Problemas e Dificuldades:

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Seg Jan 17, 2011 10:52 pm

Auto-Defesa
Livro: Encontro de Paz
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Desde épocas imemoriais, o homem imagina e constrói recursos de auto-protecção e defesa, sem que lhe possamos desconsiderar as razões para isso.

O recinto emparedado que lhe serve de moradia não é somente o refúgio em que delibera viver no regime de comunhão familiar, mas se lhe erige também como sendo o processo de livrar-se da intempérie.

O cofre é o recipiente que lhe segrega os bens contra possíveis assaltos, no entanto, é igualmente o vaso que lhe garante instruções e documentários contra incêndios.

A fim de preservar-se e preservar valores e propriedades sobre os quais convenciona a riqueza externa, inventa fechaduras, cadeados, ferrolhos, trancas, armas, trincheiras, muralhas e alçapões.

Realiza mais ainda:
vacina-se contra as moléstias contagiosas;
estabelece apoio ao comércio e protege-se contra a fome;
cria meios de intercâmbio e extingue a solidão.

Para todos os males susceptíveis de afligi-lo no campo exterior da existência elege recursos defensivos claramente justificáveis no tocante aos domínios da vigilância e da prudência com que lhe cabe agir e discernir, entretanto, para a insegurança e para o medo, antigos adversários que lhe dilapidam o equilíbrio e a vida e tantas vezes o arrastam a suicídio e loucura não encontra estabelecimentos ou medidas terrestres com os quais se municie contra eles.

De modo a forrar-nos contra semelhantes flagelos, só existe um recurso:
confiar-mo-nos a Deus, cujas leis nos presidem as horas.

Nos momentos de crise, provação, angústia ou desencanto, cumpre os deveres que as circunstâncias te reservam e jamais desesperes.

Lembra-te de que não há noite na Terra que não se dissolva no clarão solar.

Nos instantes amargos, descansa o coração e o cérebro em Deus, cuja misericórdia e justiça nos acompanham os dias, e Deus te resguardará.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:54 pm

A Cela Oculta
Livro: Somente Amor
Meimei & Francisco Cândido Xavier

Cada criatura, na Terra, traz consigo uma cela oculta em que trabalha com os instrumentos da provação em que se burila.

Pensa nisso e auxilia aos que te rodeiam.

Esse companheiro alcançou a fortuna, mas sofre a falta de alguém;
outro dispõe de autoridade, no entanto, suporta espinhosos conflitos nos sentimentos;
essa irmã construiu o lar sobre preciosas vantagens materiais, contudo, tem um filho que lhe destrói a felicidade;
e aquele outro atingiu o favor público, entretanto, é portador de moléstia indefinível a corroer-lhe todas as forças.

Quando encontres alguém que te pareça em crise de inquietação e desarmonia, isso não é sinal de que a tua presença se lhe fez indesejável.

Esse alguém estará em momentos de enormes dificuldades no reduto invisível do coração em que se aperfeiçoa.
E os resíduos da luta íntima se lhe transbordam do ser pelas janelas do trato.

Observa o ponto nevrálgico da própria vida em que o sofrimento te procura para efeito de prova e compadece-te dos outros para que os outros se compadeçam de ti.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:54 pm

Lugar de Socorro
André Luiz & Francisco Cândido Xavier

Estará você sofrendo desencantos...

Varando enorme dificuldades...

Suportando empeços com os quais você não contava...

O trabalho em suas mãos,muitas vezes se lhe afigura um fardo difícil de carregar...

Falham recursos previstos...

Contratempos se seguem uns aos outros...

Tribulações de entes amados lhe martelam a resistência...

A enfermidade veio ao seu encontro...

Entretanto,prossiga agindo e cooperando,em favor dos outros.

Não interrompa os seus passos no serviço do bem, porque justamente na execução dos seus próprios encargos é que os Mensageiros de Deus encontrarão os meios de trazerem a você o socorro preciso.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:55 pm

Considerando o Medo
Livro: Leis Morais da Vida
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Coisa alguma se te afigure apavoradora.
A vida são as experiências vitoriosas ou não, que te ensejem aquisições para o equilíbrio e a sabedoria.

Não sofras, portanto, por antecipação, nem permitas que o fantasma do medo te perturbe o discernimento ante os cometimentos úteis, ou te assuste, gerando perturbação e receio injustificado.

Quando tememos algo, deixamo-nos dominar por forças desconhecidas da personalidade, que instalam lamentáveis processos de distonia nervosa, avançando para o desarranjo mental.

Os acontecimentos são conforme ocorrem e como tal devem ser enfrentados.
O medo avulta os contornos dos fatos, tornando-os falsos e exagerando-lhes a significação.
Predispõe mal, desgasta as forças e conduz a situação prejudicial sob qualquer aspecto se considere.

O que se teme, raramente ocorre como se espera, mesmo porque as interferências Divinas sempre atenuam as dores, até quando não são solicitadas.
O medo invalida a acção benéfica da prece, esparze pessimismo, precipita em abismos.
Um facto examinado sob a constrição do medo, descaracteriza-se, um conceito soa falso, um socorro não atinge com segurança.

A pessoa com medo, agride ou foge, exagera ou se exime da iniciativa feliz, torna-se difícil de ser ajudada e contamina, muitas vezes, outras menos robustas na convicção interna, desesperando-as, também.

O medo pode ser comparado a sombra que altera e dificulta a visão real.
Necessário combatê-lo sistematicamente, continuamente.
Doenças, problemas, noticias, viagens, revoluções, o porvir não os temas.

Nunca serão conforme supões.
Uma atitude calma, ajuda a tomada de posição para qualquer ocorrência aguardada ou que surge inesperadamente.

Não são piores umas enfermidades do que outras. Todas fazem sofrer, especialmente quando se as teme e não se encoraja a recebê-las com elevada posição de confiança em Deus.

Os problemas, constituem recursos de que a vida dispõe para seleccionar os valores humanos, e eleger os verdadeiros dos falsos lutadores.
As noticias trazem informes que, sejam trágicos ou lenificadores, não modificam, senão, a estrutura de uma irrealidade que se está a viver.
As viagens tem o seu final, e recear acidentes, aguardá-los, exagerar providências, certamente não impedem que o homem seja bem ou mal sucedido.

As revoluções e guerras que alcançam bons e maus, estão em relação a violência do próprio homem que, vencido pelo egoísmo, explode em agressividade, graças aos sentimentos predominantes em a sua natureza animal.

Ninguém pode prever o imprevisto ou evadir-se a necessária conjuntura cármica para o acerto com as leis superiores da evolução.
Prudência, sim, é medida acautelatória e impostergável, para se evitar danos inecessários.

Afinal, em face do medo, deve-se considerar que o pior que pode suceder a alguém, é advir a desencarnação.
Se tal ocorrer, não há, ainda, porque temer, desde que morrer é viver.
O único cuidado que convém examinar, diz respeito à situação interior de cada um perante a consciência, ao próximo, à vida e a Deus.

Em face disso, ao invés de sistemático cultivo do medo, uma disposição de trabalho árduo e intimorato, confiança em Deus, afim de enfrentar bem e ultimamente toda e qualquer coisa, facto, ocorrência, desdita...

Entrega-te ao fervor do bem, expulsa d'alma as artimanhas da inferioridade espiritual.
Faz luz íntima e os receios fundados baterão em retirada.

A responsabilidade dar-te-á motivos para preocupações, enquanto o medo minimizará as tuas probabilidades de êxito.

Jesus, culminando a tarefa de construir nos tíbios corações humanos a ventura e a paz, açodado pelos famanazes da loucura em ambos os lados da vida, inocente e pulcro, não temeu nem se afligiu, ensinando como deve ser a atitude de todos nós, em relação ao que nos acontece e de que necessitamos para atingir a glorificação interior.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:55 pm

Conduta ante os Inimigos
Livro: Oferenda
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Punge-te a alma quando enfrentas os que se tornaram teus inimigos por motivos que ignoras.

Não poucas vezes sentes a sua presença, mesmo que longe fisicamente, pela rede de informações infelizes quão inverídicas que tecem a teu respeito, onde nunca hás estado.

Fiscalizam-te com impiedade e criticam-te com azedume, pondo o sal da malícia nos teus comentários, nas tuas atitudes, nas lições que veiculas.
Sempre vêem a face negativa, que trabalhas por corrigir, e os teus melhores sentimentos são tidos por debilidade de carácter, torcendo a colocação edificante dos teus esforços.

Certamente não os magoaste nesta atualidade, nem mesmo chegaste a privar do círculo fechado da amizade de alguns deles.
Antipatizam-te e comprazem-se em antagonizar-te.
Corroem-se de ciúme ou de inveja e arrojam o ácido da aflição que não conseguem dissimular sobre o teu nome, num processo inconsciente de transferência.

Alguns, quiçá, procedam do teu passado espiritual, contra quem contraíste débito.
Outros, são companheiros equivocados que derrapam em obsessões subtis e foram acionados contra ti por adversários desencarnados, que se opõem à tua faina, vitimando-os, sem que se dêem conta.

Desde que os não feriste, não te preocupes com eles.
Não intentes convencê-los dos valores que te negam.
Recusam-se a ver-te corretamente.

Não reajas, a fim de não os vitalizar na trama escura em que se encontram, nem mantenhas maior preocupação com eles.
Na Terra, ninguém avança sem o desafio dos obstáculos, das provocações, dos inimigos.

O de que te acusam, neles falta.
O que arremetem contra ti, neles repleta.
Se alguém te traz a informação malsã veiculada por eles, desvia o assunto, faze abordagem das excelências do bem e do amor.

Destrinças as teias da intriga com que te pretendem envolver, utilizando as mãos da caridade para com eles.
O amor se exterioriza como magnetismo positivo de pessoa a pessoa, contagiando os que nele se envolvem com os recursos do otimismo.
Se não podes compreender fraternalmente os que te não estimam, também estás na iminência de graves perigos emocionais.

Sequer, mentalmente, excogites encontrar as razões das inimizades que te excruciam.
Pensa bem de todos, embora motivos aparentes te induzam a reflexionar de forma diversa.

A tua é a tarefa da luz contra a treva, do amor contra o ódio.
Fizeram-se teus inimigos, mas não te transformes em inimigos de ninguém.
Nem Jesus jornadeou entre nós sem inimigos impertinentes.

O mal tentou envolvê-lo e Ele é o bem;
as sombras procuraram dominá-Lo, não obstante Ele é a luz;
a mentira seguiu-Lhe os passos, todavia Ele é a verdade;
o ódio voltou-se contra Ele, apesar disso Ele é o amor...

Confia e refugia-te nEle, seguindo rigorosamente a trilha da mensagem que te fascina e não receies os maus, seus males, as tricas e intrigas que, se souberes superar, dar-te-ão maior razão de júbilo espiritual hoje mesmo e mais tarde em definitivo.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:56 pm

Coragem na Luta
Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Conserva a coragem na luta, seja qual for a situação.

Há caminhos menos difíceis de ser percorridos, no entanto, todos exigem que se os vençam.

Pensa-se que, pelo fato de estar-se trabalhando pelo bem do próximo, não se enfrentam dificuldades e obstáculos.

É puro engano. Em toda parte e posição a criatura humana é a mesma.

São Vicente de Paulo, que tanto se dedicou aos pobreza afirmava que estes "eram muito exigentes e ingratos".

Tem, pois, bom ânimo sempre.

§.§.§- O-canto-da-ave

Contorne as Dificuldades
Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Se uma dificuldade surge, impedindo-te a caminhada, não percas tempo.
Detém o passo e contorna o obstáculo.

Se algum problema inesperado ameaça o teu equilíbrio, não te aflijas.
Silencia a revolta e busca solucioná-lo conforme as tuas possibilidades.

Se alguém, a quem amas, mudou de conduta em relação a ti ou abandonou-te, mantém-te sereno.

O rebelde e o desertor, com as suas atitudes intempestivas, já perderam a razão.
Permanece em paz.

O que agora percas, conseguirás mais tarde.

Quanto te aconteça, sabendo te portares, será sempre para o teu bem futuro.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:56 pm

Ante nossos Adversários
Livro: Mais Perto
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Interpretemos nossos adversários por irmãos, quando não nos seja possível recebê-los por instrutores.
Quando o Senhor nos aconselhou a paz com os inimigos do nosso modo de ser, recomendou-nos certamente o olvido de todo mal.

Às vezes, fustigando aqueles que nos ofendem, a pretexto de servirmos à verdade, quase sempre faltamos ao próprio dever nos setores da cortesia e da educação.

Nem todos podem enxergar a vida por nossos olhos ou aceitar o mapa da jornada terrestre, através da cartilha dos nossos pontos de vista.

E, não raro, em zurzindo os outros com o látego da crítica ou intoxicando-se com o vinagre do azedume, procedemos à maneira do lavrador que enlouquecesse, de improviso, espalhando cáusticos destruidores sobre a plantação nascente, necessitada de auxílio pela fragilidade natural.

Claro que o amor fraterno encontra múltiplos modos para fazer-se sentir no reajuste das situações difíceis da vida e é justamente para a verdadeira solidariedade que nos cabe apelar em qualquer circunstância difícil.

Se incentivamos o incêndio, atirando-lhe combustível, e se maltratamos as feridas alheias, alargando-lhes as bordas, a golpes de força, também não entraremos em harmonia com os nossos adversários por intermédio da violência.

Usemos o amor que o Mestre nos legou, se desejamos a paz na Vida Maior.
Compreendamos aqueles que nos ofendem.
Oremos pelos que nos perseguem ou caluniam.

Suportemos quantos nos perturbem.
Sejamos o apoio dos companheiros mais fracos.

E o Divino Senhor da Vinha do Mundo, que nos aconselhou o livre crescimento do joio e do trigo, no campo da Terra, em momento oportuno, se fará revelar, amparando-nos e selecionando-nos os caminhos para as tarefas que nos façam mais justas.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:57 pm

Solidão
Livro: O Homem Integral
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Espectro cruel que se origina nas paisagens do medo, a solidão é, na actualidade, um dos mais graves problemas que desafiam a cultura e o homem.

A necessidade de relacionamento humano, como mecanismo de afirmação pessoal, tem gerado vários distúrbios de comportamento, nas pessoas tímidas, nos indivíduos sensíveis e em todos quantos enfrentam problemas para um intercâmbio de ideias, uma abertura emocional, uma convivência saudável.

Enxameiam, por isso mesmo, na sociedade, os solitários por livre opção e aqueloutros que se consideram marginalizados ou são deixados à distancia pelas conveniências dos grupos. da sociedade competitiva dispõe de pouco tempo para a cordialidade desinteressada, para deter-se em labores a benefício de outrem.

O atropelamento pela oportunidade do triunfo impede que o indivíduo, como unidade essencial do grupo, receba consideração e respeito ou conceda ao próximo este apoio, que gostaria de fruir.

A mídia exalta os triunfadores de agora, fazendo o panegírico dos grupos vitoriosos e esquecendo com facilidade os heróis de ontem, ao mesmo tempo que sepultam os valores do idealismo, sob a retumbante cobertura da insensatez e do oportunismo.

O homem, no entanto, sem ideal, mumifica-se.
O ideal é-lhe de vital importância, como o ar que respira.

O sucesso social não exige, necessariamente, os valores intelecto-morais, nem o vitalismo das ideias superiores, antes cobra os louros das circunstâncias favoráveis e se apoia na bem urdida promoção de mercado, para vender imagens e ilusões breves, continuamente substituídas, graças á rapidez com que devora as suas estrelas.

Quem, portanto, não se vê projectado no caleidoscópio mágico do mundo fantástico, considera-se fracassado e recua para a solidão, em atitude de fuga de uma realidade mentirosa, trabalhada em estúdios artificiais.

Parece muito importante, no comportamento social, receber e ser recebido, como forma de triunfo, e o medo de não ser lembrado nas rodas bem sucedidas, leva o homem a estados de amarga solidão, de desprezo por si mesmo.

O homem faz questão de ser visto, de estar cercado de bulha, de sorrisos embora sem profundidade afectiva, sem o calor sincero das amizades, nessas áreas, sempre superficiais e interesseiras.
O medo de ser deixado em plano secundário, de não ter para onde ir, com quem conversar, significaria ser desconsiderado. Atirado à solidão.

Há uma terrível preocupação para ser visto, fotografado, comentado, vendendo saúde, felicidade, mesmo que fictícia.
A conquista desse triunfo e a falta dele produzem solidão.
O irreal, que esconde o carácter legítimo e as lídimas aspirações do ser, conduz à psiconeurose de autodestruição.

A ausência do aplauso amargura, face ao conceito falso em torno do que se considera, habitualmente como triunfo. Há terrível ânsia para ser-se amado, não para conquistar o amor e amar, porém para ser objecto de prazer, mascarado de afectividade. Dessa forma, no entanto, a pessoa se desama, não se torna amável nem amada realmente.

Continua...
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:58 pm

Continua...

Campeia, assim, o "medo da solidão", numa demonstração caótica de instabilidade emocional do homem, que parece haver perdido o rumo, o equilíbrio.

O silêncio, o isolamento espontâneo, são muito saudáveis para o indivíduo, podendo permitir-lhe reflexão, estudo, auto- aprimoramento, revisão de conceitos perante a vida e a paz interior.

O sucesso, decantado como forma de felicidade, é, talvez, um dos maiores responsáveis pela solidão profunda.

Os campeões de bilheteira, nos shows, nas rádios, televisões e cinemas, os astros invejados, os reis dos desportos, dos negócios, cercam-se de fanáticos e apaixonados, sem que se vejam livres da solidão.

Suicídios espectaculares, quedas escabrosas nos porões dos vícios e dos tóxicos comprovam quanto eles são tristes e solitários. Eles sabem que o amor, com que os cercam, traz, apenas, apelos de promoção pessoal dos mesmos que os envolvem, e receiam os novos competidores que lhes ameaçam os tronos, impondo-lhes terríveis ansiedades e inseguranças, que procuram esconder no álcool, nos estimulantes e nos derivativos que os mantém sorridentes, quando gostariam de chorar, quão inatingidos, quanto se sentem fracos e humanos.

A neurose da solidão é doença contemporânea, que ameaça o homem distraído pela conquista dos valores de pequena monta, porque transitórios.

Resolvendo-se por afeiçoar-se aos ideais de engrandecimento humano, por contribuir com a hora vazia em favor dos enfermos e idosos, das crianças em abandono e dos animais, sua vida adquiriria cor e utilidade, enriquecendo-se de um companheirismo digno, em cujo interesse alargar-se-ia a esfera dos objectivos que motivam as experiências vivenciais e inoculam coragem para enfrentar-se, aceitando os desafios naturais.

O homem solitário, todo aquele que se diz em solidão, excepto nos casos patológicos, é alguém que se receia encontrar, que evita descobrir-se, conhecer-se, assim ocultando a sua identidade na aparência de infeliz, de incompreendido e abandonado.

A velha conceituação de que todo aquele que tem amigos não passa necessidades, constitui uma forma desonesta de estimar, ocultando o utilitarismo sub-reptício, quando o prazer da afeição em si mesma deve ser a meta a alcançar-se no inter-relacionamento humano, com vista à satisfação de amar.

O medo da solidão, portanto, deve ceder lugar à confiança nos próprios valores, mesmo que de pequenos conteúdos, porém significativos para quem os possui.

Jesus, o Psicoterapeuta Excelente, ao sugerir o "amor ao próximo como a si mesmo" após o "amor a Deus" como a mais importante conquista do homem, conclama-o a amar-se, a valorizar-se, a conhecer-se, de modo a plenificar-se com o que é e tem, multiplicando esses recursos em implementos de vida eterna, em saudável companheirismo, sem a preocupação de receber resposta equivalente.

O homem solidário, jamais se encontra solitário.
O egoísta, em contrapartida, nunca está solícito, por isto, sempre atormentado.

Possivelmente, o homem que caminha a sós se encontre mais sem solidão, do que outros que, no tumulto, inseguros, estão cercados, mimados, padecendo disputas, todavia sem paz nem fé interior.

A fé no futuro, a luta por conseguir a paz intima - eis os recursos mais valiosos para vencer-se a solidão, saindo do arcabouço egoísta e ambicioso para a realização edificante onde quer que se esteja.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:58 pm

Aflitos
Livro: Mais Perto
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

"Bem-aventurados os aflitos!" - disse-nos o Divino Mestre.

Cabe-nos, todavia, considerar que semelhante felicidade não decorre simplesmente da dor pela dor.
Não podemos esquecer que a aflição é um dardo espiritual que nos impele à procura.
E somente aqueles que procuram a frente se transformam em construtores do progresso.

Quem encontra para si mesmo um acordo acomodatício com as experiências da Terra, dificilmente consegue ausentar-se do vale da estagnação para os luminosos cimos do conhecimento superior, às vezes, tão-somente, acessíveis pelos trilhos pedregosos do sofrimento.

Todas as descobertas, que dilataram a alegria e a cultura no Planeta, nasceram na aflição de homens desajustados que souberam criar a renovação à custa do próprio sacrifício.

Guttemberg sente a angústia do pensamento enclausurado e estabelece o berço da imprensa.
Colombo reconhece a estreiteza do Mundo Antigo e, preocupado, avança no rumo da América.
Edison experimenta a inquietação das trevas e inventa a lâmpada eléctrica que afugenta as sombras noturnas.

Marconi regista o tormento da separação que isola as criaturas entre si e aperfeiçoa o telégrafo, trazendo á civilização a maravilha do rádio.
Pasteur suporta consigo os padecimentos de milhões de enfermos e, atormentado, desenvolve a conquista salvadora contra os perigos do microcosmo.
Alinhamos estas citações para nos referirmos, tão-somente, a alguns dos missionários da prosperidade comum.

Não podemos olvidar, porém, acima de tudo, o martirológio do Grande e Inesquecível Aflito da Cruz.

Sentindo na própria alma as chagas da ignorância e da penúria que arruinavam a Humanidade, Cristo vem a nós e imola-se no madeiro, para que o Amor incendeie o coração humano na senda dos séculos.

Por esse motivo, a última lembrança do Divino Flagelado está expressa no desajustamento que o assinala no monte do testemunho.

Nem no céu indiferente aos enigmas do mundo, nem na Terra esquecido das perfeições celestiais, mas sim suspenso entre os anjos e os homens, como a dizer-nos que somente algemados à cruz de nossos próprios deveres é que acharemos, depois da procura vitoriosa, o excelso caminho de nossa própria ressurreição.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:59 pm

Amargura
Livro: Vinha de Luz
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

"Tendo cuidado de que ninguém se prive da graça de Deus e de que nenhuma raiz de amargura, brotando, vos perturbe, e por ela muitos se contaminem."
Paulo. (HEBREUS, 12:15.)

Para bem servir ao Senhor, não é razoável marchemos ao longo do trabalho honroso à maneira de cooperadores lacrimosos e descontentes.

A mágoa, muitas vezes, traduz desconfiança e deslealdade.

O coração operoso e confiante nunca perde o optimismo, colocando-se, antes de tudo, à frente do Infinito e da Eternidade.

Há dificuldades e problemas?
Prossigamos em serviço e o Mestre Divino oferecer-nos-á a solução.

Há sombras?
Lembremo-nos de que não existem nuvens eternas, porque o Centro da Criação é Luz Imperecível.

Há quedas?
Estejamos convictos de que o reerguimento não se fará esperar.

O dever do trabalhador é continuar a tarefa que lhe foi conferida, tanto quanto a obrigação do servo fiel é marchar na realização do programa de quem lhe concedeu a bênção do serviço edificante.

Tenhamos em mente que, em favor do êxito geral de nosso esforço, é imprescindível o incessante combate às raízes de amargura no coração.
Se brotarem livremente, serão venenosos arbustos, prejudicando a movimentação dos interesses colectivos de elevação e paz.

Guardemos reflexão e prudência, mas destruamos a amargura injustificável, para que não perturbemos a obra do Mestre e para que os nossos amados não se privem da graça de Deus.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:59 pm

Buril de Luz
Livro: Mãos Marcadas
Maria Dolores & Francisco Cândido Xavier

Em teus dias de dor,
Recorda, alma querida,
Que a dor é para a vida
Aquilo que o buril severo e contundente,
Entre as mãos do escultor,
É para o mármore sem forma...

Golpe aqui, golpe ali, outro mais e mais outro,
Um corte de outro corte se aproxima,
E o bloco se transforma
Em celeste beleza de obra-prima.

Que seria da pedra abandonada, ao chão,
Triste, bruta, singela,
Se a vida não traçasse para ela
Planos de construção?

Que destino o da argila esquecida e vulgar,
Sem a temperatura desumana,
Que deve suportar
Para ser porcelana?

Enxergaste, algum dia,
Fora das leis da natureza,
O trigo que não fosse triturado
Para ser pão à mesa?

Se alguém te fere e humilha, ama, entende, perdoa
E agradece ao trabalho, a angústia e a prova,
Em que a vida imortal se nos renova,
No anseio de ascensão que nos guia e abençoa...
Alma querida, escuta!...
Para seguir à frente,
Em plena elevação
Sempre mais alta e linda,

Quem não chora, não serve e nem padece ou luta,
Parece tão-somente
Um ser espiritual em formação
Que não nasceu ainda...

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 10:59 pm

Diante das Preocupações
Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Jesus disse:
"Não se turbe o teu coração", ensinando que a calma e a confiança em Deus devem ser o lema de toda criatura que deseja encontrar a felicidade.

Nunca faltam motivos para preocupações, inquietando o coração, perturbando a vida.

A existência humana é uma oportunidade de valorização dos bens eternos e de iluminação íntima.

Se colocas as tuas ansiedades em Deus e Lhe confias a tua vida, tudo transcorre normalmente, e, se algo perturbador acontece, a serenidade assume o controle da situação e age com acerto.

Deste modo, não te permitas turbar o coração nem a mente, ante as ocorrências mal sucedidas.

§.§.§- O-canto-da-ave

Diante da Dor
Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

A dor que te alcança é tua.

Ninguém sofrerá por ti.

Os amigos se apiedarão, buscarão auxiliar-te, porém, o empenho estará cravado nas carnes da tua alma.

Da mesma forma, a felicidade que te chega, é tua.

Haverá riso e satisfação entre aqueles que te amam, todavia, a sensação de júbilo não a podes repartir com ninguém.

Isto posto, no sofrimento, não imponhas amargura àqueles que te cercam, conforme na alegria, não podes fazer que eles se sintam ditosos.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 11:00 pm

Normas de Vencer
Livro: Somente Amor
Maria Dolores & Francisco Cândido Xavier

Em muitas ocasiões,
Sofres ante os próprios gritos,
Abafados nos conflitos
Das tentações a transpor...
É o fel do orgulho ferido,
A rebeldia, a tristeza,
As lutas da natureza,
Agindo em nome do amor

Queres seguir nos princípios,
Que a Lei Divina te aponta,
Mas as sombras são sem conta
Que o desânimo produz...
Cais, reergues-te e caminhas,
Ás vezes, cambaleando,
E, em preces, perguntas quando
Chegarás à Grande Luz.

Entretanto, alma querida,
Deus nos conhece os problemas,
Cala-te, serve e não temas
Treva, amargura ou pesar...
O erro é sinal de escola,
A dor é lição contigo
E Jesus segue contigo
Não pares de trabalhar.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 11:00 pm

Moléstia da Alma
Livro: Conviver e Melhorar - 11
Lourdes Catherine & Francisco do Espírito Santo Neto

Factores limitantes:
Tenho distúrbios de comportamento, mental e emocional.
Há muitos meses, venho tomando ansiolíticos e antidepressivos, mas nada melhora meu estado íntimo.

Vivo sentimentos contraditórios:
excesso de alegria ou de tristeza, agitação ou apatia, idéias fixas ou dispersivas.
Disseram-me que estou obsediado.
Sofro constantes crises de medo e de desconfiança sem motivo algum.

Considero-me um ser humano bom;
nunca fiz mal a ninguém.

Por que sofro esse assédio impiedoso?
Que fazer para livrar-me da agressão dessas entidades infelizes?

Expandindo nossos horizontes:
Sei que a fogueira da aflição queima junto a seu peito e você sente estranha aura ao redor de sua mente.

Enquanto você não assumir a responsabilidade por tudo o que lhe está acontecendo, não encontrará a verdadeira cura para sua alma.
Não se deve criar um mundo de explicações falsas, culpando os espíritos pela infelicidade e desarmonia vivenciadas.
Isso é distorcer o real sentido dos acontecimentos.

Você não pode culpar os outros por suas emoções e sensações, sob pena de nada aprender sobre si mesmo.

Aceitar a total responsabilidade por sua vida é a forma mais fácil de resolver dificuldades íntimas, mas certamente é uma tarefa que não se realiza da noite para o dia.

A auto-responsabilidade e o significado verdadeiro das coisas submetem-se mutuamente; são itens existenciais inseparáveis.

Obsessão é moléstia da alma.
Quando você compreender a simultaneidade que existe entre as influências espirituais negativas e seus actos e pensamentos íntimos, mais rapidamente dissolverá o elo existente entre eles.

A lei da compensação se perpetua até que o homem tenha resolvido suas acções equivocadas e se engajado no legítimo fluxo das leis universais.
Para cada conduta ou atitude errada a natureza solicita uma contra-acção que a equilibre.

Na vida estamos tecendo uma malha existencial.
A cada nova situação se interligam os fios que começamos a utilizar nas experiências anteriores.
Não podemos simplesmente anular o passado, mas podemos reformulá-lo e redirecioná-lo para a luz.

O percurso de um novo dia é, inevitavelmente, influenciado pelas experiências e acções dos dias precedentes.

A aflição para você tem sabor de eternidade, mas, em breve, ela poderá desaparecer.
Basta procurar nos princípios espíritas os apontamentos lógicos e a exacta orientação de que necessita para se libertar do desequilíbrio mental e emocional - causa principal de sua obsessão.

Continua...
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Ter Jan 18, 2011 11:01 pm

Continua...

As reuniões mediúnicas auxiliarão em muito a higienizar e restaurar a atmosfera fluídica de sua aura, contaminada por energias deletérias ali armazenadas.

Provavelmente, serão afastadas as entidades que actuam em seu dia-a-dia;
mas se você não modificar seu modo de pensar e agir, abandonando suas limitações, elas ou outras companhias desagradáveis poderão retornar.

Sua mente guarda, zelosamente, factos, informações, ideias e conceitos.
Sua memória é o registo fiel de tudo quanto ocorreu com você através dos tempos, tanto no corpo físico como fora dele.
Você cria a própria realidade com sua mente.

Na verdade, você “veste” as emoções e os pensamentos dos espíritos e coopera na assimilação das sensações aflitivas lançadas sobre seu corpo astral.
Você é um canal de expressão, e em sua intimidade, estão todas as matrizes de seus desarranjos.
Suas emoções são semelhantes às fases da lua: ora “crescente”, ora “minguante”.

Não se esqueça também de que você é o único responsável pelas forças negativas que sugam suas energias e tentam dominar sua casa mental.
Não existe fatalidade em sua vida, apenas atracção e repulsão, conforme sua afinidade.

Na esfera física como na espiritual só se percebe e age em um espaço delimitado, quer dizer, cada pessoa actua segundo seu grau de consciência ou em consonância à sua faixa vibratória.

Na esquina da vida, você é um pedinte que suplica a esmola da paz.
Mas, lembre-se de que é igualmente uma usina de forças, recebendo, doando e assimilando o magnetismo de outros seres, encarnados ou não.
Os espíritos desequilibrados que estão a seu redor apenas exploram suas fraquezas.

Buscam pontos vulneráveis, envolvendo-o negativamente em seu baixo padrão vibracional.
Portanto, ninguém tem o poder de transtornar sua mente, a não ser que você ceda diante da perturbação.

Quando você diz que é um ser humano bom, que nunca fez mal a ninguém, acredita estar vivendo um acto de injustiça.
Porventura, já se perguntou:
faço mal a mim mesmo?
Será que respeito meus direitos pessoais?
Considero minhas necessidades tão importantes quanto as dos outros?

Para você se livrar das agressões dessas entidades, procure encontrar a área de sua vida que está mais insegura e fragilizada.
Reforce-a e inicie um trabalho interior.

Desfaça a necessidade de querer dos outros o que deve providenciar por si mesmo.
Isso o aproximará da libertação.

Pouco a pouco, a aflição que lhe atormenta os sentidos se esvairá, e experimentará uma força nova que brotará do seu interior, equilibrando seus sentimentos descompensados.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:40 pm

Tribulações
Livro: Vinha de Luz
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

"Também nos gloriamos nas tribulações."
Paulo. (ROMANOS, 5:3.)

Comentando Paulo de Tarso os favores recebidos do Plano Superior, com muita propriedade não se esquecia de acrescentar o seu júbilo nas tribulações.

O Cristianismo está repleto de ensinamentos sublimes para todos os tempos.

Muitos aprendizes não lembram o apóstolo da gentilidade senão em seu encontro divino com o Messias, às portas de Damasco, fixando-lhe a transformação sob o hálito renovador de Jesus, e muitos companheiros se lhe dirigem ao coração, mentalizando-lhe a coroa de espírito redimido e de trabalhador glorificado na casa do Pai Celestial.

A palavra do grande operário do Cristo, entretanto, não deixa margem a qualquer dúvida, quanto ao preço que lhe custou a redenção.

Muita vez, reporta-se às dilacerações do caminho, salientando as estações educativas e restauradoras, entre o primeiro clarão da fé e o supremo testemunho. Depois da bênção consoladora que lhe reforma a vida, ei-lo entre açoites, desesperanças e pedradas.

Entre a graça de Jesus que lhe fora ao encontro e o esforço que lhe competia efectuar, por reencontrá-lo, são indispensáveis anos pesados de serviço áspero e contínua renunciarão.

Reparemos em nós mesmos, à frente da luz evangélica.

Nem todos renascem na Terra, com tarefas definidas na autoridade, na eminência social ou no governo do mundo, mas podemos asseverar que todos os discípulos, em qualquer situação ou circunstância, podem dispor de força, posição e controle de si próprios.

Recordemos que a tribulação produz fortaleza e paciência e, em verdade, ninguém encontra o tesouro da experiência, no pântano da ociosidade.

É necessário acordar com o dia, seguindo-lhe o curso brilhante de serviço, nas oportunidades de trabalho que ele nos descortina.
A existência terrestre é passagem para a luz eterna. E prosseguir com o Cristo é acompanhar-lhe as pegadas, evitando o desvio insidioso.

No exame, pois, das considerações paulinas, não olvidemos que se Jesus veio até nós, cabe-nos marchar desassombradamente ao encontro dEle, compreendendo que, para isso, o grande serviço de preparação há de ser começado na maravilhosa e desconhecida "terra de nós mesmos".

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:41 pm

Dificuldade e Bênção
Livro: Amigo
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Dificuldade gerando bênção é lição habitual na escola da natureza:
- a árvore podada, ampliando a produção;
- o minério criando o aço quando submetido a mais altas formas de calor;

- o mármore, laboriosamente cortado, cedendo lugar aos primores da escultura;
- o espinho do bisturi efectuando os prodígios da cirurgia...

Assim, nos domínios do espírito, variadas são as ocorrências de impacto que afligem a criatura na Terra:
- o afastamento de companheiros queridos, complicando a realização de respeitáveis planos de trabalho;
- a explosão de enfermidade complexa exigindo longo esforço de recuperação;

- o acontecimento infeliz, envolvendo familiares e amigos, reclamando sacrifícios para o retorno à tranquilidade;
- a desencarnação de pessoas amadas impondo lesões ao campo emotivo e requisitando mais trabalho ao coração ferido, para que não se desequilibre a engrenagem doméstica...

Se crises dessas te amarfanham a sensibilidade, não esmoreças e suporta com firmeza a tempestade espiritual em que te vejas, sem desertar do posto de serviço em que a sabedoria da vida te situou.

Provavelmente agora não percebes os fios invisíveis que entretecem as ocorrências para o bem, no entanto, se permaneces fiel ao próprio dever, agindo e servindo, em tempo breve, reconhecerás, muito embora as provações sofridas, que a Lei de Deus, em nosso benefício, faz sempre o melhor.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:41 pm

Obstáculos
Livro: Sinal Verde - 20
André Luiz & Francisco Cândido Xavier

Diante dos obstáculos, fazer o melhor e seguir para a frente.

Sempre desapontamos alguém e sempre alguém nos desaponta.

Assim como nem todos podem habitar o mesmo sítio, nem todos conseguem partilhar as mesmas ideias.

Nunca explodir, gritar, irar-se ou desanimar e sim trabalhar.

Depois de um problema, aguardar outros.

O erro ensina o caminho do acerto e o fracasso mostra o caminho da segurança.

Toda realização é feita pouco a pouco.

Nos dias de catástrofe, nada de cólera ou de acusação contra alguém, e sim a obrigação clara de repormos o comboio do serviço nos trilhos adequados e seguir adiante.

Quem procura o bem, decerto que há de sofrer as arremetidas do mal.

Plantar o bem, através de tudo e de todos, por todos os meios lícitos ao nosso alcance, compreendendo que, se em matéria de colheita Deus pede tempo ao homem, o homem deve entregar o tempo a Deus.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:42 pm

Ante os Impedimentos
Livro: Sementes de Vida Eterna
Divaldo P. Franco

No labor espírita a que nos vinculamos, meditemos em torno dos impositivos que o trabalho nos exige, examinando as possibilidades ao nosso alcance e tenhamos tento contra os impedimentos subtis que se chamam:
hora vazia, negligência, presunção, arrogância, inquietação, avareza.

Considerando a necessidade de agir com o indispensável equilíbrio para manutenção do programa do Senhor, envidemos esforços no sentido de catalisar os recursos inatos, utilizando as forças inexauríveis do amor para a edificação da Obra do Senhor.

Para colimar esse desiderato, vigiemos as nascentes do espírito, donde promanam problemas e bênçãos, considerando que a desencarnação a cada um surpreende no momento próprio e que as realidades não concluídas ressurgirão no além-túmulo sem solução de continuidade, chamando o obreiro leviano e irresponsável à prestação de contas do mandato que lhe foi confiado.

Nunca faltam impedimentos que estão em nós mesmos e se exteriorizam como fantasmas da nossa paz.

Nesse particular, o além-túmulo, que tudo regista, ressuscita a memória, após a desencarnação do negligente, fazendo que cada um desperte na paisagem preferida.

Aqui, os labores se dilatam, os ódios se mesclam de irascibilidade, a negligência padece atribulação e os recursos malbaratados reassumbram em forma de remorso tardio, arrependimento insensato, e a consciência passa a verter gotas de ácido, queimando e requeimando o interior que se converte, então, em fornalha viva da desesperação.

Assim, os que faliram na realização superior dementam-se;
os que sucumbiram pelo desequilíbrio anestesiam-se;
os que fracassaram pela presunção hibernam-se;
aqueles que o letargo da idiossincrasia sistemática adormece acordam em estágio primitivo, transformando os centros da razão em fulcros de terríveis estados alucinatórios, nos quais se fixam como animais batidos pela fúria deles mesmos...

Por esta razão, o Senhor nos concede dilatação dos recursos e possibilidades de auxílio aos desencarnados e a nós mesmos, facultando-nos discernir para aplicar no quotidiano as lições vivas, de modo a não rentearmos pelos mesmos caminhos infelizes, mergulhando no abismo em que ora padecem os que antes se enganaram.

São eles os nossos irmãos desencarnados, em estágio de dor na retaguarda, lição viva para nós, estejam irmanados no ódio injustificável, permaneçam no desespero cruel, demorem-se em hibernação lamentável...

Aprendamos com eles disciplina e correcção, harmonia e dever, de modo a trabalharmos a consciência com o buril da resignação e o escopo da benemerência, enriquecendo-a com os tesouros inalienáveis do amor de Nosso Pai que estão ao alcance do nosso esforço.

Reflexionando e evitando quaisquer impedimentos ao serviço do bem, ajudemos e ajudemo-nos, certos de que o Senhor não cessa de nos ajudar.

Muita Paz
Gilberto Adamatti

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:42 pm

As Doenças
Livro: Plenitude
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

À semelhança do buril agindo a pedra bruta e lapidando-a, as doenças são mecanismos buriladores para a alma despertar as suas potencialidades e brilhar além do vaso orgânico que encarcera.

A doença é resultado do desequilíbrio energético do corpo em razão da fragilidade emocional do espírito que o acciona.
Os vírus, as bactérias e os demais microorganismos devastadores não são os responsáveis pela presença da doença, porquanto eles se nutrem das células quando se instalam nas áreas em que a energia se debilita.

Causam fraqueza física e mental, favorecendo o surgimento da doença, por falta da restauração da energia mantenedora da saúde.
Os medicamentos matam os invasores, mas não restituem o equilíbrio como se deseja, se a fonte conservadora não irradia a força que sustenta o corpo.

A conduta moral e mental dos homens, quando cultiva as emoções da irritabilidade, do ódio, do ciúme, do rancor, das dissipações, impregna o organismo, o sistema nervoso, com vibrações deletérias que bloqueiam áreas por onde se espraia a energia saudável, abrindo campo para a instalação das enfermidades, graças à proliferação dos agentes viróticos degenerativos que ali se instalam.

Às tensões físicas, mentais e emocionais são, igualmente, responsáveis pelas doenças - sofrimento que gera sofrimento.

Evitando essas cargas, o sistema energético-imunológico liberará de doenças o indivíduo, e a sua vida mudará, passando a melhorar o seu estado de saúde.

As causas profundas das doenças, portanto, estão no indivíduo mesmo, que se deve auto-examinar, auto-conhecer-se a fim de liberar-se desse tipo de sofrimento.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:42 pm

No Plano dos Inimigos
Livro: Bênção de Paz
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

O Ofensor apareceu diante de ti à maneira de um teste de aprimoramento moral.

Injuriou-te o nome.

Zombou-te dos brios.

Gritou-te ameaças.

Golpeou-te os sentimentos.

Desafiou-te a capacidade de tolerância.

Apedrejou-te os ideais.

Escarneceu-te dos propósitos.

Torturou-te o pensamento.

Disse Jesus:
" Ama os teus inimigos", mas não recomendou que os tomássemos por modelos de serviço e conduta, quando os nossos opositores se afeiçoem ao mal.

Mentaliza um homem estirado no charco.
É razoável lhe estendas a mão, no fito de socorrê-lo;
entretanto, nada justifica te afundes, por isso, conscientemente no barro.

É preciso salvas as vítimas do incêndio, mas a vida não te pede o mergulho desamparado nas chamas.

O adversário é sempre alguém digno do auxílio ao nosso alcance, mas nem sempre, com desculpa de amor, devemos fazer aquilo que ele estima fazer.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:43 pm

Tópicos da Ansiedade
Livro: Apelos Cristãos
Bezerra de Menezes & Francisco Cândido Xavier

Filhos, confiemos na protecção do Senhor em nossas dificuldades.

Atendamos à saúde, através da serenidade, e esperemos a bênção de Jesus que nunca nos desampara.

A postos, dedicados Benfeitores Espirituais cooperam em favor dos amigos encarnados, rogando ao Senhor nos guarde e ampare, hoje e sempre.

Quanto mais possamos acrescentar serenidade e paciência em nossas sólidas bases de fé, mais amplas se nos farão as melhoras gerais quanto ao necessário equilíbrio emocional.

Confiemos no amparo de Jesus, entregando a Ele Nosso Senhor e Mestre, os problemas que nos pareçam sem solução acessível imediata ante o nosso esforço e confiemo-nos à Divina Providência que a todos nos protegerá, hoje como sempre.

Reergamos o ânimo abatido.

Reajustemo-nos, para corresponder à protecção que o Senhor nos tem dispensado.

A dificuldade é nosso degrau de ascensão.

Não nos faltará o amparo Divino.

Guardemos a serenidade!

Nossa fé viva, nosso valor!

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:43 pm

O Sofrimento
Livro: Vida Feliz
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Todos sofrem, enquanto estão no mundo.

A dor é um método eficiente para a renovação, quando falecem os benefícios do amor não vivido.

Diante desta fatalidade inevitável, que o Espírito enfrenta nos mais variados matizes, cumpre-lhe recebê-la com dignidade e confiança.

O que hoje se apresenta atormentante, ameaçador, amanhã se converte em paz.

A doença física ou mental, a aflição económica ou moral, passam deixando os resultados conforme o grau de elevação pessoal através do qual foram recebidas.

Não te consideres, pois, infeliz, quando sofrendo. Retira os benefícios da injunção expungitiva e segue adiante, encorajado.

§.§.§- O-canto-da-ave

Diante da Intriga
Livro: Vida Feliz - 168
Joanna de Ângelis & Divaldo P. Franco

Sorrateiramente, a intriga se insinua no teu coração, cerrando a porta dos teus sentimentos à serenidade.

Torna-te frio e calculista, impiedoso e armado contra o outro, que talvez não mereça esta reacção de tua parte.

O intrigante sempre encontra uma forma de envenenar-te.

Conhecendo o teu temperamento, infiltra-se com suavidade e te alcança, alanceando-te com a informação infame.

Reage à intriga e educa o intrigante, a fim de que ele te deixe em paz e passe a ter paz, ao mudar de atitude mental e moral.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Ave sem Ninho em Qui Jan 20, 2011 10:44 pm

Um só problema
Livro: Rumo Certo
Emmanuel & Francisco Cândido Xavier

Quando a ilusão nos colhe o espírito, impelindo-nos para amargosos desenganos, evidentemente não nos é lícito lançar a responsabilidade integral do fracasso de nossa expectativa sobre os outros, já que, no fundo, somos nós mesmos que nos deixamos embair pela nossa própria super-estimação acerca de criaturas e circunstâncias.

Se a tentação nos apanha desprevenido, sacudindo-nos em rajadas de aflição, depois de atirar-nos a despenhadeiros de remorso, não nos será possível atribuir a outrem a culpa dos pesares que nos desajustam as províncias da alma e sim a nós, que não vigiamos suficientemente a tranquilidade de consciência.

Por trás do sofrimento a se nos originar do orgulho ferido, está simplesmente a paixão pelas aparências a que ainda se nos afeiçoa o sentimento de superioridade ilusória.

Ante as nossas queixas, em torno da ingratidão, na essência existe apenas a incompreensão que, por enquanto, nos assinala o modo de ser, a exigir dos companheiros de experiência devoções e atitudes para as quais não se mostram ainda amadurecidos ou indicados.

Empenhados ao azedume da crítica, debitamos semelhante perturbação tão-somente a nós pela nossa incapacidade de avaliação do esforço alheio.

E sempre que tenhamos de alegar, enquanto na Terra, provas e inibições, obstáculos e lutas que por vezes começam para nós do berço físico, o montante desses impedimentos é a carga de sombra que trazemos em nós, por injunções da Contabilidade Divina, transportada de existência para existência, assim como determinada conta é transferida de livro para livro, na Contabilidade do Mundo, conforme os débitos que assumimos.

À vista disso, encontramos connosco um só problema fundamental - nós em nós mesmos.

Aprendamos a conhecer-nos e conheceremos os outros.

Rectifiquemos a nossa vida por dentro de nós e a vida por fora se nos revelará sempre por maravilha de Deus.

§.§.§- O-canto-da-ave
avatar
Ave sem Ninho

Mensagens : 70079
Data de inscrição : 07/11/2010
Idade : 61
Localização : Porto - Portugal

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: Problemas e Dificuldades:

Mensagem  Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 5 de 6 Anterior  1, 2, 3, 4, 5, 6  Seguinte

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum