com as "necessidades fisiológicas" de André - que ele me perdoe -, ainda no capítulo 17 - "Em Casa de Lísias" -, nos deparamos com uma curiosa observação:
conhecendo a casa de seu amigo, ele se depara com a existência de uma "Sala de Banho".
Você sabe do que, em Portugal, se trata uma "Sala de Banho"?!
Não! É banheiro ou, se preferir, WC!
Outra coisa.
Sabe por que André escreveu "Sala de Banho"?!
Porque a cidade "Nosso Lar" foi fundada por distintos portugueses desencarnados.
Deseja você, neste rápido estudo, ir um pouco mais adiante comigo?!
Então, vamos.
No capítulo 20 - "Noções de Lar" -, há algo que, se os mais estudiosos não prestarem bastante atenção, deixarão passar despercebido.
Em certo parágrafo, Laura, mãe de Lísias, diz a André Luiz:
"As almas femininas, aqui, assumem numerosas obrigações, preparando-se para voltar ao planeta ou para ascender a esferas mais altas".
O que você entende por "almas femininas"?!
As mulheres?! Não!
"Almas femininas" são as almas que, mesmo encarnadas em corpos masculinos, revelam tendências feminilizantes.
Um golpe no preconceito de muita gente, não é?!
Lamento profundamente o nocaute.

25 DEUS É FIEL A TODOS
Quando você se dispuser a orar, não acredite que Deus, para beneficiá-lo, possa vir a prejudicar alguém.
Portanto, na prece, não solicite que, em qualquer competição, Deus o auxilie a sobrepujar o próximo, porque, seja quem for, ele é tão filho Dele quanto você mesmo!
Isso é infantilidade espiritual.
Por exemplo: numa competição futebolística, quando acontece um penalti, o batedor ora para convertê-lo em golo, e o goleiro ora para defender a penalidade máxima, sem que isso queira significar que o Deus de um deles seja mais poderoso que o de outro...
Se o gol acontece, com certeza, o mérito é de seu batedor, que, com certeza, naquela oportunidade, foi mais hábil que o goleiro, pois não logrou impedir que a bola varasse a sua meta.
Outro exemplo: dois estudantes disputam a mesma vaga em determinado vestibular, com os familiares de ambos orando para que eles obtenham êxito.
Claro que, no momento da prova, Deus não intervirá, dando mais lucidez intelectual a um que a outro - certamente, se não houver qualquer falcatrua, será aprovado o que estiver mais bem preparado.
A prece confere serenidade, mas não ensina a lição ao estudante que não se tiver aplicado com afinco.
Quando, pois, você se colocar em oração, peça forças para vencer a si mesmo em suas limitações e dificuldades.
Não raro, a sua oração pode vir a ser atendida de maneira completamente diversa da esperada por você, mas, mesmo causando-lhe aparente prejuízo, sempre com o intuito de que, espiritualmente, você venha a lucrar.
Em muitos casos, o que o homem não obtém em seus reiterados pedidos a Deus é o de que ele mais se encontra necessitado para a sua vida poder tomar o caminho que lhe seja mais favorável à verdadeira felicidade.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:49 am

26 DEUS É A LEI
Realmente, com certeza, seja muita pretensão de minha parte senão de qualquer outro que a tanto ouse, querer entender a Deus - um grão de areia perdido no deserto nada consegue saber do Sol que esplende no firmamento.
Não obstante, tenho para comigo que Deus se expressa através de suas Leis, sábias e justas, que imperam em todo o Universo.
E, nesse sentido, compreendo que, em vez de agir, o Criador reage.
Ele, por assim dizer, é a própria Lei de Acção e Reacção, que confere a cada criatura segundo suas obras.
Ao provocar a Lei Divina, o homem lhe evoca as consequências.
No que tange à educação, a reacção de qualquer pai é baseada na acção do filho que lhe foi confiado à tutela - ele, o filho, é que lhe diz quando, onde e como o pai necessita ser mais severo ou complacente.
Ao filho que se mostra mais responsável o pai confere maior liberdade de acção que àquele que se revela invigilante em suas atitudes, chegando mesmo, quando necessário, a cercear-lhe o livre-arbítrio.
Deus, portanto, para mim, não é Pai que se incline, preferencialmente, para este ou aquele filho de sua numerosa prole.
Ele estabelece Suas regras, as quais, ao serem infringidas, a fim de salvaguardar os interesses de toda a família, O constrangem a agir no restabelecimento do equilíbrio.
Em essência, foi o que Jesus nos quis fazer entender, quando disse:
"Nem todo o que me diz:
Senhor, Senhor!
entrará no Reino dos Céus, mas aquele que Jaz a vontade de meu Pai que está nos Céus."
Que "está nos Céus" significa estar no Centro da Criação.
A Lei, que é o próprio Deus, não favorece ou desfavorece a quem ou ao que seja - apenas e tão somente responde, favorável ou desfavoravelmente, os seus estímulos a ela.
Sobre o chão em que planta, ninguém colhe além do que semeia e tampouco frutos que sejam superiores à qualidade das sementes que cultivou.

27 UMA QUESTÃO DE "O LIVRO DOS ESPÍRITOS"
Reflictamos juntos sobre a questão de número 184, de "O Livro dos Espíritos":
- O espírito pode escolher o novo mundo em que vai habitar?
- Nem sempre; mas pode pedir e obter o que deseja, se o merecer.
Porque os mundos só são acessíveis aos espíritos de acordo com o grau de sua elevação.
Simples e claro.
Você pode pedir o que quiser, mas somente obterá o que merecer.
Os mundos superiores "só são acessíveis aos espíritos de acordo com o grau de sua elevação", porque, fisicamente, eles se encontram impedidos de ir até eles - não se trata apenas de obstáculo relacionado à moralidade dos espíritos.
Concluímos, então, que, segundo a Parábola das Bodas, contada por Jesus, se não estiver trajando a "túnica nupcial", você não poderá participar do banquete - o rei mandará os seus servos lançá-lo para fora, a fim de que você retorne ao meio a que pertence.
A "túnica nupcial" é o perispírito - se não tiver perispírito adequado à sua encarnação nos mundos superiores, você não poderá habitá-los.
Talvez, neste ponto de nossas elucubrações, você esteja perguntando:
Mas, dentro deste contexto, onde é que fica a questão da moralidade?!
Não há segredo algum na resposta.
A tessitura do perispírito, ou "túnica nupcial", está particularmente afecta ao progresso moral do espírito que o enverga.
A saúde do corpo é proporcional à saúde do perispírito, que, por sua vez, diz respeito à saúde do espírito.
Assim, não adianta querer sem merecer, porque, no reino do espírito, para poder, não basta querer.
Não há quem o impeça de sonhar com as estrelas, mas, para alcançá-las, é imprescindível que você crie asas, pois, caso contrário, durante muito tempo, a sua realidade continuará sendo o chão do planeta que pisa.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:49 am

28 AINDA SOBRE "NOSSO LAR"
Nos 50 capítulos do livro "Nosso Lar", de André Luiz, você não se deparará com uma única linha que diga que a referida cidade espiritual seja espírita -ou que pertença aos espíritas.
"Nosso Lar" é uma cidade com características ecuménicas - aliás, como de resto é o Mundo Espiritual.
0 Mundo Espiritual não é espírita.
E mais: ele não se situa apenas no espaço existente ao redor do Brasil, como se os demais países do orbe fossem destituídos de Plano Espiritual correspondente.
Eis uma realidade que os espíritas necessitam analisar, a fim de se vacinarem contra o personalismo religioso que, infelizmente, contamina os adeptos de quase todas as doutrinas que se imaginam detentoras da Verdade Absoluta.
A cidade de "Nosso Lar", no século XVI, foi fundada por distintos portugueses desencarnados, que, embora, em maioria, pertencessem à Igreja Católica, intimamente não se prendiam aos seus dogmas.
As religiões em geral, com as suas características dogmáticas e sectárias, apenas predominam nos Planos Espirituais mais próximos da Crosta, desaparecendo, gradativamente, nos Planos que dela se distanciam, até que possam desaparecer completamente.
O Espiritismo, que é a revivescência do Cristianismo, não nos foi revelado pelos espíritos que habitam as imediações da Terra - ele promana das Altas Esferas, onde, destituído de qualquer rótulo, impera como um Sistema de Ideias que se identifica com as Leis Divinas.
0 próprio Cristianismo não é uma religião - que alguém não o confunda com o Catolicismo, o qual dele se apropriou, como se o Cristo fosse propriedade desta ou daquela religião.
Ao anunciar aos pastores o nascimento de Jesus, os anjos lhes disseram:
"... eis aqui vos trago boa nova de grande alegria, que o será para todo o povo".
Evidentemente, não disseram que seria apenas para todo o povo judeu, mas, sim, para todo o povo que, em qualquer parte, grandemente se alegrasse com a Boa Nova.
O Espiritismo, como doutrina codificada, para conhecimento dos homens, está nos livros, mas o Espiritismo total, em sua essência, é aquele que existe, inclusive, para além de toda e qualquer literatura.

29 CREDORES IMPLACÁVEIS
Você deve compreender que determinados nós cármicos existem, os quais, para serem desfeitos, exigem o concurso do tempo - às vezes, inclusive, em mais de uma encarnação.
Isso não significa que, diante deles, você deva adoptar uma atitude de indiferença ou mesmo de passiva resignação.
Temos o direito e, mais que direito, o dever de lutar, através de todos os meios lícitos, para que a nossa situação cármica se desfaça ou, pelo menos, se atenue ao máximo.
Contudo necessitamos de cautela, porque, não raro, no intuito de forçarmos a solução de um problema, criamos outro até pior.
Com frequência, isso acontece dentro da família consanguínea, principalmente em relação aos pais que não sabem o que fazer para os filhos se tornarem mais adultos e assumirem maior responsabilidade diante da Vida.
Entendamos que, de fato, para o espírito encarnado na Terra, a família é o maior campo de luta e provação.
Através dos laços da parentela mais próxima é que, espiritualmente, tentamos ajustar-nos, transformando ódio em amor.
Nesse sentido, são muitos os espíritos que tomam corpo no mundo a fim de receber o que, em vidas anteriores, lhes foi sonegado em carinho, atenção, afecto, conselhos, orientação, justiça, etc. - e com que facilidade eles se transfiguram em credores implacáveis, dando-nos nítida impressão de que querem toda a dívida quitada sem parcelamento.
Se você, presentemente, se encontra dentro de uma situação assim, de não poder contar com a devida complacência de seu credor familiar, a cumulá-lo de exigências que muitos consideram descabidas, muna-se de paciência além da habitual e não se canse de provar a ele que você, afinal, já não é mais o mesmo espertalhão de outrora que lhe causou tantos prejuízos.
Em matéria de dívida, o melhor, evidentemente, é você não ficar devendo a ninguém; no entanto, uma vez que a dívida foi feita, até saldá-la completamente, você terá de conviver com a cara feia de seu credor e aguentar sua bílis.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sex Jun 22, 2018 9:49 am

30 ESPÍRITAS PIGMEUS
O poeta Eurícledes Formiga, nosso amigo, escreveu através do médium que nos serve de instrumento comum, pequena trova que nos faz pensar como, aliás, é o papel dessa composição poética constituída de apenas quatro versos.
Ei-la:
"Quem mede o tamanho alheio, Tomando por base o seu, De um gigante na estatura, Faz virar um pigmeu."
Realmente, muitos são os que vivem enxergando argueiro no olho do próximo e ignorando a trave que lhes obstruiu a visão.
Constatamos, tristemente, que quase todos nós somos assim: criticamos, julgamos e sentenciamos, esquecidos de que, na maioria das vezes, em nosso ridículo papel de censores, agimos movidos pela inveja, pelo ciúme, pelo despeito, pela ambição ou por qualquer outro sentimento menor que o valha.
Interessante é que as palavras ditas pelo Cristo em advertência, nos parecem ter sido dirigidas para os outros, e não para nós:
"Não julgueis, afim de não serdes julgados".
0 melhor é que, nesta ou naquela roda em que a vida de alguém esteja sendo alvo de comentários malsãos, você permaneça calado ou, então, não se importando com a antipatia que, a partir daí, os integrantes da roda passarão a votar-lhe, você tome a iniciativa de colocar em evidência este ou aquele aspecto positivo da vida da pessoa que esteja sendo vítima da descaridade.
No Espiritismo, infelizmente, o que não falta são línguas ferinas, dos incapazes de algo construir por si mesmos e, por causa disso, se especializam na crítica que intenta menoscabar o esforço alheio.
O Movimento Espírita está repleto de pigmeus que, como bem sintetizou o poeta, medem o tamanho alheio pela sua insignificante estatura, na qual não conseguem superar-se como Davi diante de Golias, o gigante filisteu, ou como Zaqueu, que, consciente da própria pequenez, teve a coragem de subir num sicómoro, para ver a Jesus.

31 SE VOCÊ É MÉDIUM
Se você é médium, procure conter os ímpetos de seu personalismo, que são manifestações naturais em todo ser humano imperfeito.
Não se creia missionário, nem mesmo uma pessoa diferente das demais, agraciada por privilégios que não existem.
Não se permita incensar - não delire.
Compreenda que o exercício da mediunidade responsável é tarefa penosa, na qual, a fim de cumpri-la, você sempre se haverá em grandes lutas consigo mesmo.
A sua clarividência, por mais desenvolvida, apenas e tão somente lhe permite divisar uma nesga da realidade do Mundo Espiritual.
Aprenda a separar, com honestidade, o que, eventualmente, possa ouvir dos espíritos das palavras que, embora você atribua a eles, em grande parte são artimanhas da sua cabeça.
Com grande facilidade, em interesse próprio, qualquer médium pode mistificar, e mistifica.
A mediunidade, como nos ensina Odilon Fernandes, pode ser considerado o "calcanhar de Aquiles" do Espiritismo, que, não se localizando propriamente nele, fica localizado na parte anterior de qualquer um dos pés dos médiuns vaidosos - principalmente de quantos acham que os seus guias, por tudo saberem, tudo lhes revelam.
Existe muito guia de médium que é mais perturbado que o próprio médium.
A rigor, a maioria dos médiuns, feito criança recém-nascida que precisa ser vacinada contra paralisia, sarampo, rubéola, etc., necessitaria, ao mais discreto sinal de mediunidade, ser vacinada contra o vedetismo...
Só há uma coisa que, a meu ver, mais que estudar todo médium carece:
humildade.
Existe médium que rabisca meia dúzia de laudas de papel e já quer publicar um livro.
Outro, no Centro Espírita que frequenta, quer ser tratado com a deferência devida a um Chefe de Estado.
Médium bom é que compreende o seu lugar ser sempre o último da fila.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Jun 23, 2018 10:33 am

32 CUIDADO COM UM DOS DOZE
Alguém me fez, tempos atrás, a seguinte pergunta:
— Em suas fileiras, onde é que se localizam os inimigos do Espiritismo?
Sem pestanejar, respondi:
— Entre aqueles que, supostamente, são considerados os seus líderes.
— Como?! - tornou o confrade que me interpelara.
— Simples! - esclareci.
Se não tiver poder algum de decisão dentro do Movimento, o que, no sentido de desfigurá-la, um inimigo da Doutrina poderá fazer contra ela?!
Os adversários do Espiritismo não estão entre aqueles que, dentro dos Centros Espíritas, na maioria das vezes, somente são lembrados na hora de sair às ruas para uma campanha de arrecadação de alimentos ou no momento de empunhar uma vassoura para varrer o chão.
Os maiores inimigos da Doutrina são os que se arvoram em "chefes" encarnados de suas instituições, que, com subtileza, manipulam o pensamento alheio em favor do ponto de vista pessoal que defendem.
Os piores inimigos da Igreja Católica nunca foram os pobres sacerdotes que apostolavam nas igrejinhas esquecidas, quase em ruínas, apascentando, em nome do Cristo, o rebanho dos fiéis, mas, sim, os que viviam na cúpula, disputando, no Vaticano, o trono que São Pedro nunca ocupou...
Esse mesmo confrade que me interrogara, voltou a me sabatinar, preocupado:
- Mas um inimigo da Doutrina teria poderes para reencarnar dentro dela e ser um lobo em pele de cordeiro?
Eu, então, simplesmente lhe perguntei:
- Onde é que Judas Iscariotes estava?!
Quem ele era?!
Um doutor da lei ou um dos doze?!
— Um dos doze - respondeu.
— Então, meu caro, o negócio é ter muito cuidado com um dos doze, que, infelizmente, no Espiritismo, é uma dúzia elevada não sei a que potência, ou melhor, a que prepotência.

33 FRONTEIRAS NO ALÉM
Existirão fronteiras - digamos, geográficas - na Vida de além-túmulo?!
Certamente que sim!
Após a desencarnação, o homem continua sendo o mesmo homem, e, infelizmente, suas concepções de universalidade prosseguem sendo quase as mesmas.
No Mundo Espiritual próximo, portanto, as barreiras raciais, sociais, culturais, linguísticas, religiosas, etc., ainda são lamentáveis realidades, deixando, gradativamente, de existir, à medida que o homem globaliza o coração.
No livro "Evolução em Dois Mundos", de André Luiz, no capítulo III, em sua Segunda Parte, o autor considera que, "entre as criaturas encarnadas ou não, é forçoso observar que a linguagem articulada, no chamado espaço das nações, ainda possui fundamental importância nas regiões a que o homem comum será transferido imediatamente após desligar-se do corpo físico".
Em "Cartas de Uma Morta", no capítulo 111 - "As Afinidades Raciais" -, Maria João de Deus escreveu:
"Os saxões, os latinos, os árabes, os orientais, os africanos, formam aqui grandes falanges, à parte, e em locais diferentes uns dos outros.
Nos núcleos de suas actividades, conservam os costumes que os caracterizavam e é profundamente interessante observarmos de perto como essas imensas colónias espirituais diferem umas das outras, apesar de se encontrarem ligadas pelos mais santos laços da fraternidade e do amor".
Ressalvamos, porém, que tais colónias ou, no caso, países espirituais, que se ligam pelos laços da fraternidade e do amor, somente são aquelas que se situam em Plano superior e não nas proximidades do orbe, pois nestas as fronteiras geográficas que as separam são tão vigiadas quanto o são as fronteiras terrestres.
No capítulo seguinte de "Cartas de Uma Morta", Maria João de Deus faz surpreendente revelação, afirmando que "muitos dos componentes desses núcleos tão arraigadamente conservam o modo de pensar que possuíam no planeta terráqueo, que raros são os que não relutam em aceitar a hegemonia espiritual de Jesus Cristo"...
Em outras palavras: nem Jesus ainda é unanimidade entre os desencarnados!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Jun 23, 2018 10:33 am

34 QUE MUNDO ESPIRITUAL É ESSE?!
Afinal, que Mundo Espiritual é esse, no qual muitos são os que "relutam em aceitar a hegemonia espiritual de Jesus Cristo, como orientador e guia do orbe" terrestre?!
Com certeza, trata-se um de plano existencial tão humano quanto aquele que os espíritos habitam quando encarnados.
Aliás, quer estejamos no chamado corpo carnal propriamente dito ou não, todos ainda nos encontramos mais ou menos encarnados.
Assim como o Cristo não constitui unanimidade entre os encarnados - os próprios judeus não O aceitam na condição de Messias -, Ele não é unanimidade entre os desencarnados, que, nas imediações do planeta, prosseguem com as suas intermináveis arengas teológicas.
Maria João de Deus, em sua obra "Cartas de Uma Morta", inclusive chega a dizer que, na Vida de além-túmulo, "inúmeras colónias [cidades e países] desconhecem ainda a mensagem da Boa Nova".
Vejamos que o trabalho pela espiritualização do homem não se interrompe com a morte, porque, a bem da verdade, ele não começa na Terra.
Jesus não pregou o Evangelho apenas na Dimensão Material, visto que, antes de nela tomar corpo, Ele igualmente o pregou para os desencarnados, tendo, após a crucificação, descido às Dimensões Subcrostais.
O Cristo era mais conhecido entre os espíritos que entre os próprios homens, os quais ignoravam a Sua procedência divina.
Este facto fica patente no diálogo que Ele mantém com o possesso de Gadara, o qual, ao pressentir a Sua presença, se Lhe dirige nos seguintes termos:
"Que tenho eu contigo, Jesus, Filho do Deus Altíssimo?
Conjuro-te por Deus que não me atormentes".
Ora, vejamos que o possesso gadareno sabia que Jesus era Filho do Deus Altíssimo, condição da qual, por vezes, os próprios Apóstolos duvidavam...
O Mundo Espiritual, que, desavisadamente, alguns nos acusam de tornarmos excessivamente humano, assim não é por culpa nossa, mas, sim, por conta dos seres excessivamente humanizados que, após deixarem o corpo de carne, vão habitá-lo com a mesma mentalidade estreita com a qual nos acusam.

35 PROFISSÕES DOS ESPÍRITOS
Meu amigo, os desencarnados, igualmente, possuem profissões - no Mundo Espiritual, como a gente costuma dizer na Terra, "ninguém vive de brisa".
Claro que a ociosidade ainda persiste em muitos.
Inclusive, infelizmente, a delinquência.
E não pense, por exemplo, que a desonestidade seja característica dos espíritos que habitam as diferentes Dimensões que se situam Terra para baixo.
Não! Em qualquer parte do Universo na qual o espírito se apresente apenas como ser humano fora do corpo, os seus desvios comportamentais persistem com ele.
Assim, equivocam-se os que imaginam, por exemplo, que, depois da morte, somente médicos e enfermeiros tenham trabalho.
Na Vida Espiritual, todas as profissões exercidas na Terra ou quase todas ampliam seu leque de oportunidades.
Temos engenheiros e arquitectos, professores em todos os níveis, cientistas que continuam com suas pesquisas - sim, porquanto, neste Outro Lado, o átomo - pasmem! - ainda continua sendo dividido.
Da mesma maneira, magistrados, promotores e advogados prosseguem tendo muito trabalho à barra dos tribunais, com a legislação humana sendo estudada e aperfeiçoada constantemente, procurando sua mais perfeita identificação com a Legislação Divina.
Você que, certamente, já pôde ler atentamente a obra "Nosso Lar", observou o que André Luiz fala a respeito dos campos de cultura, das fábricas de alimentos, de vestuários.
Chico, certa vez, a uma irmã que o interpelara a respeito, disse:
- Meimei, nossa querida benfeitora espiritual, costuma me aparecer portando lindos broches e braceletes, de pedras preciosas...
Vejamos bem: pedras preciosas no Além!
Ah, com certeza, você, como também eu, muito ainda temos o que aprender a respeito do Mundo Espiritual, porque, assim como existem pessoas que pouco sabem da Terra, existem espíritos que pouco sabem da Vida de além-túmulo!
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Jun 23, 2018 10:33 am

36 V0LITAÇÃO
Não lhe parece estranho alguns espíritos volitando no Mundo Espiritual e outros não?!
A mim, confesso, me pareceria estranhíssimo.
Por isso, eu lhe digo o seguinte: em geral, a faculdade de volitar, com o seu corpo espiritual, ou perispírito, é exercida pelos espíritos apenas onde a atmosfera lhes permite vencer a lei da gravidade.
Por exemplo: em "Nosso Lar", obra à qual sempre recorremos, existe um serviço de transporte colectivo - o "aerobus".
No capítulo 10 do livro - "No Bosque das Águas" -, André Luiz faz referência a ele - inclusive faz referência às "grandes oficinas do Serviço de Trânsito e Transporte".
(O referido "Serviço de Trânsito" não lhe sugere que, a fim de evitarem-se acidentes, o trânsito necessita ser controlado?!)
Essas coisas deixam de ser tão difíceis de entender, sim.
Os astronautas que pisaram o solo lunar volitavam.
Se não se conservassem "amarrados" à nave-mãe, por uma espécie de "cordão umbilical", eles se perderiam no Cosmos.
As coisas são muito interessantes.
É provável que você já tenha "sonhado" que estava voando - volitando, em incríveis rasantes sobre florestas, rios e planícies.
Sendo mais leve que o corpo físico, em determinados meios, é natural que o corpo espiritual consiga volitar.
Você não bóia na superfície das águas?!
Pois então!
Raros espíritos, porém, estando encarnados na Terra, já puderam experimentar a sensação de volitação durante o desdobramento.
Devido à densidade de seu perispírito, poucos são os espíritos que, mesmo na condição de desencarnados, conseguem volitar nas imediações da Terra ou quase na própria Terra, pois eles não possuem leveza e nem "propulsão" mental paira tanto.
Aquela ideia de que todo espírito, ao desencarnar, sai do corpo volitando é completamente equivocada, porque a realidade é que numerosos saem de maca, muitos arrastando-se e poucos caminhando.

37 ABRINDO A CABEÇA
Se não abrir a cabeça, você continuará nada entendendo da Vida no Mundo Espiritual - é essa postura que faz nascerem os dogmas.
A Igreja Católica criou tantos dogmas, ou seja, pontos impostos e indiscutíveis de fé, que, agora, querendo deles libertar-se, não consegue.
Por exemplo: convencionou-se que, na Reencarnação, o espírito começa a ligar-se ao corpo, o qual será formado especialmente para ele, no exacto momento da concepção.
Na grande maioria dos casos, de facto, é assim que acontece, mas você precisa compreender que existem excepções.
Existem excepções na Terra e muito mais excepções nos Mundos Superiores.
De minha parte, eu não entendo Jesus Cristo sofrendo um processo de restringimento de seu corpo espiritual, perdendo a consciência, para, depois, passar nove meses no ventre de sua excelsa progenitora, Maria de Nazaré.
Não me perguntem o que aconteceu, porque eu não sei, mas a encarnação Dele não pode ter acontecido como a de um espírito comum.
Tampouco, particularmente, não consigo aceitar a teoria do corpo fluídico, aventada por um contemporâneo de Allan Kardec, de sobrenome Roustaing.
Chico Xavier, que, evidentemente, era muito mais sábio e sabido do que eu e você somos, aceitava que um espírito pudesse substituir outro no corpo de um adulto.
Estranho, não é?!
Mas, sinceramente, eu não tenho cacife espiritual para discordar de Chico; se você tem ou mais alguém julga ter, isto é outra coisa.
Então, meu caro, aos poucos, estou compreendendo que o chamado "impossível", não raro, é impossível para o nível de compreensão - para o meu nível de compreensão hoje.
Amanhã, a história pode ser outra.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Jun 23, 2018 10:33 am

38 NO QUE TANGE A JESUS!
No que tange à encarnação de Jesus - encarnação, porque Jesus não reencarnou na Terra:
ele encarnou -, existia algo que me intrigava, falando contra a teoria de alguns pensadores de que Jesus foi médium do Cristo.
Eu ficava pensando assim:
Mas como?!
Jesus aos 12 anos já estava no templo, ensinando aos doutores da lei?!
A rigor, pois, Ele não começou a pregar aos 30, mas, sim, aos 12?!
Durante muito tempo, relutei em aceitar tal teoria e, a bem da verdade, até hoje, não consegui aceitá-la completamente.
Por último, no entanto, eu venho pensando numa coisa:
se Chico Xavier era médium desde os 5 de idade, o que, por exemplo, impediria que Jesus já tivesse nascido Médium - Médium do Cristo, que, por sua vez, era Médium de Deus?!
Você entendeu?!
Chico, quando, extra-oficialmente psicografou a sua 1ª mensagem, que foi aquela redacção sobre a História do Descobrimento do Brasil, estava justamente com 12 para 13 de idade?!
Tenha um pouco de boa vontade para raciocinar comigo.
Eu não estou dizendo que tenha sido assim:
eu estou dizendo que é possível ter sido assim com Jesus.
Ainda, pensando no que está escrito no Evangelho de João, o mais enigmático dos Evangelhos, eu me pergunto:
o Verbo se fez carne ou o Verbo se fez na carne?!
No livro de Génesis, está escrito no primeiro capítulo, versículo 3:
"Disse Deus: Haja luz; e houve luz".
A luz simplesmente se fez - Ele não precisou de vir à Terra acendê-la.
Enfim, você me perdoe tais elucubrações, que não passam mesmo de elucubrações.
Mas, como você sabe, o Espiritismo é a doutrina da Fé Raciocinada, na qual ninguém deve ter medo de perguntar o que quiser e, muito menos, de exercitar-se na resposta.
A menos que, na condição de adeptos de uma Doutrina que pugna pela liberdade de expressão e de pensamento, nós comecemos a dogmatizar.
Aí, então, será o fim do Espiritismo!
Segundo André Luiz, no livro "Libertação", psicografado por Chico Xavier, "a ortodoxia no mundo costuma ser o cadáver da revelação".

39 ACENDER E ASCENDER
Muitos espíritas acham que, após a desencarnação, pela simples condição de adeptos de uma doutrina de vanguarda, como, de fato, o Espiritismo é, irão ascender aos Planos Espirituais mais altos.
Se você faz parte dessa turma que, assim, se imagina privilegiada..., ledo engano seu, meu caro!
No máximo, talvez, depois da morte carnal, consiga acender uma lamparina, mas ascender (com s) aos Paramos Superiores exigirá de você esforço muito maior que riscar um fósforo.
Raros, para não dizer raríssimos, são os espíritos, que, em desencarnando, conseguem afastar-se das proximidades da Terra, onde o espírito, na condição de espírita ou não, possui o seu habitat natural.
Não lhe bastará, portanto, trazer o rótulo de espírita.
Em acender lamparina e fogueira, é possível que você já tenha excelente treino, mas, para ascender à luz que promana de Cima, é necessário que não apenas interiorize a Doutrina - é indispensável que, através de pensamentos, palavras e acções, você consiga exteriorizá-la.
A Doutrina, sem dúvida, é dos espíritos, mas não de todos os espíritos, nem mesmo no Plano Espiritual.
O Espiritismo, para nós, seus adeptos de pouco tempo, não passa de começo do despertar de longuíssimo estado de hibernação mental, que ainda nos provoca muitos bocejos e uma vontade danada de continuarmos dormindo.
Deste Outro Lado, digo a você que, além de tentar acender muita lamparina para quem está vagueando na escuridão terrestre, eu não logrei ascender um milímetro sequer!
Nesse sentido, meu caro, se você tiver melhor sorte que a minha, não se esqueça do maravilhoso conto que Malba Tahan escreveu sobre "O Fio da Aranha", e, imitando o exemplo dela, estenda o seu fio salvador a esse pobre Kandata, que, na actualidade, prossegue relegado ao abismo em que segue carpindo suas desilusões de homem comum.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Ave sem Ninho em Sab Jun 23, 2018 10:33 am

40 DISCIPLINA
Sem disciplinar sua vida, aprendendo a utilizar seu tempo, dificilmente você logrará melhor proveito na encarnação, e, consequentemente, seu progresso espiritual há de ser mínimo.
Em "O Livro dos Espíritos", comentando a resposta dada à questão 191-a, Allan Kardec escreveu:
"Mas, da mesma maneira que, na vida humana, há dias infrutíferos, na do espírito há existências corpóreas sem proveito, porque ele não soube conduzi-las."
Por esse motivo, a maioria dos espíritos que deixa o corpo pela desencarnação retorna ao Mundo Espiritual quase que na mesma situação em que o deixou, antes de encarnar.
Alguns, inclusive, por não saberem administrar o próprio carma, em vez de descomplicarem-no, terminam por complicá-lo ainda mais, assumindo novos e, não raro, mais difíceis compromissos.
Em geral, pode-se dizer que o progresso do espírito é lento; André Luiz, no livro "Libertação", afirma que o homem está lidando com a razão há cerca de quarenta mil anos; é de imaginar-se quantas vezes, ao longo desse tempo, ele terá reencarnado, sem, no entanto, maior proveito nas experiências por ele vivenciadas.
Você mesmo, provavelmente, em reencarnações totalmente mecânicas, sem noção da própria imortalidade, já deve ter ido à Terra centenas de vezes, vivendo exclusivamente em função do corpo perecível.
Pode-se dizer que, com a conscientização que o Espiritismo nos faculta, talvez seja esta a primeira encarnação que você esteja vivenciado com alguma lucidez, mas ainda com enorme dificuldade para harmonizar os interesses da vida imediatista com os novos paradigmas existenciais.
Portanto, se deseja, nem que seja parcialmente, triunfar em sua actual experiência reencarnatória, nem que isso lhe custe a mais dura solidão, imponha-se a mais férrea disciplina no cumprimento de seus deveres espirituais.
Não amolente o espírito, porque bastará meia dúzia de concessões feitas ao "homem velho" para que ele, uma vez mais, anule por completo o "homem novo", que, há séculos, vem sendo sucessivamente abortado em você.

41 LISTA DE PERGUNTAS - I
Algumas perguntas que tomo a liberdade de listar para você responder - para você que efectua tantas perguntas aos espíritos, sem lhes dar oportunidade de efectuar nenhuma.
Se você conseguir responder à metade delas, eu já me darei por inteiramente satisfeito.
Ei-las:
— Os espíritos têm necessidade de alimentação? Por quê?
— Os espíritos dormem?
— Na Vida de além-túmulo, os espíritos namoram, noivam e casam-se?
Com que objectivo? (Lembro a você que, em "Nosso Lar", no capítulo "No Campo da Música", Lísias apresenta Lascínia, sua namorada, a André Luiz.)
— Os espíritos se reproduzem, ou se reproduzem seus corpos espirituais?
— Existem delinquentes no Mundo Espiritual e, em caso afirmativo, leis que os punem?
— Qual, por exemplo, é a situação da Igreja Católica no Além?
O que, no Mundo Espiritual, existirá sobre o Estado do Vaticano?
— Como será o Mundo Espiritual dos muçulmanos?
— Como, em geral, os desencarnados podem vir com tanta facilidade à Terra?
Será que eles vêm ou será que, embora desencarnados, eles não se afastaram tanto assim?
— Todos os espíritos podem ver tudo que os homens fazem, inclusive assistir tomar banho, ir ao sanitário, etc.?
— Você acha que toda Reencarnação é programada?
Em caso afirmativo, então você admite que o Mundo Espiritual seja controlado por espíritos reencarnacionistas?
— "Nosso Lar" é uma cidade flutuante ou alicerçada no chão do Mundo Espiritual?
A lista ficou grande Vou continuar no próximo capítulo.
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 81116
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 62
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Espirito é Gente! - Inácio Ferreira /Carlos A. Baccelli

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 3 1, 2, 3  Seguinte

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum